O policial barrigudo

Click to this video!


Bom me chamo thatiana Abraão e tenho 21 anos, sou morena, 1.60 e 55 kilos, passei minha infância morando em são João de Meriti na baixada fluminense e desde os meus 14 anos não conseguia esconder o calor que sentia quando passava uma viatura da polícia na minha frente, sempre tive muita vontade desde aquela época de ser dominada por um policial, as vezes eu rezava para eles me abordarem em alguma esquina para eu poder me insinuar para eles só que nunca acontecia... Até que quando completei 18 anos minha mãe resolveu mudar para a zona norte do Rio mas precisamente em Madureira,eu não estava muito animada pois estava terminando o ensino médio e sempre tive pavor de mudanças, até que não teve jeito é mudamos... De imediato estranhei o local mas para minha surpresa conheci o Beto (*Alberto) um policial aposentado de 60 anos, morava ao lado de minha nova casa e com o passar dos dias descobri que era viúvo e morava ali tinha pouco tempo também... Ele era Branco,calvo,alto e muito peludo, toda vez que eu o avistava em seu portão minha xoxota ficava meladinha e seios pontudos toda arrepiada só de imaginar aquele homem maduro em cima de mim me penetrando bem fundo e mordendo meus seios com carinho,o tempo foi passando e a cada dia que passava eu o observava passo a passo, eu via ele levar mulheres para sua casa e como o muro era baixo qualquer movimento dele era monitorado por mim,como eu estudava pela manhã e minha mãe trabalhava à tarde era como um ritual todo dia chegar do colégio e observar ele pelo muro, certo dia eu o avistei arrumando seu quintal com um shortinho que dava para ver seu volume e suas pernas peludas,tão peludas que parecia um urso,eu respirei fundo, tomei coragem e tirei toda minha roupa para tomar banho de sol ( na verdade para provocar ele), fiquei desfilando ali pelada até que ele me viu, fixou o olhar em mim, então tomei coragem, coloquei a toalha no chão e comecei ali mesmo uma ciririca, minha xota ficou tão lubrificada à ponto de meu dedo escorregar e meus seios ficarem durinhos, senti passos se aproximarem do muro e era ele, colocou o rosto no muro e disse: -di,putinha... Você quer vir aqui em casa?, eu meio nervosa disse: - fazer o que aí, moço?,então ele disse:- não se faça de boba,senti que você quer me dar não é de hoje, sempre vejo você me vigiando,só que eu não imaginava o quão carnuda e rosada era sua bocetinha... Você quer vir ou não? Eu na mesma hora disse: claro,gostoso! Na verdade há dias que não tiro os olhos da sua mala, -então vem que o portão está aberto,disse ele... Quando entrei em sua casa vi várias fotos na parede dele, muitas dele com a farda de policial... Ele entrou no banheiro e saiu completamente nú, que coroa lindo parecia um urso, ele me agarrou me deu beijo que quase me sugou por inteira, pediu para que eu abaixasse para fazer um boquete, abocanhei aquele pau que deveria ter uns 15 cm mas de cabeça bem grossa e rosada, fui sugando com muito carinho, ele dizendo que minha boca era carnuda,quente e macia e que era para eu parar um pouco pois estava tão gostoso que ele não queria gozar naquela hora, então parei e tirei a toalha que estava pois fui com tanta pressa que nem coloquei roupa fui só com a toalha que estava enrolada cobrindoeu corpo, ele abaixou e começou a lamber minha xoxota melada de prazer, eu não conseguia me conter e gemia, gemia de tanto prazer à ponto de eu esfregar a xota na cara dele,eu passava a língua no meu grelinho qduro e brincava com a ponta da língua no meu grelo, fiquei toda melada e a cara dele toda lambuzada... Deitei em sua cama e ele veio com um pote de lubrificante e lambuzou por todo seu cacete, eu fiquei com medo pois apesar de sempre ter desejado ser fodida por um policial, eu nunca tinha passado de umas ciriricas com oo dedinho indicador, quando eu disse ele ficou todo feliz e disse que faria da melhor forma possível, brincou mais um pouco com sua língua em meu grelinho duro e depois enfiou um dedo e eu gemia de prazer,depois dois dedos juntos e em seguida três, era tanto o tesão que a única coisa que conseguia sentir era prazer, então ele me colocou de frango assado e foi enfiando sua rola bem devagarinho,foi entrando apertado e aos poucos podia sentir aquela rola forçando as paredes da minha vagina,de início ardeu um pouco,já com toda rola dentro de mim ele me pediu para relaxar, em seguida foi iniciando um movimento de vai e vem bem gostoso e aquele desconforto foi sumindo e minha xota esquentando,ele foi aumentando a velocidade e aquele momento senti que os lábios da minha vagina engoliram todo o pau daquele urso delicioso, ele dizia que minha xota era quente e deliciosa, 20 minutos depois ele não aguentou e gozou,eu fiquei chateada pois queria mais e ele pela idade não conseguiria dar outra foda tão rápido pois já estava ficando tarde,pulei o muro que dava acesso a minha casa pois não queria arriscar em sair da casa dele só de toalha e algum outro vizinho ver... Depois disso eu arrumei um emprego e não consegui mais vê lo, pois estudava de manhã e trabalhava de tarde até a noite, um tempo depois ele se mudou e nunca mais o vi, apesar de ter sido tão rápido não consigo esquecer pois foi minha primeira vez, e o Beto foi muito carinhoso e atencioso comigo, hoje eu espero quem sabe encontrar algum policial safado que me faça sentir prazer e gozar igual ao Beto me fez... Não importa idade, basta ser policial e saber meter gostoso... (Obs.*essa é uma história real,aconteceu de verdade)

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario kzdopass48es

kzdopass48es Comentou em 20/05/2016

Thatiane, aceitar seu convite! Somos amigos....quero ser seu! Intimo.....sua xana e corpo sao lindos, ardoraria te dar caricias e te fazer ter prazeres multiplos! Betto

foto perfil usuario sethdark

sethdark Comentou em 20/05/2016

Quero muito conhecer vc....




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


83619 - O pedreiro fez hora extra dentro de mim... - Categoria: Fantasias - Votos: 14

Ficha do conto

Foto Perfil tathiane20
tathiane20

Nome do conto:
O policial barrigudo

Codigo do conto:
82864

Categoria:
Coroas

Data da Publicação:
05/05/2016

Quant.de Votos:
14

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos eróticos de marido brechando esposa se esebido para homenscontos mamei o novinhoMinha experiencia com cadela no cio contosconto erotico vi o volume no onibuscontos eroticos fotos coroas e novinhoConto erotico estupro gayMinha irman quer ver minha pica.conto pornocontos eroticos minha amiga e seu namoradoeu conto chantagem do meu irmão para mim comeraluna conto eroticocontos eroticos ninfetinha de bikiniconto erotico;eu e a professora de artesConto erótico transei com o motorista do uberporno com camioneiro em patio da empresacontos brasil cunhadinha da pra 4papai e vov¨® abusam de mim conto eroticosafada de toalha conto eroticocontos eroticos incesto minha irma se oferceu para mingays magrinhos cavalos no tamanho do pau transando e falando besteira no ouvidocontos etoticos,incesto,fodendo gsroto teencontos erotico marido corno dos amigoscontos cornos orgiasenfiando a pika na priminha da 8 aninhos contos eroticoscontos eroticos gay garoto odeio odeio odeio amar vocêconto erotico de pedreiro e esposa de cornocontos eroticos 8aninhosneta virgem so que piroca do avo na bundinhahistorias em quadrinhos pornograficdiarista gostosa e safada no predio do bairro portãoConto erotico bebendo porramulheres chupando pica de cavaloconto erotico comi o cu da amiga de minha maegeline tecavüz porno dergilerifui chantageada contos eroticoscontos de adolecentes falando de desejo eh tesaoeu minha mulher e nossa vizinha contos eroticoscontos erótico gay macinheiroMeu pai encinou meu namorado a fuder minha buceta conto erotico parte finalcontos eroticos transando com a sogra drogadaContos erotico cinemão padrasto.mete.na.mae e filhaentiadacontoeroticonudismo sxyconto incestopais bola plano e fode suas filhasconto erotico escravo gaycontos arrombado o cu pelo padrinhovídeo pornô caseiro mulher voltado foi traído e dá o troco e ele transa camisinha se faz para colocar no coloca em quando vê tudo e ela deixa como comer essa p*** para o c**** vem sem camisinhasapecascontoseroticosquadrinhopornotraicaoconto erotico metrocontos eróticos com minha irmanzinhacontos negao da rola jumento arromba velhaQuadrinhoseroticossobrinhascontos gay padrastoConto porno meu marido me apresentou seu amigo do pau grandesogro corno adora quando seu genro morde o gre da sua mulher sexoquadrinhos eroticos comendo a sogracontoeroticoabusoporno em.quadrinho da liga da justiçaconto erotico o feioso pauzudoConto porno com forto o fazendeirocoitadinhacontosConto erotico cinquentona amigos do filhoos contos eroticos mais safados de tias tranzando com sobrinhoscontos incesto filho amante da maeconto erotico minha esposa me trocou pelo amantecontos secaodefotosgay recepcionista do hotel contosconto erotico menininhaspapai me obrigo mamar nele contos inocentecontos eroticos gay forçadowww.videos de lactofilia com caes.comEu e minha Amiga fomos fudidas pur um colega do meu irmo conto erotic casa dos contos fudendo namorada cunhada e maezona todas putonasContos eroticos selvagem esposa