Ensaios de carnaval, chifres e muito leite

Click to this video!


Vai chegando essa época do verão e como de costume começam a surgir os convites das amigas para os ensaios de carnaval nas quadras das escolas de samba aqui do Rio. Eu que já estava na expectativa já vinha intensivando meus treinos na academia pra ficar mais sarada. Pra quem não se lembra dos relatos anteriores, faço o estilo potranquinha loira, siliconada, puta assumida de um corninho bem mansinho que me incentiva em todas essas sacanagens! Mas vamos ao que interessa, as amigas me perturbando para ir aos ensaios de uma escola lá no subúrbio, que é algo que me dá bastante tesão porque ficamos suadas, podemos ir bem desinibidas e caprichando nos decotes e mini-saias. Contei pro meu marido que logo me incentivou a ir a mostrar para todos, a verdadeira piranha que eu sou. Como a carne é bem fraquinha eu aceitei e falei pro meu corninho que esse ano eu iria caprichar no chifre! Combinei com mais duas amigas, uma delas casada e que trai o marido escondida, e mais dois amigos da academia pra irmos à feijoada de sábado na escola, onde rola muito samba e muita sacanagem no fim da noite. Comprei um vestidinho preto drapejado ULTRA decotado que deixava minhas costas nuas e meu peito praticamente de fora, sabia que quando acelerasse no samba ele quase sairia deixando os bicos parcialmente de fora, ele é bem curtinho também, estilo cachorra do funk (risos). Mostrei pra amigas que amaram e disseram que também caprichariam e que seríamos o “trio das piranhas” do ensaio (risos). Nossos amiguinhos de academia estavam na expectativa mega excitados, só falavam disso durante a semana e sempre com piadinha maliciosas pro nosso lado, brincando o que nossos maridos achavam disso e tal e nós só incentivando os garotos! CHEGANDO O SÁBADO… Salão pela manhã, depilação na bocetinha, escovinha básica pra deixar o cabelo loiro no ponto e no fim do dia uma trepadinha com meu corninho só pra esquentar falando bastante putaria pra ele. Banho e vestidinho e um desfile pro meu corno ter a clara percepção que eu não estava pra brincadeira. Maquiagem e PRONTO, eu estava PREPARADA PRA PUTARIA. Nisso o interfone de casa toca e era um dos amigos da academia que veio me buscar com mais uma das amigas, o corno nessa hora já ficou louco porque não sabia que eu ia de carona e, ainda mais, com um macho bem sarado e gostoso! Despedi-me do meu marido com um beijo bem gostoso e um pedido pra que me esperasse, ele fez um apelo pra que eu enviasse SMS pelo celular atualizando-o das putarias que faria no decorrer da noite o que aceitei de imediato só pra deixá-lo no ponto! Partimos pra quadra e aquele clima muito tesudo de samba, suor, flerte, sacanagem, traição, cornos, tudo junto ao mesmo tempo e nós, modéstia a parte chamávamos muito atenção, pois éramos verdadeiras piranhas lindas e tesudas. Subimos para o camarote e encontramos alguns alunos da academia e outros desconhecidos amigos dos homens, tinha muita gente, outras mulheres safadas também, de santa, obviamente não havia nenhuma. Bom, começamos com muito samba, suor escorrendo, um aluno muito gato e sarado já flertando comigo até vir me oferecer uma bebida pra refrescar, no que me viro de frente com aquela cara de vagabunda, e solto “Gato, era disso que eu precisava, estufando bem meu peito e lançando um olhar desafiador pra ele”. Ficamos ali ele atrás de mim naquela dancinha de homem que não sabe sambar e eu me acabando na frente dele sambando, subindo e descendo, sempre esfregando minha bunda de forma bem sacana no pau dele que nao demorou nadinha pra ficar uma tora. Num dado momento já todos meio altos de bebida e querendo beijarrrrrrrrrr, meu amigo começou a pegar na minha cintura e fazer um carinho discreto por ali e eu só esfregando minha bundinha nele… Até que na paradinha da bateria dei uma empinada daquelas, que se estivéssemos pelados, a pica dele me rasgava. Empurrei a bunda e deixei, ele me agarrou gostoso nessa hora e cochichou no meu ouvido apenas um posso fazer o que estou morrendo de vontade e eu respondi acho que você esta com tanta vontade quanto eu, nisso ele me virou e me deu o beijo de amante, mais tesudo e gostoso que já ganhei e de quebra sentindo aquele pirocão ralando no meu ventre! Puta que pariu! Que tesão gostoso! As minhas amigas nessa hora gargalhando olhando a cena. Demos mais uns amassos gostosos e… Banheiro com as amigas pra fofocar. Só putarias que falamos todas querendo foder muito com os namoradinhos do samba (risos). Bom, combinamos que voltaríamos pra casa de taxi ou com nossos amantes do dia, voltei pro camarote com a boceta latejando, queria foder logo, estava muito tarada no pau daquele gato, Leandro o nome dele e nessa hora lembrei-me do corno que devia estar em casa se punhetando me esperando. Peguei meu celular e mandei um SMS pra ele dizendo: Corno, fica acordado que hoje têm beijo de leite pra você, beijos da sua puta. Voltei pro meu gatinho e ai a pegação ficou descarada, eu sambava de frente pra ele de forma que quem estava na pista lá embaixo via nitidamente meu vestido subir ate o limite de pagar calcinha com meu gato atolando a mão na minha bunda e hora ou outra me dedilhando a bocetinha. Eu sambava descaradamente fazendo caras e bocas pra ele e deixava meu peito quase de fora, ele estava ficando louco, mas louco mesmo a ponto de me falar que não estava mais aguentando, eu era suor purooooo de calor e de tesão, minha calcinha era inteira molhada. Numa dessas, meu gato lambeu o suor que escorria no meio do meu peito e me deu um beijo salgadinho que eu remendei no ouvido dele, ai que beijo gostoso, assim você me deixa com mais tesão parece até outra coisa. Meu gato nessa hora virou puto, tirou a camisa e ficou só de calca se exibindo pra mim também, com aquele tórax todo marombado, seco, definido, suado, bombado, nossa eu sentia minha xota escorrer meu melzinho e eu mesma o chamei: Gatinho eu não to te aguentando mais, pra onde nós vamos?? Ele me falou pra irmos pro carro dele no estacionamento e lá fomos nós rindo, bêbados, loucos pra foder. Entramos no carro e já montei nele, beijando e lambendo ele todo, salgado de suor, ele me chupando o peitos me elogiando de tesuda gostosa, puta e eu falei olhando na cara dele: Só me chama de cachorra e vagabunda, porque é isso que eu sou! ele baixou a calca e a cueca e deixou uma piroca gigantesca que parecia que também havia tomado bomba de fora e não resisti e chupei muito, se gastasse não tinha mais nada hoje, porque chupei muito muito-muito, aquele peru gostoso até ele pedir porque senão ia gozar na minha boca. Ali no carro não tinha muito espaço pra manobra, então só restava sentar no pau dele, no que ele foi pegar a camisinha no porta-luvas e eu pedi quase fazendo biquinho de tesão pra não usar, que queria que ele gozasse na minha boceta, que tinha a fantasia de cornear meu marido e dar pra ele gozada quando chegasse em casa e tal. Ele nem se incomodou, deslizou aquela piroca que apesar de gigante deslizou de uma vez só na minha boceta me fazendo gemer escandalosamente igual uma putana mesmo, eu cavalgava e gemia de tesão muito alto, quem passava por perto pra pegar os carros reparava nitidamente que estávamos fodendo ali dentro. Cavalguei pouco, acho que uns 5 minutinhos e o gato já não aguentou e socou com força anunciando o gozo………….NOSSA QUE TESÃO DO CARALHO SENTIR AQUELE PIROCÃO INUNDANDO A MINHA BOCETA DE PORRA QUENTE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiso de lembrar aqui eu fico molhadinha, muito gostoso, muito bom!!!!!!!!! ele gozou e continuou com o pau duro lá dentro mas logo tirei e vesti a calcinha pra bocetinha fechar e armazenar o leitinho quase todo lá dentro, do jeitinho que meu marido gosta. Ficamos mais um tempinho ali namorado, suados pra caralho naquele cheiro de putaria e pedi pra ele me levar pra casa. No caminho, peguei meu celular e mandei mais um SMS pro meu marido avisando, já estou indo me espere na varanda de casa. O gatinho não percebeu nada, disse que estava vendo se tinha alguma blitz no twitter e logo chegamos em casa pois já era madrugada. Ele parou na porta e eu, já sabendo que meu marido deveria estar de pau duro na varanda do apto olhando fiquei dentro do carro namorando mais um pouquinho meu gato dando vários beijos meladinhos de tesão e apalpando aquele pirocão que logo deu sinal de vida. Não precisei pedir, ele colocou logo a pica pra fora e chupei bem gostoso aquele pau, alternando chupadas e beijos deliciosos na boca do meu gatinho com o melzinho que saia da piroca dele, fiquei ali uns 10 minutinhos boqueteando até sentia a porra dele subindo e falando pra ele agora GOZA TODA ESSA PORRA NA MINHA BOCA VAI SEU PUTAO SARADO! Ele simplesmente gozou mais um rio de leite na minha boca e eu engoli QUASE tudo! Guardei a pica dele, dei um beijinho estaladinho no meu gato e sai fazendo uma carinha de putinha e dando tchauzinho… Subi o elevador olhando no espelho e abrindo a boca, consegui guardar um pouquinho de porra pra beijar meu corno e humilhá-lo do jeito que ele gosta! Quando entro em casa o puto já estava pelado me esperando na sala, agarrei-o segurando aquela picona e tasquei um beijo safado cuspinho aquele resto de porra do meu amante já misturada com a minha saliva, ficamos beijando uns 5 minutos e eu sentido aquela pica duríssima roçando em mim que ia me despindo e caminhando junto com meu corno pro quarto. Ele me jogou na cama e perguntou: QUE FILHA DA PUTA VOCÊ É SUA PIRANHA, O QUE MAIS VOCÊ TEM SUA PUTA? Eu respondi apenas abrindo minhas pernas e olhando nos olhos dele, disse: CHUPA AQUI E VEM VER SEU CORNO MANSO! Só esse movimento de escancarar as pernas já fez com que a vagina desse um espasmo muscular e deixasse escorrer um pouco da porra que guardei pro corno, que não se conteve e lambia vagarosamente minha xota me olhando enquanto eu o chamava de CORNO FILHO DA PUTA, CHUPA ESSA PORRA DE AMANTE CHUPA SEU FILHO DA PUTA, VC GOSTA DISSO NAO E, MAMA CADA GOTINHA DE ESPERMA VAI MEU PUTO, ele abocanhou minha boceta então e fez tipo uma sucção de todo espera que estava lá dentro, eu senti todo o volume de leite que ainda estava lá sair e percebi ele engolindo aquilo tudo, muito tesuda a cena, só que é puta de corno sabe como é vivenciar isso. Ele subiu e já deslizou a pica dentro de mim e novamente aquele beijo tesudo de cumplicidade, de porra, esperma pra caralho, suco de boceta, tudo misturado enquanto ele me socava e eu ia contando a trepada que tive com o meu amante de samba. O corno bombou muito ate gozar novamente na minha boceta maravilhado e dizendo que esse tinha sido uma das melhores chifradas que eu havia dado, que foi muito tesudo ficar na varanda observando e imaginando o que eu fazia no carro. Ficamos assim, namorando mais um pouquinho até dormirmos juntinhos, com muito amor e besuntados de porra e cheiro de putaria no ar!!!!!!!!

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario tepegoputinha

tepegoputinha Comentou em 08/10/2015

Que delícia de conto!




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


7981 - Meu marido é um corno perfeito - Categoria: Traição/Corno - Votos: 17
71841 - Mais um chifre com muita porra para o corno! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 30
71949 - Corno Chupador de Buceta Gozada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 30
71951 - Putaria no jogo do Brasil - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
71952 - Traição rastreada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9

Ficha do conto

Foto Perfil irena
irenaputa

Nome do conto:
Ensaios de carnaval, chifres e muito leite

Codigo do conto:
71950

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
07/10/2015

Quant.de Votos:
11

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


Conto erotico o corno nao acreditou quando viu a esposa gorda aguentar 27 centimitros de pica dentra delaconto corno chora esposa gemendoContos eroticos minha avo da pra todo mundocontos eroticos podolatria com a madrasta dormindoContos eroticos no meu 8aninhoscontos menage masculinoComendo a velha cadeirante contoscontos eroticos gay putaopai e filho gays sexo desenhosquadrinho porno estuproultimos contos sadoCavalguei no pau da Samantha travesti e gostei contosconto amante me chantageiaConto Erotico Gay conhecendo o prazer com o vizinhominha cunhada me de moral na feata dela e ela me deu sua bucetawww.contovirei/punheteiracomendo a bucetinha da lucinha e o cuzinho da ritinha contos eroticosmeninas capturada. abusadas e escravizadas quadrinho eroticoContos eroticos casadas e assediadaspretinha deu o cu apertdo pro negao chorou e gritouconto erotico gay apaixonadomaegravidafilhocontoperdi as preguinhas do cu quando era pequenaketmarinaconto fuder obesa gordacontos eroticos de alpestre rscontos eróticos patraoContos eroticos minha esposa gostou quando eu disse que eu ia fuder o cu virgem da minha filha no motelConto erotico ela arriou a calcinha e ele chupoufoto de idosa transando genroaleeducadora@hotmail.comcontos eroticos gay padrinho morenoCachorrao com paugg adora fuder cuznho da safadaconto erotico orgasmo na xanaConto erotico 2016, incesto mae japa mijou de tesaoQuadrinhos porno no campo de fujiadosincesto com meu filho confessoporno rijoconto erotico minha empregada me viu nucontos vadiascontos gorda cornowww.contos eroticos madrinha espera marido sai pra da cu pro menino novenho pauzodocontos/comi a mae e tirei o cabaco da filhaxvideo tirei o cabaco do cu da niniha entiadasalinas vampFotos quadrinhos da Chiquitita da o cuquadrinhoseroticosrealConto erotico negao interracial comeu m mulhercomendo a chapada conto eroticoFeriado de carnaval sexo com meu irmao no hotel conto eroticoespirrei leite no metro conti eroticoconto erotico destruindo um cu virgem da meninacontos erotico tia viuvaConto erótico dando a boceta para o namorado virtuala minha cunhada quadrinho pornocontos eróticos minha mãe fez um festa de máscara em famíliabucetas menstruando de tanto fuderhistoria em quadrinho porno traicaocontos eroticos gay bebendo leite de pica ensebadasogra velha safada conto eroticnegao jumento estrupa evajelicacontos eróticolesbicas com bucetao greludo e cabeludowww.madrinha da cu pro afilhado pauzodofilho conto eróticocontos eroticos de maes tirando cabaso da filhas e filhos novinhosmae safada= professora putaconto eroticocomendo minha cunhada ia filha dela juntacontos de incestos e orgias nudismo entre irmascontos eroticos entupidacontos de maes metedeirasPornor.galei.minha.conhadade quatro com cinta liga e bojo dando a bucetacontoseroticosdpgay querendo.rola em teresinaporno gay virando femiacontos de sexo forçado com velhos taradosgozando na mamae quadrinhovideo sexo gratis xxx traição incesto janela