Estupro programado

Click to this video!


A minha mulher tem em torno de 1.70, 70 quilos, é branca, tem seios médios, quadril largo, e é muito fogosa...sou moreno, tenho 1.90, 105 quilos, dote normal...
Minha mulher é muito tarada, ama fetiches e fantasias, e sempre que fazíamos sexo em lugares públicos ou ar livre e eu dizia do medo de dar errado, de algo acontecer e eu não ter controle pra protegê-la, ela dizia que queria era isso mesmo, ser fodida por desconhecidos, de ser estuprada e arrombada por 3 ou mais homens...Ela sente enorme tesão nos seios, e goza muito sendo chupada neles, enquanto se toca, ou enfia brinquedos na xoxota, ou os dedos...Falava sempre de ser chupada por um cara nos seios, outro metendo pela frente, e outro por trás...
Por muito tempo não considerei essa possibilidade, pelo ciúme que tenho dela e pela preocupação com a nossa segurança...mas um dia surgiu a possibilidade perfeita pra matar a vontade dela...
Fui convidado para ir num sítio de um casal de amigos, em Itaboraí, swingueiros, onde rolaria uma festa de aniversário da filha mais velha deles, mas que seria evento família, para a sociedade, e que duraria desde a manhã até a noite de um sábado...
Tinha combinado com 2 velhos amigos, conhecidos do casal e da casa de swing que eu sempre ia antes de conhecer ela e casar...eles tb foram convidados pro aniversário...de que gostaria de realizar essa fantasia da minha mulher, e que seria ótimo num ambiente controlado...Eu me certificaria de que todos usariam camisinha, e que depois do estupro consentido por mim iriam embora...Claro que os dois toparam na hora...mas um disse que tinha comentado com a namorada, que é bi, e que ela queria participar...permiti...
E em minha preparação pra esse dia, pensava na maneira dela não os reconhecer depois, caso nos encontrassemos em algum lugar...A solução foi fácil, apenas a vendaria com a minha camiseta, que comprei de cor preta especialmente pra isso.
No dia da festa, marquei pra eles chegarem a tarde, pra que ela não os reconhecesse...
Durante a manhã, enquanto as mulheres estavam na piscina, falei com ela que ia dar uma volta e procurar um lugar onde desse pra gente fazer sexo ao ar livre, que ela adora...a sensação de ser vista, de ser pega, deixa ela com muito tesão...
O local é bem grande, eu já conhecia, e sabia que no outro lado do terreno tinha um portão onde passavam caminhões e máquinas pra estacionar, da empresa de construção do dono do sítio. Resolvi bisbilhotar a área e dei muita sorte, o portão estava apenas escorado por uma madeira por dentro...
Daí pra frente foi só encontrar a árvore certa pra passar uma cordinha, que trouxe de casa pra deixar ela amarrada com os braços pendurados pra cima...Ela gosta assim pq os seios ficam bem a mostra, prontos para serem mamados...
Liguei pra um dos amigos, eles chegariam juntos em um carro, com a namorada do outro...Marquei a hora de chegarem e avisei pra darem a volta no sítio, seguindo pela rua de trás, que eu deixaria o portão encostado...Pedi pra eles deixarem o carro do lado de fora, entrassem e seguissem na direção onde eu estaria com ela, junto às árvores do pomar.
Voltei logo pra piscina, e após um delicioso churrasco regado, avisei a ela que tinha encontrado um lugar ideal pra gente dar uma boa foda, pra relaxar...Safada como ela é, ficou toda entusiasmada e toda hora perguntava onde a gente iria, e o que eu faria...
Na hora certa, segui com ela pro lugar, e como a festa era na área da piscina, estávamos de roupa de banho...ela de bikine com uma saída de praia e eu de sunga, e a camiseta preta...Passando pelo pomar, chegamos na árvore que eu escolhi e ela vendo a cordinha pendurada se virou, me chamou de puto safado, e me deu um beijo bem gostoso...Falou assim: imagina se as pessoas dessa festa, todas da alta sociedade, nos pegarem aqui fodendo? Respondi prontamente que ali, por ser afastado da festa, não andaria ninguém...
Depois de amarrar as mãos, colocando os braços dela levantados e presos no galho alto da árvore, comecei a beijá-la na boca, e descia, lambendo os seios e axilas, mordiscando os mamilos, deixando ela excitada e melada...
Daí tirei a camisa, e disse que seria gostoso se ela ficasse vendada, sentindo minha boca percorrer todo o corpo dela...Ela curtiu a idéia, e depois que cobri os olhos dela com a camiseta, me abaixei por trás, passando a língua quente pela bunda macia até chegar na xoxota, encharcada do mel de tesão da minha tesuda...Suguei todo aquele caldo delicioso, me alternando entre a buceta e o cú guloso da fêmea que amo tanto...
Não demorou muito e ouvi alguns passos...Confesso que nessa hora, entre a adrenalina e o receio daquilo não sair como eu esperava, pensei em desistir...Bom, não tinha combinado como seria a abordagem deles, deixei por conta...E se fosse ensaiado, seria até engraçado na hora...
Eu estava a abraçando por trás, apertando os seios e esfregando a pica na bundona dela...Eles fizeram sinal de ok, eu correspondi...e o amigo com a namorada ao lado falou assim: Olha só mulher, olha primo, o que a gente encontrou na casa do patrão...Vamos lá contar pra ele agora...No que a mulher, que eu não conhecia, baixinha, de uns 40 e magra, respondeu: uma vadia dessas deve é gostar mesmo de ser fodida, pelada e amarrada na árvore...Até eu foderia com ela...Nisso, o outro amigo determinou: Rapaz, nós vamos foder a tua mulher na tua frente, senão iremos te entregar pro patrão...

Eu abraçado nela, sentia o corpo quente tremer e suar, mas ela não dizia uma palavra...Talvez pelo medo, talvez por aguardar a minha reação. Aí eu falei...por favor, somos casados e essa é apenas uma fantasia nossa...Sou muito querido do dono do sítio e vai ser um escândalo se vocês me denunciarem...Além disso, estou sem camisinhas e vai ter risco de alguém passar doença aqui...
O primeiro falou: sorte que a minha muié não pode engravidar e nós passamos na venda e compramos camisinhas pra fuder a noite, e como o primo também a come, vai poder te comer também...A mulher falou: não vou comer, mas vou enfiar a mão na buceta dessa puta...
Sabe o que a minha mulher falou baixinho, ao ouvir tudo aquilo? Amor, deixa...Vai ser pior se eles nos entregarem...
Senti na hora a alma de puta, safada e depravada que eu já sabia existir na minha mulher...Certeza absoluta de que ela não estava preocupada comigo, mas com muita vontade de dar.
O fingido de autoritário falou: fica aí quieto, só olhando...O que sucedeu foi uma orgia digna de um filme...Os dois cairam de boca no corpo dela, e enquanto um mamava os seios, o outro tocava uma siririca frenética naquela bucetona encharcada de tesão...Enquanto isso a baixinha se aproximou de mim, tirando a roupa e pegando na minha piroca, mamando com volúpia e maestria, enquanto eu assistia a esposa se contorcendo de tesão entre dois machos.
Daí ela perguntou se podia mesmo enfiar a mão na buceta da minha mulher, e pelo tamanho dela vi que conseguiria com certa facilidade...Então ela encostou na minha gata, e enquanto mamava nos seios dela, começou a enfiar os dedos na xoxota...um, 2, 3, 4, 5 e quando menos esperava a mão foi entrando, a minha mulher urrando de prazer...chegou a mijar nessa hora...
Fiquei fazendo papel de voyeur, me masturbando enquanto os 3 se revezavam em preencher todos os buracos da já arrombada e cansada mulher...Mas a baixinha queria experimentar a minha pica, e voltou a me chupar...depois ficou de 4 no chão e me pediu pra socar na xoxota dela...Obedeci e quando ela sentiu que eu ia gozar, se virou e me falou: tua mulher tá em pé e não vai beber leite, mas eu quero o teu...Gozei forte, e ela engoliu tudo...
Bom, a minha mulher deu buceta, deu cú, foi arrombada com gosto, mas permaneceu vendada e amarrada...Quando os machos se saciaram, olharam pra mim dizendo que iriam sair...Ao ir embora, o mulher falou pra ela: pode voltar pra tua festa, que lá a gente não vai, porque é empregado...Fodeu de graça...Só que a safada da minha esposa, acredito que em agradecimento, ainda teve a ousadia de dizer: de graça nada, adorei...
Cheguei perto dela, a toquei com carinho, tirei a venda e a beijei longa e carinhosamente...Ela perguntou o que eu senti, e o que iria fazer...eu disse que senti um misto de tesão e ciúmes, mas que gostei de ver um desejo dela sendo realizado...Ela não perguntou se eu também aproveitei da situação, mas duvidou da minha passividade, ao vê-la sendo fudida por outros homens...
Voltamos pra festa, já estava anoitecendo...tomamos banho, trocamos de roupa e ainda ficamos até o final, comemos do bolo e seguimos pra casa, cansados e satisfeitos...Não encontrei os amigos lá, e depois fiquei sabendo que depois daquele sexo nem quiseram ficar na festa, e partiram pra um menáge num motel próximo dali...Eu e minha mulher fizemos sexo muitas vezes relembrando esse dia, e o que aconteceu abriu portas para outras gostosas experiências, que conto em outras oportunidades.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario cristina23livre

cristina23livre Comentou em 06/02/2016

excelente história.

foto perfil usuario alegomes

alegomes Comentou em 04/02/2016

Muito bom, tesão em ler, se aconteceu mesmo parabéns.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


Ficha do conto

Foto Perfil dubom
dubom

Nome do conto:
Estupro programado

Codigo do conto:
78371

Categoria:
Fetiches

Data da Publicação:
03/02/2016

Quant.de Votos:
3

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


"eduluinev@hotmail.com"conto erotico maquinha gulosaver o pau do meu irmao doro contoconto erotico minha namorada dançando forro com meu tioconto erotico namorado nao deu conta dei pro papaiminha vizinha puta contofilho come. mulher pelada de costa dormindo bebadapapaku fode sarado rabudouma noite com papai conto incestocontos eróticos chantagem insetocontos eróticos o negao da academiadupla penetração meu filho e o meu maridocontos eroticos esse coroa me deixa taradconto erotico minha mulher pelada pra outroxvideo gay capoeira 2 o gingado do sexocu grande conto eróticoConto erotico esposa de short branco e o coroa felizkomik hentai miftoon mama afterperdi as preguinhas do cu quando era pequenaContos encontrei minha filha no puteirovideos de cornos que chuupamultimos contos sadocontos eroticos moz peludasconto erotico gay o gurizinho e o negao antigoentiadacontoeroticoporno em quadrinhos escrava sexual do padrastoconto erotico estrupada pelo vocontos eroticos dei o meu cu para meu filhoesposa santinha sem calcinha contosconto primera vez submisso do negaoultimos contos sadonovinha fode com amigos no riacinhopapai chupando novinha contoconto gay irmaos gemendo no pirocao do irmao c fotoquatrinho porno amigo do filhosedutoras e marrentas parte dozedominacao lesbica conto eroticocd de contos eroticos contados por mulherescontos eroticos de suruba com minhas irmas e minha mãehistoria de sexo com uma vizinha putao e seu vizinho um menino taradoxvideo gay capoeira 2 o gingado do sexofilmes cm imagens picantes senas sexomeu tio me botou no colo e me chupou minha bucetacontos de casadas que gosta negaorasguei o cu da minha enteada contoscontos eróticos em quadrinhos lésbicocontoerotico filha paiContos eroticos podolatria no restaurantea maior pica contosconto enfermeira safadinhacontos eroticos fudendo submisuConto erotico de cavaloultimos contos sadocontos eroticos levei minha filha no medicoconto erotico o medicofrancinecross crossdressloirinha de sainha curta e assediada e estuprada no onibusquadrinhos eróticos de gays o amigo negro do meu filhocontos eroticos de casais liberais em gostoso menage com cacetudoconto erotico engravidei minha maeconto aventura no onibuscornogaycontosCenas eróticas "engravidando mamãe" Quadrinhos hentalmulher mastubado muito explosão de goza forte muuitoquadrinhos 3d pornômeninas torturadas peladaspeguei meu marido comendo minha filhacontos eroticos sentei no fuzilcontos erotico com irmaocontopequeno tio agarrou os peito damoca e mamoucontos novinhas gozando no onibus