Ensinando Marido a ser Corno e Esposa a ser puta

Click to this video!


Depois de tanto ler os contos resolvi escrever o meu, tenho 52 anos, tenho um pau grande e muito grosso e um corpo malhado por causa da minha formação em ed.fisica eu consigo mante-lo da melhor maneira. Trabalhei de personal trainer a vida inteira e hoje tenho um negocio o que me resulta em mais tempo para mim. Sou divorciado a algum tempo, nunca me faltou mulher desde então tento aproveitar ao maximo essa fase da minha vida com muita putaria.

O conto que vou contar hoje aconteceu faz um bom tempo, tinha um cadastro nessas redes sociais de sexo e um casal me contatou, eram bem novos em torno de 25 anos o marido me disse que tinha vontade de ser corno e conseguiu convencer a sua mulher a aceitar a fantasia e eu seria o primeiro a botar o chifre na frente dele. Ele mandou fotos dela e depois de muita conversa marcamos um dia para eu ir até eles. Chegou o dia fui até a casa deles, o marido me recebeu a sua mulher estava sentada no sofá da sala, esperei ele fechar a porta e saquei meu pau pra fora não queria perder tempo a puta ficou me admirando bater punheta na sua frente a vagabunda tem pele branquinha magra peitos medianos enfim aquele perfil de mulher magrinha, o corno estava lá observando eu com o pau na cara da sua mulher batendo uma, encostei a cabeça do meu pau bem na sua boca e fui forçando até ela entender que era pra por na boca, o corno já estava batendo punheta, eu estava com o cabelo da mulher dele enrolado na minha mao forçando contra meu pau, olhei pro corno ele nem piscava olhando pra sua esposa engolindo meu pau:
- Corno com esse pau fino é obvio que tua esposa aceitou te chifrar rapaz, olha isso vai ter que bater muita punheta pra ter um pau igual o meu.
Ele observava quieto, forcei a cabeça da vagabunda e fiz engolir meu pau quase por inteiro:
- Eae corno sabia que tua puta conseguia fazer isso?
O corno até tremeu nessa hora, despi a puta e sentei no sofá:
- Vem vagabunda agora voce vai cavalgar
Aquela puta sem fazer um piu veio de frente pra mim e começou, encaixou o pau na buceta e começou a cavalgar devagar, soltou até uns gritinhos meu pau rasgava a buceta dela, comecei a chupar os peitinhos com força o cornão batia punheta e acaricia as costas da puta:
- Vai puta, mais rapido vagabunda
E assim foi cavalgava igual uma cadela, esfolava a buceta no meu cacete, cada vez que ouvia o gemido timido da puta era um tapa na bunda, comecei morder seu pescoço pra deixar varias marcas:
- O punheteiro senta no sofá que você vai servir de apoio pra cadela
Mandei ela sentar no colo dele e falei pro corno abrir as pernas da cadela pra mim, encaxei o cacete na buceta que escorria, metia forte os dois sentia o impacto das minhas bombadas a puta agora gemia alto o corno ainda quieto segurando a puta pra mim bombar, bombei mais rapido e o corno confortando a sua esposa das bombadas que eu dava, ordenei pra puta ficar de pé, fui atras dela e arreganhei a buceta pro corno ver o estrago e como sua puta tava molhada:
- Ta vendo sua puta com a buceta toda melada? é porque achou um pau competente, quer sentir o estrago?
Ele enfiou dois dedos na buceta dela:
- Caramba cara olha isso.
Mandei ele ficar de pé e a cadela abraçar ele, depois dei um tapa na sua bunda e falei pra empinar pra mim e comecei a bombar a sua buceta por tras até bater a vontade de gozar, aquela cadela gemia na cara do corno ele morria de tesao, peguei ela pelos cabelos e a fiz ajoelhar pra receber minha porra na cara, ainda segurando nos seus cabelos mostrei a cara dela pro corno:
- Ta gostando de ver tua esposinha suja de porra?
Sentei no sofá e ela sentou no chao ao lado do meu pé, comecei a bater uma punheta com meu pau semiduro e lambuzado de porra, o corno não tirava os olhos do meu pau:
- Corno quer bater pra mim? Quer sentir o pau que comeu tua esposa?
O corno veio sentou ao meu lado no sofá e começou a bater pra mim:
- É grosso né?
Ele só acenou com a cabeça olhando para o meu cacete:
- Por isso tua esposa ta toda molhada você não tem um pau desse pra dar pra ela por isso é corno.
Meu pau começou a ficar duro, mandei a cadela da esposa ficar de quatro no chao e falei pro corno ir chupar o cuzinho dela:
- Mais ela nunca deu o cu pra ninguem
- A tua esposa agora é minha puta, não ta vendo que até de quatro ela ta pra tomar no cu? Vai la chupar
E ele foi todo obediente chupar o cu da esposa, meu pau já estava preparado pra fuder novamente, ela nem tinha se limpado da minha porra tava pingando no piso, ele até enfiou dois dedos no cu dela pra mim, disse que queria comer ela no quarto porque é mais confortavel que o chao e o corno foi na frente nos guiando, abriu a porta para nos e ficou nos oberservando da porta eu colocando sua esposa de quatro na cama e esfregando a cabeça do meu pau no cu dela, fui devagar e quase enfiei a cabeça mas tive que tirar pois estava muito apertado, tentei denovo o cu dela apertava a cabeça do meu pau, tirei e cuspi dentro do seu cu e no meu pau e comecei tudo de novo, dessa vez não tirei fui rasgando seu cu bem devagar, que apertava meu pau bem forte e isso é o que me dava mais tesão pra continuar, a puta já tava reclamando de dor na verdade ela estava gritando, o corno saiu da porta e foi ver de perto o rombo que estava fazendo e com paciencia entrou tudo. Dei uma parada e comecei a bombar devagar:
- Que cu apertado vagabunda !!! Vou destruir teu cu cachorra !!!
A puta não para de gritar que logo começou a virar gritos de tesão o marido como bom corno enfiou a mao na buceta da sua esposa pra a ajudar a gozar, senti rasgar cada centimentro do cu dessa vagabunda estava no apice do tesão, que cu apertado, no meios dos berros dela de dor e tesao e dos meus de prazer ela é a primeira a gozar e logo em seguida tiro o meu pau do cu dela, viro ela de barriga pra cima e esporro nos peitos e pescoço:
- Olha ai corno, o rosto e os peitos cheio de porra pra voce de presente, lambe ai.
Não deu outra, deu um banho de lingua na vagabunda, tomamos banho e conversamos normalmente, comi ela outras vezes e ela só se soltava mais.

O corno tinha me mandado varias fotos dela escolhi as que não mostrava o rosto pra manter o casal anonimo.

Foto 1 do Conto erotico: Ensinando Marido a ser Corno e Esposa a ser puta

Foto 2 do Conto erotico: Ensinando Marido a ser Corno e Esposa a ser puta


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario andreferraz

andreferraz Comentou em 25/07/2016

buceta deliciosa




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


86884 - Humilhando Corno enquanto mulher da pra quatro - Categoria: Traição/Corno - Votos: 21
87087 - O Corno levou esposa na minha casa pra ser puta - Categoria: Traição/Corno - Votos: 18

Ficha do conto

Foto Perfil marcosbigcock
marcosbigcock

Nome do conto:
Ensinando Marido a ser Corno e Esposa a ser puta

Codigo do conto:
86830

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
25/07/2016

Quant.de Votos:
9

Quant.de Fotos:
2


Online porn video at mobile phone


sou casada adoro dar o rabo contocaminhoneiro meteu em mimConto erotico feriao beto estava de calcinha dar espelhocontos eroticosfodendo escondido do meu maridocontos eroticodo no carroFui traido por um negao relatossubmissa no sexocontos eroticos de mamae rabudaquadrinho porno gordas sedutorasfotos e videos no dwolland gaucha safadadesenhos fazendo sexoMeu tio e carreteiro sou menina viagei cm ele n hr de dormi um delcia senti seu penis em minContoerotico irma.ziContos dupla vaginal pirocudosquadrinho porno de futebolcontos eroticos incesto com avôsexo em quadradinho de pokemonconto erotico mamaecontos eroticos vesti uma mini saia para meu sogrocontos buceta da primaContos de incestos mamae brinca de lutar com filho ele fica com tesaocontos eroticos de avo e suas netinhascontos bucetinha linda da vizinha polacacontos erotico tano pra negaovovó bundudamulhe. fezemno pornocontos de grelos enormes gozando encaixadinhos num sabao gostosocontos eroticos eu minha amiga e meu maridovendo foto da minha mae pelada que eu tireivídeo de sexo de mulher morena muito rabuda e bucetuda agarrando o próprio amigo desconfiando que ele é homem sexualQuadrinhos porno engravidando mae 2contos de encoxadas nos ônibus em fortalezaconto gay vi meu pai foder meu amigo meu cu picoCunhados putinhos contosfudendo a policial gordinha em contos eroticosquadrinhos eroticos piratas do sexox men porno quadrinhoscontos eroticos em quadrinho d mulher q foi chantageadafuderdo com merdigodividindo macho com filha contoContos de ninfetas sem calcinhacontocorno crente curradocontos eroticos como deixei meu filho me comero negao do onibus conto eroticocontos eroticos velho safadonão gozes dentro incestotraficante pirocudo contos e fotosA irmãzinha de calcinha branca porno em quadrinhos hentai xxxconto erotico trepando com o irmao do meu namoradoconto cuzinho carolzinha ninfetinha ex presidiario pauzudocarita+de+placerentiadacontoeroticoconto erotico gay motelfilhinha conto eróticoqual hq erotica porno que o filho lucas come a empregada domesticaboquete gozada boca contoContos eroticos de professora bate cinco punheta pro alunoagatacontoseroticosconto filha fode paia putinha do papaiconto porno velho roludoamadores pauzudosconto erotico tindercomercuegostosohomem escroto excitado gozando gemendo no grelo pra caralhocontos veridico me arrombaram, mas me vinguei do meu maridoconto erot gozando nelameu filho comeu minha bunda quando eu fingia dormir contos eroticoFoto picudo fudenos as casadagay dotado usa camisinha extra grandeConto erotico meus pais meterao no meu cuzinho quando eu era pequenaAi que delicia me fode gostoso mais forte mete tudo conto eroticocontos eroticos caminhonera bonecachupanda uma buceta ate ela senti prazer tremendo1820 anos toda pelada tomando banho na banheira bem gostosa mostrando o bucetão