A cunhada gordinha

Click to this video!


Ola, o relato a seguir ocorreu com um amigo que me autorizou a contar aqui, vou chama-lo de Marcio.

Marcio tem 51 anos, eh divorciado e tem uma namorada, nao moram juntos, mas as vezes Marcio vai a casa de Jessica (nome trocado) para passar a noite.
Jessica tem 38 anos e tem uma irma, Marlene, que tem 45 anos.
Marlene e Jessica moram juntas em Sao Paulo, num apartamento desses da cohab somente 2 quartos minusculos, como todo o resto do apartamento, tudo muito pequeno.
Uma sexta feira, Marcio foi para a casa da Jessica, com a ideia de durmir la, logico que queria transar e depois passar a noite agarradinho.
Jessica sempre foi cheinha, gordinha nao muito, mas era o tipo de mulher que nao chama a atencao por ser gordinha, mas tem suas curvas. Estavam juntos ja mais de um ano, e Marlene era mais velha e um pouco mais gorda que Jessica. Tambem um tipo que nao chama atencao de ninguem, mas eh uma gorda que tem cintura, e nao tem barriga grande.
Uma pessoa maravilhosa, docil, super amiga, prestativa, limpa e trabalhadora, assim como a irma Jessica.
Nessa noite Marcio foi pra casa de Jessica, cheio de tesao pos fazia uma semana que nao comia ninguem, e decidido a meter o ferro em Jessica.
Como era de costume, sexta feira era dia de uma sessao de cinema, e ficavam os 3 na sala, geralmente colocavam um colchao no chao e deitava Marcio e Jessica, e Marlene ficava no sofa.
Nesta noite, Jessica ja estava no sofa, deitada, e perguntou se eu me importava de sentar ali e ela deitava a cabeça no meu colo.
Sem problemas, calor, todos de bermuda, Marlene colocou o colchao no chao e se deitou, Jessica se deitou no colo do Marcio e começou a sessao de cinema...
Alguns minutos depois, Marcio percebeu que Jessica estava dormindo, e ja ficou meio chateado com a situaçao, afinal de contas parecia que nao haveria sexo.
Foi ficando meio desconfortavel no sofa, cada vez que se mexia Jessica reclamava...
Ate a hora que Jessica disse...Amor, deita ali no chao com minha irma, to super cansada.
Marlene olhou e disse, pode vir, deixa ela dormir, ela estava reclamando que trabalhou muito hoje, e ela comecou bem cedo, acordou eram 4 da manha...
Levantei a cabeça dela com jeito pra nao machucar e me deitei no colchao...
Estava somente de bermuda, sem camisa...
Jessica colocou a mao no meu peito e começou acariciar enquanto entrava de novo no sono pesado.
Passado alguns minutos Jessica ja ressonava, a mao so estava parada no peito do Marcio, ja nao fazia mais carinho.
O filme continua, e era evidente a minha decepçao, entao Marlene puxou assunto comigo...
Esta tudo bem Marcio? Voce parece meio aflito, decepcionado, deu tudo certo no trabalho?
Marcio disse, sim, deu tudo certo, nao tem problema nenhum no trabalho, apenas pensei que chegaria aqui e eu e sua irma, iriamos ficar de boa, mas parece que perdi a viagem.
Ela esta bem cansada mesmo.
Mas o que vc quer dizer com "ficar de boa"?
Marcio disse que estava com muito tesao, e pensou que a iria transar bastante com a namorada, mas pelo jeito seria impossivel, e iria ter que dormir com tesao.
Marlene colocou a mao na perna de Marcio e disse...
So vai durmir com tesao porque voce quer, se quiser eu posso ajudar.
Nunca Marcio tinha pensado que Marlene pudesse fazer aquilo, por nao chamar atencao nem nunca tentou dar em cima da cunhada, gordinha como era, nao era muito atraente, mas como a gente sabe, em tempo de guerra, urubu eh frango, Marcio se deixou levar.
Com os olhos na irma, Marlene foi procurando onde estava o pau do cunhado e comecou a acariciar por cima da bermuda.
Nao demorou e os 20 centimetros ja estava duro, pronto pra ser usado...
Marlene nao tinha namorado, nunca tinha se casado, algumas decepçoes amorosas e so isso.
Aos poucos foi sentindo o tamanho do brinquedo, e olhando sempre para a irma para ver se estava dormindo disse...UUUAAAAUUUUUU agora sei porque minha irma ta sempre com cara alegre quando voce dorme aqui rsrsrsrsrsrsr e sorriu.
Para facilitar as coisas Marcio abriu o botao e ziper da bermuda, e ela aos poucos com a mao quentinha ja estava agarrando o pau do cunhado, passou o dedo na pontinha e disse...hummm meladinho, puxou a mao pra fora e enfiou o dedo na boca para experimentar o mel.
Voltou com a mao la dentro, dessa vez enquanto Marlene estava com o dedo na boca ele abaixou a bermuda e cueca, ficando com o pau pra fora, coberto apenas pelo lençol.
Marlene comecou entao a punheta-lo, e sempre espremia bem o pau pra tirar o melzinho e chupava o dedo.
Nao aguentando de vontade, colocou a pica toda na boca, e chupou bem gostoso, deixando ela bem babada, molhada, melada. com jeitinho ela se levantou e fez sinal com o dedo pra ele segui la ate o quarto dela.
Ele foi, e quando chegou ela estava de 4 na cama, dizendo, fode sua cunhadinha, pelada, xoxota gordinha, depilada e molhada..
Marcio foi por traz, cheio de tesao e colocou a cabeça do abestado, ela deu um suspiro de prazer, entao Marcio forçou um pouco mais a entrada e o cacete deslizou dentro da racha aveludada quente e umida.
Cheio de tesao, e com o tesao dobrado pelo fato de estar comendo a cunhada bem ali pertinho da namorada, ele nao demorou muito pra gozar..
Quando disse que ia gozar Marlene se inclinou pra frente, tirando aquela pica enorme da buceta, e colocou na boca...
Marcio punhetou mais um pouco o cacete e logo encheu a boca dela de porra.
Marlene engoliu tudo, sem deixar cair uma gota.
Foi o melhor gozo da vida de Marcio, nunca foi tao bom, a sensaçao de ser pego em flagrante, pela namorada, e o fato de estar comendo a cunhada.
Depois disso, Marcio nunca mais passou aperto com sexo, quando nao come a namorada, come a cunhada.
Fotos Ilustrativas

Foto 1 do Conto erotico: A cunhada gordinha

Foto 2 do Conto erotico: A cunhada gordinha

Foto 3 do Conto erotico: A cunhada gordinha


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario kzdopass48es

kzdopass48es Comentou em 28/05/2016

Adventura deliciosa com a cunhada. Queria ter me Casado com uma familia assim... Betto

foto perfil usuario aventura.ctba

aventura.ctba Comentou em 08/02/2016

Amei seu conto, fiquei toda molhadinha enquanto lia, teve meu voto com louvor. Leia meus contos, comente, vote se gostar irei adorar sua visita na minha página. Beijos. Ângela: Casal aventura.ctba

foto perfil usuario apeduardo

apeduardo Comentou em 08/02/2016

delicia de conto, parabens meu amigo, nada como uma cunhada deliciosa e adoro mulheres maduras e gordinhas, são um charme a mais.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


59222 - Lucimara, Eu e nosso vizinho Parte 1 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 14
59223 - Lucimara, Eu e nosso vizinho Parte 2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 16
59225 - Lucimara, Eu e nosso vizinho Parte 3 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
59351 - Atrapalhada por um baseado - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
60833 - Comi minha Sogra - Categoria: Coroas - Votos: 8
60969 - As Vantagens de Ser Tecnico em Informatica. Parte1 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
61000 - As Vantagens de Ser Tecnico de Informatica. Parte2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
61001 - As Vantagens de Ser Tecnico Informatica. Parte3 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
67478 - Meu primeiro fio terra. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
84000 - Minha Futura Esposa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 17
84745 - Minha amiga eu e o Marido - Categoria: Fantasias - Votos: 5
102149 - A Primeira vez de um garoto - Categoria: Incesto - Votos: 8

Ficha do conto

Foto Perfil paulo1964
paulo1964

Nome do conto:
A cunhada gordinha

Codigo do conto:
78507

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
06/02/2016

Quant.de Votos:
5

Quant.de Fotos:
3


Online porn video at mobile phone


perdendo o cabaço contoNalvasexoxxxxxvideos sobrinho e tia moz manha 2016mulheres de 30 anos rabudas pag1Recém casadas traindo em contospauzao do negao no meu rabo contosindefeso e fragil conto erótico gayA noite que ele pediu pra,ser cornocontos eroticos no hotel com mamaeo corno da mia cuiada saio ela fico fudeno feitmontando numa rola inocentemente contos pornôsexo com colegas de trabalho esfregando a pica na buceta directamente para a buceta quadradinhos eróticocontos eroticos ninfetinhas virgens do papaicontos erotico meu filho arrombo meu cucarnaval 2017 putaria de Mozconto porno infanciamulhe de corno baiano comto eroticohistorias eroticas arebentei com a novinha chorou na varaporno gozo um litro de porra na cara da sogravideos filho virgen sendo arrrgacado pelo pai por dinheirocontos eroticos barbeiro raspando a nuca de uma mulhercontos eroticos casada pegou no meu pauquadradinhoerotico sexo no barContos eroticos gay eu fui levado pra favela e transformado em mulherconto de suruba caseira insestuosaconto erótico bundona carentequadrinho porno estuproconto erotico menina sendo encoxada no onibusConto ai ai ui ui incestoContos e fotos filhos pauzudosamiga da minha mulhe nuaminha mãe irmã vovó conto eróticoConto erotico gay garotos bundudos fazendo troca-trocacontoseroticos desenho animado sogro comendo noraso dia que dei minha buceta gostoso pro meu/namorado contominha primeira transa com meu primofilhaputacontoconto eroticomamando na maninha eo marido dela chupando meu pauconto erotico incistindo fudendo tiafamila favela pornoConto erotico armei para minha mulherdotoado furou minha xana conto eroticocontos gays meu primo me pegou cheirando a cueca dele e me fudeucontos e fotos sexo com vovô no pomarcontos amigo dorme em casa esposaporno corno rabudas quadrinhosconto erotico minha empregada travesticonto erotico mostrando pau pra cobradoradoutora tarada por cachorrocorno apanha na cara esposa fad ele chupar a buceta delaa com pau ddentro xvidioconto erotico dona de casacontos erótico incesto vovo betinha conto erotico gey com foto o pedreiro negãocomeu meu cuzinhoContoeroticosacanagemfamiliafilho mimado conto eroticofui trocar o gaz pra vizinha ela tava de saia sem calcinhaconto erotico as difíceisquadrinhoos porno o fim da picadacontos incesto meu filho machucadocontos erotico minha sogra doidina pra mida a bocetacontos eroticos viciadagozando na boca da filhinhacontos erotico de mulhere que trairao seus maridosnovinha com viu tetau repolaContos eroticos com coroasconto de ferias de irmaos nucontos eroticos homens que vestem roupas femininasconto porno com velhoContos eroticos meu irmãozinho d é um profissional em chupar bctconto erotico gay menino solitario da o cuconto erotico viciei da a bunda gay na encolha