Minha mãe é muito gostoza.

Click to this video!


Desde meus quatorze anos fui morar na casa dos meus avós maternos, devido a violência constante do meu pai que por qualquer motivo partia pra cima de mim pra me bater... Ele era muito violento. Meus avós tinha uma boa situação financeira e me bancaram até eu conseguir um emprego em um banco estatal e entrar pra faculdade de administração. Aos dezesseis tive minha primeira relação sexual com uma professora de quase quarenta anos (casada); e foi com ela que passei a gostar de comer um cuzinho apesar de fazermos tudo o que era possível no sexo. Eu sempre tive um bom porte físico, que sem modéstia chamava a atenção das mulheres. Namorava muitas garotas, mas era das mais velhas que passei a gostar de me relacionar intimamente. Além da professora, transei também com a diretora do colégio que já estava beirando os 50 anos... Ela adorava um boquete e principalmente de dar o cu. E outra foi com minha tia Julia; irmã mais velha da minha mãe: 45 anos e muito parecida com a minha mãe. Meus encontros com minha mãe Renata eram esporádicos; quando ela vinha visitar meus avós e até em locais públicos: shopping, bares e restaurantes. Minha mãe era um mulherão de parar o transito: seios grandes e firmes, bumbum volumoso e coxas grossas... Além de ser linda. Mas, acabou que meus pais se separando quando eu estava com 22 anos e minha mãe com 43. E foi minha mãe que insistiu muito pra que eu voltasse a morar com ela. Dois meses de convivência e vendo-a dentro de casa com shorts curtos e justos que deixava a polpa da bunda de fora e sua vulva volumosa marcada no tecido, eu acabava ligando pra tia Julia e a levava pro motel... E lá, metendo ficava imaginando estar comendo minha própria mãe. Veio um casamento (em um sábado) de uma grande amiga da minha mãe e ela me pediu insistentemente para que eu a acompanhasse. Desde quando saímos de casa já percebi que íamos causar quando chegássemos ao clube. Minha mãe com um vestido azul claro bem justo (tubinho) delineava todo seu perfeito corpo; e eu, com um terno cinza também não ficava pra trás... Realmente fizemos muito sucesso e tivemos que dar a atenção pra muita gente. Tudo muito bem servido, e, na hora do baile tive que dançar muitas vezes com minha mãe e era ela quem se apertava no meu corpo me abraçando pela cintura... O bom era que eu conseguia controlar toda minha excitação. Na mesa era servida uma batida de coco que estava uma delicia e bem alcoólica. Minha mãe se controlou evitando tomar muito a batida até quando resolvemos que estava na hora de irmos embora... Ela tomou mais umas quatro ou cinco taças seguidas até despedirmos de algumas pessoas. No carro fui percebendo que ela estava dando sinais de que o álcool ia fazendo efeito. Depois que entrei na garagem do prédio tive que ajuda-la a caminhar o tempo todo, pois ela estava trocando as pernas. No elevador, sem resisti acabei descaradamente passando a mão naquele bumbum redondo e arrebitado... Meu pau só faltou rasgar minha calça. Entramos no apartamento e ali mesmo no sofá ela me pediu pra ajuda-la a tirar a sandália de salto alto. Ela levantou cambaleando e pediu pra que eu descesse o fecho de trás do vestido... Percebi que ela não usava sutiã e novamente tive que ajuda-la a chegar no seu quarto. Sai, e depois que tomei meu banho e vesti meu pijama resolvi da uma espiada na minha mãe. Ela estava deitada de costas, com as duas pernas pra fora da cama só de calcinha e meia calça liga, cor da pele. Me aproximei e balançando-a pela perna tentei acordá-la sem nenhum sucesso... Ela só resmungava sem abrir os olhos. Segurando a meia calça fui puxando-a até deixar minha mãe só de calcinha. Depois de tentar acorda-la novamente por várias vezes resolvi e acabei tirando-lhe também a calcinha... Vi a buceta mais linda da minha vida. Tirei meu pau pra fora do short do pijama, e estava passando a mão na sua xoxota quando ela abriu de repente os olhos meio assustada.
- Ahmmm? Ahmmm? O que aconteceu?...
- Você ficou bêbada mãe!...
Ela sentou na cama e se olhando e depois olhando pra mim... Eu já tinha guardado meu pau duro.
- Mas eu estou nua?...
- Eu entrei porque escutei você me chamando mãe; você já estava nua – (menti).
- Eu te chamei foi?
- Foi mãe... Fiquei preocupado com você.
Ela tentou se levantar e caiu sentada novamente.
- Me ajuda vai... Preciso tomar um banho.
- Quer que eu ajude mãe?
Ela me estendendo a mão.
- Só pra chegar no banheiro!
Puxei-a pra ficar de pé e passando meu braço pela sua cintura fui ajudando-a entrar no banheiro da sua suíte. Eu ali abraçando minha mãe completamente nua, tinha minha pica doendo incomodada e estufando meu short... Ainda bem que ela nem percebia minha excitação. Ela entrou no box, fechou a porta e abrindo o chuveiro.
- Fique ai André; posso precisar da sua ajuda.
Fiquei indeciso, pois ela não ia demorar pra ver o estado em que eu estava. Mas como ela também não devia me ver nitidamente pelo vidro opaco do box, tirei meu pau duro pra fora e fiquei me masturbando lentamente olhando o seu vulto também pelo vidro. Eu que já estava a tanto tempo de pau duro, tive que abrir a tampa do vaso rapidamente e soltar todo meu gozo. Foi minha sorte, pois ela logo abriu a porta me pedindo lhe dar a toalha... Que maravilha continuar vendo minha mãe gostosona peladinha. O estranho é que ela já estava totalmente lucida, mas mesmo assim não estava um pingo acanhada com a minha presença. Foi quando ela me pediu pra secar suas costas me entregando a toalha e sorrindo.
- Oh; ninguém pode saber o que aconteceu hoje, tá?...
Concordei, e passando a toalha não excitei em passar nas suas nádegas... Ela até deu uma empinada na bunda.
- Seca direito André... Tá com vergonha?
Estranhamente era ela quem estava demonstrando não ter um pingo de vergonha de mim. Voltamos pro seu quarto, e ela me abraçando e me dando um beijo no rosto.
- Obrigado filho, por me ajudar!...
Dez minutos depois estava eu no banheiro coletivo batendo outra punheta com a figura da minha mãe peladinha na minha mente. Acordei no domingo passando das 9 horas da manhã e já encontrei minha mãe na cozinha com o café já pronto.
- Bom dia filho... Dormiu bem?
Respondi que “sim”, mas estava bastante acanhado. Era a primeira vez que via minha mãe trajando uma camisola totalmente transparente que dava pra ver sua calcinha e seus fartos seios sem sutiã. Ela me serviu e sentando do meu lado começou a falar do dia anterior. Disse que gostou muito do modo carinhoso e respeitoso (nem tanto) em que a tratei na noite anterior. Falou que a muito tempo já vinha não tendo a devida atenção do meu pai, e que ela como mulher andava sentindo muito falta de carinho. Fiquei imaginando até que ponto ela queria dizer aquele “carinho” que andava sentindo falta. Tomei coragem.
- Oh mãe... Pode contar comigo pra qualquer coisa, tá?
- Kkkkkkkk... A é? Até no meu banho?...
- Não mãe... Não foi isso que quis dizer.
- Bobo... Não precisa ficar com vergonha da sua mãe; na realidade gostei muito de você ter me ajudado, principalmente quando secou minhas costas... Kkkkkkkk.
Ela sentada do meu lado, ia lanchando e de vez em quando olhava na direção dos seus seios... Ela percebendo.
- Gosta de ver meus peitos André?
Comecei a gaguejar novamente, e ela rapidamente desceu a alça da camisola liberando um dos peitos.
- Pode botar a mão... Veja como sua mãe ainda tá com ele bem durinho; veja!...
Estava muito nervoso, mas mesmo assim não resisti e apalpei aquele lindo e maravilho seio. Mas quando ela me perguntou se eu gostaria de dar beijinho no seu peito eu tremi.
- Que isso mãe... Eu não posso fazer isso.
Ela segurando minha mão pra que eu não soltasse seu peito.
- O único homem que eu posso confiar é em você filho... Você não percebe que sua mãe está muito carente?
Só que com a outra mão, minha mãe foi pra cima do meu short e apertou meu pau duro por cima do tecido. Levei um susto, mas não tinha mais como escapar daquele desejo da minha mãe. Fui com boca no seu peito e comecei a mamar e a chupar o bico que estava ouriçado.
- Isso filho... Chuuuuupa... Hummmmmm goooooostoso!...
Só com uma mão ela conseguiu baixar meu short e segurar minha pica dura.
- Leva sua mãe pra cama, leva!...
Mas foi ela mesma quem me puxando pela mão me levou pro seu quarto. Ao lado da cama, ela aproveitando que eu continuava com o pau pra fora, segurou-o novamente me abraçando.
- Quero que você faça tudo que quiser comigo, filho... Me faz sua mulher na cama.
Era algo impensável até poucos dias atrás, eu ajudando minha mãe tirar sua camisola antes dela deitar na cama e ficar sorrindo pra mim. Primeiro tirei meu short e minha camisola, pra em seguida ir tirando a calcinha da minha mãe e ver novamente aquela maravilhosa buceta carnuda. Ela abrindo os braços.
- Vem filho... Vem com a sua mãe, vem!!!!
Eu por cima ainda meio abobalhado, ela esticou a mão por baixo do meu corpo até pegar minha pica e ir direcionando-a pra cima buceta... Colocou na portinha.
- Enfia filho... Enfia tudo... Vaaaaiiiiiii... Iiiiiisssso... Meeeeete... Meeeete... Aaaaahhhhh... Aaaaahhhh...
Ela parecia desesperada, que mesmo eu bombando ela me acompanhava saltitando sua bunda sobre a cama até começar a gritar que estava gozando. Ia tirar meu pau, quando ela me enlaçando com suas pernas e me puxando pelo pescoço.
- Goza em mim; goza!...
Pra em seguida começar a me beijar na boca enquanto meu pau ia cuspindo bastante porra dentro da sua buceta. Após, me joguei ao seu lado e fiquei ofegante mais pelo nervosismo do que pelo cansaço. Minha mãe levantando pra ir ao seu banheiro me pediu pra espera-la... Rapidamente vesti minha bermuda, e fiquei sentado na beira da cama. Ela voltou e sentando do meu lado me abraçou me beijando na boca.
- Agora você é o meu homem, filho... Quero que você me faça uma mulher completa sexualmente.
Ela me fez entender que meu pai a tratava muito mal sexualmente, e sempre quando ela queria fazer algo diferente na cama meu pai além de até a agredi-la chamava-a de vagabunda, puta, piranha e muito mais coisas. Tomei coragem e a abracei dando-lhe um rápido beijo na boca.
- Pode deixar mãe, vou fazer tudo pra você ser feliz.
E ela rindo um pouco mais alto.
- Oh... Nada de ficar comigo só no papai e mamãe não, tá?...
Só fui entender o que minha mãe quis dizer, foi nesse mesmo dia a noite (eu já estava de pijama) quando ela após tomar um banho apareceu no meu quarto enrolada na toalha. Pediu-me pra abraça-la deixando a toalha cair... Meu pau ficou rígido em três segundos. Empurrou-me pra cima da cama, tirou meu short e sem que eu esperasse foi colocando a boca no meu pau. Pude perceber que ela não tinha nenhuma experiência em boquete, engasgando um pouco no início... Mas não demorou pra ela pegar o jeito e mamar tão gostoso que acabei gozando: um pouco na sua boca e o resto aparei com meu short. Depois, o modo que encontrei de recompensar minha mãe foi também chupar sua buceta gordinha, grelhuda e suculenta... Das poucas bucetas que chupei, a da minha mãe foi a mais deliciosa, soltando um caldinho viscoso e adocicado. Naquele início passamos a fazer sexo praticamente todos os dias, e, na maioria das vezes ela gostava de ficar de quatro pra que eu metesse na sua buceta... Era quando eu ficava olhando aquele bundão enquanto movimentava meu pau pra frente e pra trás. Eu que sempre gostei de um cuzinho, ver o da minha mãe por várias vezes com ela de quatro foi me deixando louco até que não aquentei mais... Comecei a esfregar meu pau no seu rego e sobre seu buraco traseiro sem que ela fizesse qualquer objeção. Passei saliva no meu pau e voltei a colocar sobre seu cuzinho; e como ela não reclamava comecei a forçar até que a cabeça entrou... Minha mãe deu uma refugada abaixando as ancas.
- Vai devagar filho... Isso dói um pouco...
Sentindo a borda do seu cu mordendo minha pica, fui empurrando lentamente até que consegui colocar tudo... Ela gemia e ao mesmo tempo rebolava como se quisesse ajeitar meu pau dentro do seu corpo. Comecei a bombar e ela arriou um pouco o corpo pra em seguida empinar a bunda.
- Aiiiii... Aiiiiii... É muito gostoso filho... Meeete... Meeeete...
Gozar na bunda da minha mãe foi pra mim algo simplesmente sensacional... A melhor bunda da minha vida. Vivemos assim por praticamente dois anos. Fiquei noivo, casei-me e ela se juntou com um coroa bastante gente boa. Nunca mais comi minha mãe... Mas ainda sinto desejos por ela.
Foto 1 do Conto erotico: Minha mãe é muito gostoza.

Foto 2 do Conto erotico: Minha mãe é muito gostoza.

Foto 3 do Conto erotico: Minha mãe é muito gostoza.

Foto 4 do Conto erotico: Minha mãe é muito gostoza.

Foto 5 do Conto erotico: Minha mãe é muito gostoza.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario zeze

zeze Comentou em 03/05/2017

Que conto maravilhoso, muito excitante, eu como amante do incesto, diria que o único erro seu foi não continuar transando com ela mesmo depois de ambos casarem. Adorei.

foto perfil usuario adorolokuraspro

adorolokuraspro Comentou em 19/10/2016

mae gostosa

foto perfil usuario jhtg

jhtg Comentou em 06/09/2016

muito bom, parabéns, fotos sensacionais........votado

foto perfil usuario anjo discreto

anjo discreto Comentou em 01/09/2016

Excelente!!!!

foto perfil usuario kzdopass48es

kzdopass48es Comentou em 01/09/2016

Adoraria ser seu irmão!!!! Sua mãe é um TESÃO!!!!!!!! Betto

foto perfil usuario vnrio1

vnrio1 Comentou em 31/08/2016

Uma mãe dessas eu tbm comeria nossa belo conto

foto perfil usuario coroa70

coroa70 Comentou em 31/08/2016

Relato bem escrito .gostoso de ler .me deu vontade de voltar no tempo e ser filho de sua mãe .votado

foto perfil usuario angelrj6

angelrj6 Comentou em 31/08/2016

Mais um conto excitante... Parabéns.

foto perfil usuario baudoscontos

baudoscontos Comentou em 31/08/2016

Até eu chuparia uma buceta igual a essa. votei.

foto perfil usuario salinas-vamp

salinas-vamp Comentou em 31/08/2016

Adorei ler este conto. Bem escrito e com belas fotos.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


14516 - Comendo a nora safadinha. - Categoria: Incesto - Votos: 61
15148 - Cunhada amante... - Categoria: Incesto - Votos: 26
15811 - Mulheres, filha e biquinis... Muita tentação. - Categoria: Incesto - Votos: 61
16630 - Eu e meu primo dando pro tio Borges. - Categoria: Incesto - Votos: 29
16762 - Travesti, sou feliz graças ao meu pai. - Categoria: Travesti - Votos: 35
17009 - Uma filha bastante liberal. - Categoria: Incesto - Votos: 49
17110 - MINHA MULHER TREPA E DEPOIS ME CONTA. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 26
17236 - Sou pai solteiro. - Categoria: Incesto - Votos: 34
17371 - Minha filha é igual a mãe...Também gosta de mulher - Categoria: Incesto - Votos: 31
17610 - Com meu professor, e depois com meu motorista, - Categoria: Gays - Votos: 18
17909 - Ninguem desconfia que dou a bunda. - Categoria: Gays - Votos: 20
17999 - Minha sobrinha é um furacão. - Categoria: Incesto - Votos: 19
18372 - Dando casa, comida e cama pra minha sobrinha. - Categoria: Incesto - Votos: 26
18590 - Milena... Minhas filha gordinha e gostosa. - Categoria: Incesto - Votos: 42
19568 - Amizade com o coroa vizinho. - Categoria: Gays - Votos: 21
19856 - Minha filha mais nova. - Categoria: Incesto - Votos: 36
20124 - Cunhadinha - A Bela Adormecida. - Categoria: Incesto - Votos: 22
20681 - Virei corno e viado no hotel fazenda. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 45
21434 - Dei até banho na minha mãe. - Categoria: Incesto - Votos: 60
22084 - Emprestando até a mulher pro patrão. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 52
23359 - Três homens e um destino - O início. - Categoria: Gays - Votos: 20
25816 - Cuidando da irmã. - Categoria: Incesto - Votos: 68
25865 - Minha filha também sentia tesão por mim. - Categoria: Incesto - Votos: 27
27039 - Minha vida secreta. - Categoria: Gays - Votos: 14
29406 - A FILHINHA DO PAPAI. - Categoria: Incesto - Votos: 68
31069 - Descobrindo a irmãzinha safada. - Categoria: Incesto - Votos: 36
31729 - Não resisti ao ver minha netinha pelada. - Categoria: Incesto - Votos: 41
33646 - Fui a mulherzinha do meu irmão. - Categoria: Gays - Votos: 48
33860 - Síndrome do "sono profundo". - Categoria: Incesto - Votos: 43
36135 - Duas xoxotinhas caseiras. - Categoria: Incesto - Votos: 21
36679 - Um amigo, um vizinho e um padre. - Categoria: Gays - Votos: 14
37075 - Depois de aposentado, peguei minha sobrinha. - Categoria: Incesto - Votos: 24
39726 - A melhor amante... Minha própria filha. - Categoria: Incesto - Votos: 39
40252 - Comendo a cunhadinha e também sendo corno? - Categoria: Incesto - Votos: 17
41866 - Minha família é do caralho... - Categoria: Incesto - Votos: 45
44187 - Minha mãe é uma deliciosa putinha. - Categoria: Incesto - Votos: 35
46486 - Iniciado pelo professor. - Categoria: Gays - Votos: 13
47050 - Filha casada precisando de um macho. - Categoria: Incesto - Votos: 65
47720 - Sou meio viado só pro meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 54
49856 - Meu padrasto me comeu gostoso. - Categoria: Gays - Votos: 32
51591 - Ganhei o cabacinho da minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 64
52248 - Comenda a tia Julia. - Categoria: Incesto - Votos: 20
57274 - Dei pro tio João. - Categoria: Gays - Votos: 19
58242 - Tudo muito rápido... Meu padrasto me fodeu. - Categoria: Incesto - Votos: 11
58782 - A prostituta do filho. - Categoria: Incesto - Votos: 37
62276 - Engravidando a própria filha. - Categoria: Incesto - Votos: 24
63422 - Os três amigos. - Categoria: Gays - Votos: 23
65714 - Sou casado, viado e corno. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 44
70597 - O delegado e suas duas filhas. - Categoria: Incesto - Votos: 25
71600 - Filha fogosa. - Categoria: Incesto - Votos: 49
72755 - APRENDI SER CORNO. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 34
74553 - Na sauna com papai. - Categoria: Incesto - Votos: 35
75127 - Minha vida de universitário. - Categoria: Gays - Votos: 9
75343 - Irmã de bunda gostosa. - Categoria: Incesto - Votos: 56
75802 - Carnaval com minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 53
77035 - Ganhei uma nova família. - Categoria: Incesto - Votos: 40
82468 - Substituindo o consolo de borracha da filha. - Categoria: Incesto - Votos: 42
84159 - Mesmo sendo casado, ainda gosto de uma pica dura. - Categoria: Gays - Votos: 14
84588 - Minha filha, minha paixão. - Categoria: Incesto - Votos: 30
86699 - Minha filha: casada e carente. - Categoria: Incesto - Votos: 24
88391 - Chamais imaginei transar com a minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 27
88488 - Além de ser corno, também gosto de dar... - Categoria: Traição/Corno - Votos: 34
88699 - INCESTO GOSTOSO, COM MEU PAI E MINHA IRMÃ. - Categoria: Incesto - Votos: 16
90332 - Minha filha e sua amiga. - Categoria: Incesto - Votos: 32
91248 - Minha filha é muito putinha. - Categoria: Incesto - Votos: 33
92048 - Meu pai descobriu que eu dava a bunda. - Categoria: Gays - Votos: 38
92293 - Eu e meu amigo Cristiano. - Categoria: Gays - Votos: 24
93154 - Voltando aos velhos tempos. - Categoria: Gays - Votos: 8
93521 - Minha primeira boceta foi a da minha mãe. - Categoria: Incesto - Votos: 33
95122 - MInha filha, minha mulher... - Categoria: Incesto - Votos: 23
97972 - Tentei evitar, mas acabei comendo minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 23
98776 - Não resisti minha irmã boazuda. - Categoria: Incesto - Votos: 29
98977 - Engravidei tia Dalva. - Categoria: Incesto - Votos: 22
100001 - Eu e minha sogra... Minha esposa não pode nem desconfiar. - Categoria: Incesto - Votos: 35
102107 - Trepo com minha filha e também com minha ex-esposa. - Categoria: Incesto - Votos: 33
102365 - FIQUEI LOUCO PELA BUNDINHA GRANDE DA MINHA FILHA. - Categoria: Incesto - Votos: 34
102888 - Eu e minha mãe... Acabou acontecendo. - Categoria: Incesto - Votos: 31
103717 - Minha filha provocou, até acontecer... - Categoria: Incesto - Votos: 27
104125 - Minha filha Rosa veio morar comigo. - Categoria: Incesto - Votos: 29
105245 - NORA BONITINHA E ORDINÁRIA... - Categoria: Incesto - Votos: 31
105519 - Corneando meu filho, com minha nora árabe... - Categoria: Traição/Corno - Votos: 27
105577 - Descobri que minha filha é sapatão... - Categoria: Incesto - Votos: 38
105871 - MEU TIO JORGE. - Categoria: Travesti - Votos: 23
106902 - Minha filha fazendo cursinho pré-vestibular. - Categoria: Incesto - Votos: 24
108753 - Espiando minha filha tomando banho peladinha. - Categoria: Incesto - Votos: 34
109836 - DIVIDINDO A NAMORADA COM O AMIGO. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 30

Ficha do conto

Foto Perfil andre.lino
andrelino

Nome do conto:
Minha mãe é muito gostoza.

Codigo do conto:
88445

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
30/08/2016

Quant.de Votos:
40

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


cuentos porno de comics de gordascontos erotico casada com dois fantasiaeu e minha sogra coroa conto eroticoconto erotico comendo o cu da cazafapornocantoseróticosscat a força contoso as tarada dolecente quebrando a sua virgindade de mini saia sem tirar a calcinhamolhada.contos casada dando pra velho picudoenteadascontosconto erotico buceta apertadaZoofilia franco e belinhaconto namorada me traiu com amigos de trabalho mas me vingueiconto erotico eu e meu cunhado e um casalconto foda a trêsporno érotico de meninas perdendo a virgindade brincando de esconde escondecorno a pedido domarido contosconto.erótico.mulher.trasand.com.dois.homem.em.2017conto com foto deesposaconto erotico pega no flagraConto erotico minha mae coroa virou a minha cadelinha.comAmadora bumduda torneada nuaContos eroticos chupada dormindoporno bebeu demas e foi estrupada com pepinoTeavesti pauzudo fotosquadrinhos porn gaycontos eroticos comi a menininha do meu predioengeado cagou no meu pau contosafada com tesâo nao resiste a pinto contoConto erotico cornoconto dei o bum bum pro cachorroquadrinhos eroticos meu sogro me comeucontos fudi com meu paiAjudei uma cega na rua conto eróticocontos eroticos boca grandeporno buceta capu de fusca irma gemiasconto erotico novinho sentando na piroca do negaoconto eu rotico eu ajudei um cara estrupa minha irmaquadrinhos eroticos com atores e atrizes reaiscontos eroticos de gordas carentesputaria familiar contos incestos mãesbucetinhas de morenas novinhas gostosascontos eroticos so de mulatas do rabo quentesex suweven pornocontos eróticos comi uma mulher com minha esposa olhando deliciafotos porno de desenhos equadrinhoscontos erotico com cadelavideos porno puteiro amanhecerdei para o principe tesudo porno gayconto erotico homem faninto meu cunhado cheira minha calcinhaconto dei para meu inclinocontos eroticos terminando com as pregas da novinha sem lubrifica o cuzinhov videos encooxou e ela pegoucontos de mototaxista e gaycontos eróticomães filhas e vizinhaporno negao banbiou a perna de laContos eroticos minha mulher traz porra para mimcontos eróticos de corno com fotobucetinhas de morenas novinhas gostosasmamãe+mamãe.papai++nuahentai do avatarcontoeroticodupla penetraçãocontos eroticos em quadrinhos garotinha com seu sapinhoContos éroticos padrato tarado rasgando o cusinho da entiadinhacontos meu namorado mim perdeu na apostacontos eróticos, Swely Dadeiraultimos conto sadotia fazendo limpeza na cozinha pelada sobrinho bate punhetacontos eroticos top pag 91http://comtos eroticos de estuproincesto 6 em nome do pai e da filha phcontos comi a mulher do meu enteado novinhacontos eroticos sou fogosa me fuderam no clubeconto erotico.amdando.de cavaloTrepando com um transman - contos eróticoscontos pornor lebian incestuoso com enteadasconto gay fistei o filho gay da minha namoradaver contos eroticos lesbicas de a ginecologista sexo relatosmeu enteado é uma bonequinha linda contos eroticoscontos eroticos taxistas com passageiras novinhascontos erotico esposa ezibe