Caminhoneiro peludo me fodeu.

Click to this video!


Era tarde da noite quando eu viajava sozinho para casa dos meus parentes em Curitiba para comemorarmos o natal de 2015, ja era 20h e ja fazia 5 horas que eu estava na estrada, eu estava exausto de tanto dirigir e também as estradas movimentadas nao ajudavam em nada, naquele mesmo dia acontecerá muitas coisas e o stress tomava conta da minha cabeça como nunca havia tomado antes, Eu estava tentando procurar algo na radio para distrair a cabeça conforme ia passando só tocava rock, funk, todos sem um pingo de melodias relaxantes, isso só aumentava meu stress ainda mais,até que achei uma rádio que apenas havia um homem falando, o mesmo estava respondendo perguntas de telespectadores ao vivo, era uma estação liberal e especialmente para adultos, por esse mesmo motivo as pessoas perguntavam coisas em relação a sexo, mulheres, baladas especialmente sobre sexo. Eu ja estava ouvindo aquela estação a uns 20 minutos intrigado com as dicas que o apresentador falava e me perguntando "como eu não sabia disso antes?" Até que um homem fez a seguinte pergunta,
"Meus dias são muito corridos e toda vez que chego do trabalho tenho dores de cabeça enormes! O que posso fazer para que eu me desestressar?"
Rolou um silêncio de uns 4 segundos até que o apresentador respondeu:
_Um bom momento de amor próprio pode acalmar e desestressar, tente fazer sexo mais vezes ou caso nao possa ou não quer se masturbe! Isso ajuda no dessestrese e acalma os nervos!
Fiquei impressionado com a resposta e perguntei a mim mesmo se isso realmente funcionava!

As estradas ja não haviam mais tanto movimento e então aproveitei pra bater aquelasinha (ja que fazia tempos que não me masturbava) estacionei o carro em um posto e foi la mesmo! Saquei meu pau pra fora da calça e comecei a me punhetar, rapidamente meu pau ficou duro, tenho 16cm e não é lá essas coisas mais o equipamento funciona muito bem se é que vocês me entendem rsrs...Eu ja estava ali a uns 15 minutos e estava segurando pra não gozar, a punheta estava tão boa que não notei a aproximação de um caminhão que estava estacionando ao lado do meu carro, quando fui notar um homem desceu do caminhão era um sujeito na faxa etária de uns 45 anos cabelos grisalhos, alto, robusto, másculo, possuía uma barba estilo cavanhaque só que a parte do queixo raspado, estava sem camisa com a mesma pendurada no ombro, era peludo e não tinha o abdômen bem definido apenas possuía braços fortes e também bastante pelo nas pernas e nos braços, quando notei sua presença levei um susto e tentei esconder meu pau, mais eu estava com muito tesão e minha tentativa de disfarce não funcionou muito bem, o homem me olhou deu um sorisinho de canto e se aproximou da janela do carro:
Ele: Algum problema aqui camarada?
Eu: Não senhor, apenas parei pra relaxar um pouquinho! E dei um sorrisinho meio sem graça
(Meu coração palpitava forte pela vergonha e pela sua ilustre presença)
Ele então soltou uma gargalha grossa, nesse momento o constrangimento aumentou.
Ele: Bom eu vim aqui pra tomar uma ducha no chuveiro do posto se quiser uma companhia é só ir lá!
Eu o olhei com uma cara séria como se eu expressasse "ta me estranhando? " Ele sorriu de canto novamente e partiu em direção ao posto.

No começo eu não estava muito confiante de aceitar o convite do urso peludo, eu ja havia tido experiências com outros homens no exercito (conto isso em outra história) e confesso que ter o corpo de um homem colado no meu certamente me agrada muito. Tomado pelo tesão que senti por aquele homem eu fui em direção ao posto bem aonde o cabra tinha ido, chegando perto das bombas de gasolina perguntei ao frentista que estava lá, aonde ficava os chuveiros, ele então olhou pra mim e riu sarcasticamente e disse:
Ele: Moço aqui não a chuveiro algum, apenas os lava-carros!
Eu: Como assim o Caminhoneiro que passou por mim disse que havia!
Ele então me olhou com cara de desconfiado e respondeu:
Ele: Olha aqui realmente não tem chuveiro algum, mais se você tem algum assunto pra resolver, o tal Caminhoneiro que você se refere foi aos banheiros la do fundo!
Agradeci a ajuda e fui até os tais banheiros, no posto havia uma loja onde vendia varias coisas e atrás dela ficava os banheiros. Chegando neles eu entrei e la estava o Caminhoneiro se olhando no espelho, ele então olhou pra mim e sorriu dessa vez foi um sorriso de verdade e deu pra ver claramente seus dentes brancos perfeitos, embora seus dentes parecessem ser lavados 5 vezes ao dia do seu corpo exalava um certo odor de suor. Foi então em direção aos mictórios, abriu o shorts e sacou sua pica de aproximadamente 10cm (isso enquanto estava flácido), estava sem cueca e tinha uma grande quantidade de pelos na região do pênis e do saco, começou então a urinar, sua urina era amarelada e jorrava forte de seu pênis enquanto ele continuará nao falávamos nada até que ele estendeu a mão em minha direção como se tivesse me chamando, fui então na sua direção estendi a mão e ele agarrou a minha devagarinho foi levando minha mão até a direção de seu pau (a essa altura ja parará de mijar), cochichou entao nos meus ouvidos:
Ele: Deixa ele duro pra mim.
Meu coração palpitava forte enquanto eu tocava naquela pica quente e pulssante.

Comecei a fazer movimentos suaves em seu pau e cada vez endurecia mais, quando fui perceber sua pica ja estava com uns 20cm, ele pussava na minha mão, e conforme pussava podia se notar varias veias circulando e dando voltas em seu pênis. Ele então me abaixou com força e me pos de joelhos, minha cabeça se encontrará na mesma direção que seu pau e na mesma hora podia se notar um odor exalando do seu pênis, tinha um cheiro bom de pau de macho, isso me deixou louco e sem esperar eu comecei a chupar aquela pica! Meu Deus! Tinha um gosto maravilhoso de cabra macho, comecei com a cabeça era vermelha cor salmão depois aprofundei cada vez mais até que seus pentelhos ja estavam encostados perto na minha boca, ele tirou então minha cabeça de seu pau e começou a esfregar com forca meu rosto no seu saco peludo aquilo foi maravilhoso! Depois novamente comecei a mama-lo dessa vez com mais tesão e com vontade!

Depois de uns 10 minutos mamando aquela pica até o caroço ele me levantou me virou em direção ao mictório e me fez apoiar em um deles, Começou então a passar a língua no meu cuzinho apertado ele começou passando a língua em volta do meu anel até que começou a enfia-la la dentro enfiou tanto que achei que queria me foder com sua língua mesmo! Depois se levantou e sem vestir camisinha nem nada começou a enfiar sua rola preta dentro de mim novamente primeiro a cabeça, achei que ele ia ser carinhoso mais depois da entrada da cabeça ele enfiou com tudo, soltei um berro do tamanho do mundo e sem parar ele segurou nos meus quadris e começou a enfiar a pica sem dó, nisso eu ja havia tampado minha boca para não gritar, foi assim durante 6 minutos até que ele parou tirou a piroca de dentro do meu cu e me ajoelhou em direção ao seu pau de novo dessa vez ele segurou minha cabeça e começou a foder minha boca, continuou por uns 30s até que ele enfiou até o talo e parou, sem dar tempo para mim respirar ele começou a soltar jatos de goza na minha garganta foi uns 3 jatos cheios de porra, eu sabia que o gosto não me agradava mais eu me recusava a cuspir a porra daquele macho, depois de eu empurrar muito ele soltou minha cabeça e retirou a pica da minha boca eu tossi várias vezes podendo finalmente respirar meus olhos lacrimejavam muito, e então ele se curvou pra perto de minha boca e enfiou sua enorme lingua na minha boca me dando um beijo de língua como nunca eu havia beijado antes.

Fechou seu shorts e partiu em direção a porta eu gritei pra ele esperar e pedi que passase seu número pra termos outras aventuras como aquela ele me olhou e disse que não seria possível nos encontrarmos de novo pois ele morava em Santa Catarina e só estava passando por ali pois a empresa onde ele trabalhava estava com caminhoneiros escassos pois estavam todos entregando e levando coisas pelo país, ja que fosse assim pedi para ele outro beijo daquele, ele veio em minha direção segurou minha cabeça e me beijou melhor do que a primeira vez, e foi embora. Voltei para o meu carro e segui viajem eu estava feliz e não parava de pensar em cada segundo daquela tranza mais por outro lado eu também estava triste pois o destino nao nos reuniria de novo.

E no final, não é que o estresse passou mesmo?! Haha


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


90070 - Fiz o coroa encanador se contorcer de prazer - Categoria: Fantasias - Votos: 3
90119 - O segurança inseguro. - Categoria: Fantasias - Votos: 1
90769 - O amor do meu padastro. - Categoria: Fetiches - Votos: 2

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico lukethesummer

Nome do conto:
Caminhoneiro peludo me fodeu.

Codigo do conto:
90058

Categoria:
Fantasias

Data da Publicação:
04/10/2016

Quant.de Votos:
5

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


pokemon hq pornocontos eroticos eu i meu pai ele depilou minha xereca com fotosrecatada babando no pau do amigo safado fotoscontos mia mulhezinha arumou u amate muito bemdotado ela gemi muito na rolona dele contosmastubei meu cu pela primeira vez conto eroticofotos de gay novinhos todos juntosdando o cucontos eroticos caguei no pau gayporn esposa cavalonaquadrinhos eróticos caique e o pedreiron quadrinhos eróticos novelas eróticas futuro sogrocaldo de buceta sujaAmigo de infância conto eroticoContos erotico cinemão padrasto.mete.na.mae e filhaconto erótico em quadrinho Tietaconto erotico estrupo gayquadrinhos eroticos de bbccontos eroticos esposa dormiuConto porno desdi pequena pai e mae me comeComo minha enteada de de novinha em conto eroticoscontos de vovos safadas cachorrasDominação Tântrica V – Transcendênciazoofilia.com.canhoros.pasudos.gratismenino pirocudo casada crente contosno conto erotico melho tramsa d minha vida foi com minha mae e minha tiafilha mostrando a bunda para o pai incesto brasilquadrinhos eroticos gay 2017 gay virgensconto emprestando a esposacontos veridico minha mulher trepando com um caminhoneiro bem dotadono cuzinho nao papai famíliaconto erotico com meninasconto erótico corno gaypadrasto a proveita a donselinha dormindo a mulhe a vai desvirginar a entiadacontos climax eroticoadoro ser dividida pelo meu macho contos eróticocontos eroticos trai meu marido em casa com dois negoesContos eroticos de pedreiros com fotos ilustradascarolzinha santos baixinha gostoza trepanoconto eritico com amigo do meu irmaoconto encanador rouba calcinhasloira ganha presente surpresa no hotel do marido cornosex hentai art of jaguarWww.novinhamoleca.comminha esposa deu para o amigo viadoxvideoconto erotico deflorando a menininhaas gosadasmas q sai pora na cara da putaemguadrinhos 3d adivogada eroticoContos eroticos chupada dormindoconto erotico minha namorada dançando forro com meu tiominhaesposagostosaultimos conto sadonovinhas escancarando o bucetao de legbuceta+grandenegao jumento estrupa evajelicacomercuegostosocontos porno maes putas que fumam baseados e.depois dao a bunda pros filhos novinhos e roludoscontos eroticos de esposa iniciando o marido como putinhacu arrombado da minha esposa depois da noitadacontos eroticos vovozinhos e netosporno gay da liga da justisasam tres espias demais nuaconto erotico meu paisinhopriminha lésbica contossobrinho comendo sua tia de sangue conto eroticocontos eroticos tias com subrinhasultimos contos sadocontos eroticos secretaria peitudaconto erotico com pauultimos contos sadoconto erotico gay tecnicocontos eroticos mulher do amigo se tornou orgia.contossado de submissao real