AINDA NAMORADA AMANTE DO CHEFE

Click to this video!


como muitos já leram nossas histórias, somos casados, agora a 13anos, fazemos ménage masculino desde que casamos e também a libero para sair sozinha, atualmente ela tem três comedores fixos, um antigo que a come a 14anos mas que viaja muito, então a encontra com menor frequência, um outro colega de trabalho que a come a mais de um ano, este acha que eu não sei de nada, ele pensa que ela me trai rss, eles se encontram em média uma vez por semana, as vezes mais, ela vai para a casa dele e diz que eu penso que ela esta na academia enquanto ela esta lá com ele, geralmente são encontros de duas horas por semana o tempo que ela ficaria na academia, como ela faz academia duas vezes por semana estes encontros oscilam entre estes dois dias, as vezes ela vai para academia mesmo, tem semanas que ela vai os dois dias para a casa dele.
Bem vou contar agora de mais uma traição dela, uma traição mesmo, dos tempos de namorados ainda, deixo claro aqui se na época descobrisse algo eu não a perdoaria, pois nem sonhava que um dia seria liberal desta forma, talvez por isto ela tenha demorado tanto a me contar que ja era bem puta quando ainda namoravamos, eu que sempre achei q eu que a tornei puta hj sei q pelo contrario ela quem me tornou corno rss, ela demorou a me contar por medo, por motivos que vcs saberão a medida que conto como foi, pois bem, estavamos vendo fotos antigas, e achei uma da epoca de inicio de namoro ela com 21anos, linda e gostosa estilo carla perez do antigo é o tchan, loira, cintura fina, bunduda e peituda, naquela época era moda mini saia e decote e ela abusava disto. Ela era estagiária em uma grande empresa e trabalhava direto com o chefe de informática, eles faziam as manutenções nos pcs da empresa que eram inumeros, ela estava na faculdade e o estagio era por lá, pagavam bem até. Nós namoravamos a pouco tempo, ela ja me amava mas ja tinha o instinto de puta, talvez por passar a adolescencia oprimida por seu pai que nao a deixava nem sair sozinha, perdeu o cabaço prum namorado fixo q teve por uns dois anos, e chegou até a trair este namorado com um antigo amor que teve antes dele, com um cara bem mais velho e pauzudo, se lerem meus contos verão, com 13 aninhos ela ja masturbava este pauzudo q era amigo dum tio mas nao chegou a dar pra ele, só foi trepar com ele dpois dos 17 e ja tendo dado pra este primeiro namorado, pois bem, depois de tudo isto no interior ela veio fazer faculdade em porto alegre e gostosa como era ficou admirado de tantos homens dando em cima dela, ela toda retraida e os tubaroes em volta, ja namoravamos e ela ja era amante dum colega de faculdade com o qual trepava mais q comigo q era o namorado, vejam tbm nos contos anteriores, esta do colega ela dmorou a me contar mas ja faz algum tempo q sei.
Bem como ia dizendo olhando fotos antigas achei uma dela da epoca de gostosona e comentei q se soubessemos que cairiamos nesta vida de sacanagem ela teria aproveitado mto qdo ainda eramos solteiros, ela riu e voltei a perguntar se nao tinha mais nada q ela kisesse me contar, q podia ser oq for que nao me importaria, a poucos dias havia falado pra ela duma historia q li duma casada q dava pro chefe, então ela lembrou da historia, ai voltei a perguntar e citei esta época q ela trabalhou nesta empresa, sempre achei estranho q as festas de funcionarios eram fechadas só pra eles, que ela trab mto até a noite fiquei atiçando até q ela disse quer saber mesmo?? Quase infartei mas disse q sim, então ela confessou, foi amante do chefe, quase cai de costas ja havia perguntado milhares de vezes mas ela sempre negou, ai me falou q decidiu dizer ja que estamos passando a ter outros fetiches em nossa relação, estes fetiches são os de humilhação, fazemos a quase 15 anos e nunca nem admiti me chamarem de corno, nem ela admitia, agora ja estamos curtindo, nem a beijava dpois dela chupar um pau, agora ja lambo a buceta dela com o leite do amante, então ela se sentiu mais a vontade para me contar pois quando ela virou amante deste chefe ela se tornou bem submissa dele e por isto tbm não me contava mesmo dpois q ficamos liberais. Pois bem, ela disse q ele sempre largou piadinhas e ela retribuia com brincadeiras mas sempre deixando no ar, nao imaginava realizar, como disse era uma moça timida que ficou mto admirada de tantos a quererem, ela sempre levou as cantadas na brincadeira, até que um dia depois de algum tempo na empresa houve uma festa com muito chop e champanhe, festa de fim de ano ainda em dezembro, ela quando bebe fica mais quente ainda e menos timida rss, na festa ja rolava altas sacanagens entre funcionários até que ele a tirou para dançar, era num ambiente da empresa para festas então estavam na penumbra, e claro só para funcionários, ela sentiu ele ja de pau duro dançando com ela e ele se declarou, ele tinha uns 45 anos separado e ela 21, ela não aguentando cedeu, tentaram disfarçar indo para um canto mas muitos viram eles se beijando, naquela noite ela dormiria na casa de uma das colegas de trabalho mas não, na primeira vez ja foi para o motel com ele, passaram a noite, ele a comeu muito, ela ja bebadinha fez o que sabia, ainda nao fazia anal mas acabou deixando ele meter em seu rabo ja na primeira vez, chupou fudeu gemeu e gritou como gosta de fazer em moteis, não preciso dizer que fizeram sem camisinha, ela acordou toda gozada e de ressaca, disse que chegou a se arrepender então quando viu ele todo apaixonado ao seu lado foi sincera com ele em dizer que tinha feito aquilo q tinha sido bom mas que amava o namorado e que se ele quisesse repetir poderiam fazer mas seria só sexo, resumidamente ela falou a fala do macho pra puta kkkk, ele então aceitou é claro mas dai o tratamento passou a ser outro, viiu que ela era puta que mesmo gostando do namorado gostava de vara e começou a tratala como vadia, e ela adorou, depois do papo passaram o resto da tarde ainda no motel onde ela pode aproveitar melhor seu novo amante, ele não tinha o pau tão grande como ela gosta mas disse que mesmo assim era maior que o meu e a deixava louca, na época ela com seus vinte e poucos e ele quareta e algunss fazia a diferença a experiencia, tanto que não demorou e ele comeu o cu de minha mulher, foi o primeiro a fazer isto e não eu como sempre pensei, só depois dela dar para ele acabou fazendo comigo.
Mas vamos aos detalhes da foda, na festa ela cedeu foram para um canto e ficaram de amassos, ela estava alta mas nao completamente bebada para nao lembrar, o cara estava louco ela sentia o pau dele duro e ele só falava que ela era muito bonita que era uma gata e ele a queria a tempos, não era tarde mas tambem ainda demoraria a acabar mas não demorou em ele convidar ela para sair, ela ficou nervosa pois uma coisa era uns beijos outra era transar, mas como sua buceta ja estava molhada de tesão achou melhor sairem logo, passaram por todos de mãos dadas, se despediram dos que os viram ele numa alegria só e ela envergonhada pois todos sabiam que ela tinha namorado e agora seria vista como amante do chefe, sua buceta piscou mais ainda ao pensar nisto, entraram no carro dele e ele a agarrou novamente a beijando e agora ja passando as mãos pelo seu corpo, suas coxas foram as primeiras a receber as apalpadas dele e ele louco falou que ela era uma delicia com coxas duras e gostosas, ela lógico estava louca para agarrar o pau dele mas nao o fez, então ele parou e ligou o carro, perguntou para onde ela queria ir, ela deixou ele escolher então ele preferiu um motel mas falou que poderia ser o apartamento dele, não demoraram nem 10min para chegar ao motel, foram ao motel TAIKO quase na frente da empresa que trabalhavam, ele pegou uma suite e foram, ela entrou no quarto pensando num banho mas ele não deixou ja a agarrou assim que fechou a porta, foi bem carinhoso beijando-a muito bem como ela gosta e a levando em direção a cama, antes de fazela deitar ele abaixou e retirou a calcinha dela a deixando ainda de saia, enquanto ele fazia isto ela retirou a parte de cima e com ele assistindo maravilhado ela liberou seus peitos lindos de menina do sutia, então ele começou a tirar a roupa e em instantes ambos estavam pelados, ela finalmente viu o pau de seu novo amante, não era GG como o do outro amante q ela tinha mas era maior q o meu, o outro amante tinha 22cm de pau o meu 13 e o do chefe uns 18, mas era grosso e isto que importava mais para ela que adorava gozar se sentindo bem preenchida então voltaram a se beijar e finalmente ela agarrou o pau duro feito ferro, sua buceta ja babava a tempos de tesão, a vontade dela era sentar na cama e enfiar aquele pau duro na boca mas nãocomo eles não tinham tomado banho ainda ela não o fez, ela adora chupar mas tem q ser limpinho, ela viu que ele náo permitiria ir ao banho antes de comela então deixou ele tomar conta da situação, ele foi em direção a cama e por cima dela, ela ja o esperou com as pernas abertas ele a beijou e ela gemendo esperava aquele pau em sua vagina mas ele então desceu mamou muito em seus peitos e para surpresa dela foi descendo descendo até sua buceta, mesmo com os protestos dela pois estava suada e ja fazia algum tempo q havia tomado o banho para a festa, mesmo sob protextos ele enfiou a lingua em sua buceta que estava completamente depiladinha, ela achou ruim a ideia de beijalo depois mas logo esqueceu disto ao ter uma lingua agíl e experiente lhe fazendo carinho, seus nãos logo se transformaram em gemidos de prazer e não pode deixar de elogiar as habilidades da lingua que percorria todo seu clitoris com toques suaves e por vezes mais fortes a deixando mais louca ainda, ele brincou um certo tempo em sua buceta até que ela mesmo pediu para ele penetra-la que ela nao aguentava mais e precisava ter ele dentro dela, então ele veio novamente lambendo o corpo dela com aquela lingua quente e antes que ela pudesse afastar o rosto ele a beijou com o gosto forte de sua xota que pela primeira vez ela sentia assim pois nunca havia deixado eu ou outro a xupar naquela situação, antes que ela pudesse sentir nojo ou protestar o pau dele ja havia achado a entrada da vagina úmida e receptiva dela e ele iniciava a penetração, ela chegou a falar em camisinha mas ele disse que com ela nao faria e o pau ja estava entrando e ela nao falou mais nada, só se abriu o apertou o beijou e gemeu satisfeita quando sentiu ele todo dentro dela, mesmo não tendo o calibre do outro amante o pau era grosso e duro e certamente a faria gozar muito, ainda mais sendo ele um coroa charmoso e gostoso, quando ele nao estava sugando a lingua os lábios ou os seios de minha esposa ele elogiava ela, falava da delicia que era sua xoxota linda, molhada e quente e entre estas palavras falava que nunca tinha comido uma gata gostosa como ela e isto a deixava louco, falou até na possibilidade de se apaixonar e ela respondeu que não que ela tinha namorado e ele seria seu amante gostoso do pau grande e duro então pela primeira vez ele a chamou de puta e isto arrancou um gemido forte dela junto com um aperto de coxas o puxando mais para dentro e ele claramente viu que ela adorou e começou a dizer, ENTÃO TÁ, VAI SER MINHA PUTINHA GOSTOS, E VAI FAZER TUDO QUE TEU CHEFE MANDAR, e ela respondia que sim gemendo e pedindo mais pau, e ficaram brincando assim, ele falando que faria de tudo com a estagiária gostosa e ela adorando então quando ela estava prestes a gozar o safado saiu de cima dela sob protestos dela e foi dar o pau no rosto dela, ela mesmo tesuda dizia que não e não pois estava todo melecado e isto ela nao fazia, mas foi em vão ele mais autoritário segurou ela pelos cabelos e disse, TEU CHEFE TA MANDANDO, CHUPA E LIMPA BEM, ela então abriu a boca e sentiu pela primeira vez um pau melecado com gosto de mijo ainda, gosto da xota dela sem ban ho, gosto dos liquidos dela, quase golfou quando ele enfiou quase tudo em sua boca, mas antes de protestar novamente ele se virou e enfiou a cara em sua buceta novamente, então a lingua dele a convenceu rapidinho a chupalo com vontade, ele por vezes forçava demais e ela tinha q tirar o pau então o chamava de safado e ele retribuiua a deixando louco com sua lingua em seu clitoris melecado, ele ficou bombando a boca dela por um bom tempo e ela adorou mesmo sentindo aquele monte de gostos diferentes e novamente ela pediu pau, implorou para ele penetrala e ele o fez virou e novamente a beijando com o gosto forte de sua buceta na boca a penetrou facilmente, sua buceta que sempre foi larga recebia fácil aquele membro duro e ele notou pois falou QUE BUCETÃO GOSTOSO, ENTRA FACIL, e agora brincava entrando e saindo de minha mulher que estava ali a merce dele e adorando, ele ficou ajoelhado entre as pernas dela a admirando enquanto metia e tirava o pauzão, por vezes esfregando o pau em sua buceta toda, fez isto até novamente ela falar para ele meter e nao tirar que ela queria gozar, e ele o fez, deitou sobre ela bombando forte e a beijando e entre gemidos e gritos minha esposa gozou com seu novo amante, gozou com seu chefe e futuro dominador dela pois ele a usou muito assim, e antes dela acabar de gozar falando da delicia que era o pau dele ele despejou um riu de porra dentro de minha mulher que delirou mais ainda, ele gozava urrando a chamando de gostosa de putinha e ela delirando snetindo o pau pulsando e o leite ja vazando de dentro dela, sentia o liquido quente dele escorrer por entre o pau que bombava e lambuzar seu cu sua bunda, quando ele parou e caiu seu peso sobre ela ela se sentiu como gosta uma legítima puta, disse que lembrou de mim em casa e ela ali debaixo de outro macho pauzudo, agora um homem bem mais velho experiente e cheio da grana e imaginou como seria apartir de agora ja que ela convivia com ele o dia inteiro no trabalho, ele ficou um pouco e logo saiu de dentro dela deitando a seu lado, ela tão nova e ja acostumada aficar com a vagina dilatada e largando leite permaneceu imovel recuperando o folego e ele também, depois do tesão passado novamente veio a vergonha e arrependimento mas logo passou assim que novamente ele voltou a beijala a acariciala e sempre a elogiando, ela retribuiu e era bom ficar com ele depois das trepadas, ele ficava mais calmo e mais carinhoso pois ela ja tinha tido uma ideia de como seria com tesão, um macho gostoso e dominador. Ele ficou um pouco e foi para o banho a convidando e ela foi estava precisando, sentia ainda o gosto forte do pau dele na boca e o cheiro pior ainda em seu rosto, entraram para uma deliciosa ducha ela se lavou rapido e quando viu ele começou a beijala, ela lavou o pau dele carinhosamente e antes de acabar o pau ja estava quase duro e ele gemendo, ela mesmo cansada entendeu e fez o que adora fazern o chuveiro se abaixou e o chupor, agora caprixando mais pois o pau limpinho estava uma delicia e logo duro como antes então ele levantou ela colocou ela de frente para a parede fez ela empinar a bunda e a penetrou no chuveiro fazendo bastante espuma em seu corpo acariciando-a toda, e mesmo ainda com as pernas bambas da gozada logo ela tava cheia de tesão denovo, ele admirava e batia forte na bunda dela que gemia de dor e pela primeira vez dor e prazer coisa que ela dizia não gostar, ele caprixou mais nas palmadas quando ela o chamou de tarado que iria deixar ela toda marcada, e que as marcas nao ficassem até a noite quando ela estaria com o namorado, ai sim ele batia mais e mais forte e ela gemia e empinava mais a bunda para ele, ele só parou de bater quando enfiou um dedo no cu dela, mesmo sob os protestos ele o fez e ela disse que ali ninguem metia, ele riu e disse que ela veria se não mas nao tentou só continuou metendo o pau na xota e o dedão no cu e ela adorou a situação, depois de muito levar dedadas e palmadas foram novamente para a cama, e agora sim ele a colocou sentada e ficou de pé para que ela chupasse o pau, novamente ela teve que meter o pau na boca agora só com o gosto da buceta dela, coisa que ela nao fazia com outros, mas ali naquela hora estava adorando, ele a segurava pelos cabelos e forçava a entrada até onde ela aguentava e quando ela tirava o pau para poder respirar ele aproveitava para bater em seu rosto com ele e esfregar por toda sua cara e antes dela protestar ele voltava a meter na boca, em instantes ela estava com o rosto todo babado com cheiro do pau então ele abaixou e a beijou violentamente sorvendo parte da saliva de seu rosto e novamente voltava a fuder a boca dela dizendo que ela tomaria muito do leite dele ainda, ela nao falou nada, não disse que não engolia porra e nem podia, então depois desta sessão de foder a boca de minha então namorada ele pediu para ela ficar de 4 na cama e ela obedeceu, quando ela ficou de 4 olhando por cima do ombro com a cara de safada que tem ele falou para ela empinar bem o traseiro e a ensinou como queria fez ela deitar sobre a cama mantendo os peitos e exibindo ao máximo seu rabo e xota, ela foi chupala por tras e pela primeira vez ela sentiu uma lingua passeando entre seu clitoris, vagina e cu, sim ele lambeu o cu dela pela primeira vez, eu até ja tinha tentando mas ela não deixava dizendo ter nojo, mas ali ela ficou quieta e só gemia, falou que foi bom que sentiu um arrepiu em toda a coluna quando ele tocou sua lingua quente no seu buraco virgem, noavamente ele falou que comeria o cu dela e ela não falou nada só gemeu, mesmo ainda pensando que isto nao faria, depois dele brincar e lubrificar ela mais ainda ela se preparpou para recebelo ele fez ela abrir as pernas e ficou ajoelhado entre elas assim minha mulher ficava mais exposta a ele, e o pau entrou novamente fácil e gostoso agora ela podia sentir ele indo mais e mais fundo, ele começou metendo devagar e a puxando forte pelos quadris fazendo o pau ir o mais fundo possivel e ela ajudava forçando seu bundão para tras ao encontro do seu macho, sentia o pau tocar o fundo da buceta o que a deixa louca enquanto ele ia aumentando o ritmo e falando da bucetona gostosa que ela tinha, ela tentou ficar quieta mas não aguentou e logo gemia forte quando o pau lhe invadia a vagina, e não demorou para novamente ele bater no bundão branco dela que ainda estava vermelho das ultimas palmadas, batia e dizia, toma puta o que tu gosta e ela gemia correspondendo a suas investidas, as vezes gemia de dor mesmo pois ele batia forte e onde sua bunda ja ardia mas a ardencia não era nada perto do tesão de ser usada por aquele macho gostoso e não demorou o dedão dele entrou no cu apertado e virge dela e ela nao protestou só gemeu e ficou feliz pois assim ele não batia mais então aguentou o que pode dele investindo contra ela, por vezes se debruçava sobre ela e a agarrava forte pelos peitoes e foi tanto que ela cansou da posição então quase que implorando pediu para ele deitar e ela poder cavalgar, até então era a forma que ela conseguia gozar com mais facilidade, e ele então deitou mas antes q ela sentasse ele mandou ela dar mais uma chupadinha, ela o fez com tesão novamente mamou no pau todo lambuzado dele e com gosto de porra da primeira gozada dele, ela achou que o leite dele tinha saido de dentro dela nas estocadas q ele deu nela no chuveiro mas qdo fez o boquete nele percebeu que sua buceta ainda guardava muita da porra dele e isto a deixou louca, nao demorou tanto mas lambeu todo o pau, lambeu o saco e as bolas que disse serem grandes e gostosas, deixou ele louco então fez como ele havia feito com ela instantes antes, foi subindo com a lingua por sua barriga, peito, sugou os mamilos dele e o beijou enquanto se ajoelhava e ajeitava aquele membro duro novamente em sua vagina ja tão acostumada a seu tamanho mas mesmo assim foi uma delicia sentir o pau ir deslizando para seu interior, sentir ele durissimo ir completando os espaços de sua bucetona grande então assim q meteu tudo gemeu dizendo DELIIIIIICIA, então ficou ajoelhada sobre seu macho o admirando, tinha mais que o dobro da idade dela, os primeiros cabelos brancos ja apareciam mas o corpo era bonito bem cuidado ela ficou imóvel curtindo tudo aquilo dentro dela enquanto ele massageava os peitoes grandes e duros dela até que ele não aguentando mais mandou ela rebolar, e agora ela quem controlava olhando safada para ele, ela rebolava em movimentos circulares mas sem tirar muito o pau de dentro e por vezes subia e descia, as vezes subia e deixava só o cabeção dentro da vagina e ficava mexendo assim, ela faz comigo é uma loucura o cara goza rápido se ela não parar, mas então voltava a sentar forte e a gemer por vezes ela deitava sobre ele o beijando gostoso ou esfregava os peitos na cara dele mandando ele mamar e ele sugava forte a deixou toda dolorida, então ela novamente sentiu o dedo dele entrando em seu cu e o arrepiu na coluna voltou, ela gemeu diferente e ele sorriu dizendo que o cu seria dele, ela para provocalo falou baixinho e manhosa em seu ouvido, NUNCA DEI MEU CUZINHO, NEM PARA O NAMORADO QUE TEM O PINTO MENOR QUE O TEU, ele riu e disse que não é questão de tamanho mas de cuidado e atitude e ela continuou mexendo beijando sentindo o pau no fundo da xota e o dedo em seu cu e não demorou estava gozando descontroladamente sobre ele, pela segunda vez gozava naquele pau o que era dificil para ela ficava fácil com ele, ela goza até hj mto forte e precisa de tempo para se recompor mas ali estava gozando pela segunda vez no pau dele e a segunda mais forte que a primeira, ficou um tempo gozando e o beijando mas nao resistindo levantou o corpo e fez uma sessão de metidas, movimentos para frente e para tras mas com o pau todo dentro e se a cama nao for forte nao resiste, ela gemeu gritou urrou e por fim dava risadas descontroladas a cada espasmo da buceta, ele apavorado sentia a força que ela tem na vagina pois mesmo sendo larga ela aperta o pau como uma mão, e faz isto com prazer, quando terminou caiu sobre ele cansada, ele deixou ela descansar, ela achou q ele iria gozar mas para seu azar nao gozou, assim q ela recuperou o folego ele fez ela sair de cima dele a colocou de bruços e a penetrou na buceta ainda alargada dela, ela gemeu nao de prazer pois agora só tinha os espasmos pós gozo, não dói mas incomoda o pau, ele começou devagar largando o peso sobre ela, foi gostoso sentir ele em cima dela, ele foi devagar aproveitando os grunidos dela, foi beijando o pescoço, mordendo e ela mesmo ainda sentindo incomodo com o pau rebolava e tentava gemer mostrando q tava gostando mas o desejo era que ele despejasse logo seu leite dentro dela novamente, ela é uma boa puta, até hj mais que gozar adora satisfazer o macho então abriu as pernas e deixou ele ficar encaixado no meio enquanto metia nela até o fundo, ele ficou falando ao ouvido dela, perguntando se ela tava gostando, elogiando ela, chamando ela de putinha e que seria dele para o que ele quisesse, falou que iria comer ela em todo lugar na empresa e que quando nao desse ela teria que chupar ele até o fim para alivialo e com toda esta conversa logo a buceta dela estava piscando mas de tesão novamente, quando ele percebeu que ela estava fogosa dnovo ele começou a meter mais forte, ergueu o corpo e ja tirava quase todo o pau e botava dnovo, até q cansou e ficou ajoelhado sobre ela, nesta posição ele via o pau entrando na xota e tinha a visão do cuzinho lindo dela, então ele passou a tirar o pau da vagina e esfregar na bunda dela, do cu até o rego, então voltava a enfiar na xota arrancando gemidos dela, ela percebeu o que ele queria e falou que nao que era muito grosso, ele riu e continuou a brincadeira, mesmo ela estando lambuzada do pau da porra q ainda tinha na vagina ele cuspiu direto no cu dela, ela se sentiu mais puta ainda ao sentir ele fazendo isto, então o dedão dele voltou a penetrar agora mais fácil em seu cu enquanto o pau entrava e saia de sua vagina, ela deitada de bruços com ele por cima sabia q se ele quisesse naquela posição a dominaria fácil e rasgaria seu rabo, então entre gemidos ela dizia não, não, mas nao tentava sair dali, ele continuava a cavalgando e ela foi enlouquecendo novamente, ela via o que ele queria e por final pensou, JA FIZ TANTA MERDA, AGORA VOU ATÉ O FIM, então ficou imóvel só gemendo e rebolando o que dava para ele, até que ele tirou o pau e o dedo de dentro dela, mirou ele em seu rabo e fez pressão, ela parou de gemer e só dizia, que não e não, e depois devagar devagar, na primeira investida o pau escorregou e ela gemeu, então o safado meteu novamente em sua xota e novamente cuspiu no cu dela espalhando com o dedo ela gemia e rebolava mas assim que ele tirava o pau da xota ela sabia que ele tentaria dnovo então ficava quieta e imovel, sentiu o pau duro e quente no cu e até achou bom mas quando ele forçou que o cu deu a primeira cedida ela gritou de dor e se mexeu fazendo o pau escapar, depois disto ela dizia que não e não, que doeu mas ele nao saia de cima e novamente entrou em sua buceta, mesmo sendo mto gostoso o cu doia, e ela pedia que não mas novamente viu que nao adiantaria então curtiu as rapidas metidas q ele dava na vagina até que novamente ela estava com o pau mirando seu cu, novamente ele pressionou e a dor veio, parecia rasgala e o pau escapou, ficaram nesta por mais algumas vezes, ela realmente não queria mas via que se negasse podia ser pior ele tava tão louco que podia meter a força e ela sabia que doeria mais, até que entre uma metida na buceta e uma mirada no cu ela viu que o cu cedeu mais, a dor foi a mesma mas mesmo ela tentando sair agora o pau tava mais encaixado, a dor era cortante, ele ficou imóvel e pela primeira vez caiu sobre ela, não meteu mais nem menos deixou onde estava e agora ela via que tinha entrado pois ele não precisava mais segurara o pau, ele foi carinhoso pedindo desculpas, beijando a boca e pescoços dela e ela se sentia espetada, o pau dele pulsava a torturando mais ainda ela gemia e gritava agora de dor mesmo, então uma hora ele puxou o rosto dela e deu um beijo longo tão longo como os momentos que pareceram nao ter fim enquanto ele cravava no cu dela o resto de seu pau, ela chorava e as lágrimas escorriam, ele gemia e falava do cu apertadissimo dela, que não tinha acreditado quando ela disse que não havia dado ainda mas agora via q era verdade, ela sentiu q ele socou tudo, sentiu o saco quente encostar em sua buceta, sentia a dor absurda no rabo, chorava baixinho enquanto ele a beijava e se desculpava, mas não saia de cima, ficou imovel mto tempo sobre ela, algumas vezes tentou mecher mas ela protestava até que ela deixou ele dar umas metidas, cerrou os dentes e aguentou o que pode, ele conseguiu fazer uns vais e vens mas sem tirar o pau pois ela disse que nao aguentaria ele entrando dnovo, ele queria gozar no cu mas qdo ficava mais excitado o pau aumentava de grossura e ela nao aguentava, ficou muito tempo dentro do cu dela até que nao aguentou mais e para não machucala mais tirou e meteu na buceta, a excitação dela havia passado e foi um aliviu sentir ele gozando dentro da vagina novamente, seu cu pegava fogo e sua buceta tambem, ela sentiu ele jorrando e bastante leite dentro dela, quando saiu foi um alivio, sua buceta vertia porra e ela achou que o cu estava rasgado, correu para o banheiro pois parecia estar cagada com o cu aberto mas ficou surpresa quando viu que nem sangue saiu, tomou um banho e quando voltou para a cama ele estava dormindo, então deitou, demorou mas dormiu, a foda deve ter acabado lá pelas tres da manha, haviam bebido, acordaram perto do meio dia e foi quando iniciaram o papo que falei no iniciodo conto, ele se disse muito admirado e que seria facil ele se apaixonar, ela lembrou a ele que me amava e que queria só sexo com ele, ele prometeu tratar ela como a puta que era, pediram um almoço no motel mesmo, comeram, dormiram abraçadinhos de novo e ela acordou a tarde com ele a beijando de pau ja duro, agora mais calmo ele fez amor com ela, a penetrou por cima fudeu gostosinho, rolou com ela por cima e deixou ela cavalgar até gozar forte novamente, nao deu o cu pois doia muito mas fez um boquete para ele depois de gozar, isto até ela ja fazia em mim, fez ele gozar enormemente em sua boca e ela sugou tudo até o fim, foi no wc e cuspiu, quando voltou ele disse que nas outras vezes era para ela engolir, ela disse que não e ele disse um veremos... e realmente no trabalho depois ela engolia direto o leite dele, no trabalho ele passou a dominala completamente, quando nao conseguia comer ela na sala ou no almoxarifado onde tinha um colchonete ela tinha que fazer um bokete para ele se aliviar e não importava o horario nem como o pau dele estava, sujo suado, e ele fazia ela engolir, as vezes mesmo podendo meter ele castigava ela fazendo ela beber seu leite e ficar na vontade, ele dizia que era para ela ir mais tesuda dar para o namoradinho, muitas vezes passavam a tarde em moteis, passar a noite era raro mas muitas vezes ela tinha q trabalhar até tarde e na verdade era ficar no motel, la ela aproveitava mais gritava, gemia pedia vara, ja no trabalho tudo tinha q ser em silencio mas isto tbm deixava ela tesuda, virar a bunda e deixar ele enfiar em seu cu sem poder gemer nem reclamar pq na sala ao lado tinha alguem, fazer ele gozar em um bokete, vendo ele se contorcer sem poder gemer tbm a deixava satisfeita, as saidas deles para almoçar geralmente eram mais demoradas, iam para o apartamento dele e por vezes nem voltavam, na empresa todos sabiam do caso deles, nas festas ja ficavam de mãos dadas direto, mesmo sabendo que ela tinha namorado, sorte que naquela época nao havia facebook senão os colegas dela saberiam quem eu era, em um ano ela viajou quatro vezes com ele, duas para SP em cursos de fins de semana ou congressos, sempre ficaram no mesmo hotel como um casal mas o que mais me magou em saber de tudo isto, foi saber que ele esteve até na casa dos pais dela, sem eles é claro, o pai dela nao deixava ela sair sozinha sempre foi jogo duro, gente do interior, mas uma vez ela ficou sozinha num fim de semana em casa, eu tbm nao estava, estava viajando a trabalho, ele foi para a cidade dela e se hospedou em um hotel, durante o dia ela passava lá trancada com ele, e a noite ele foi para a casa dela e comeu ela na cama dos seus pais, na cama de casal, ela disse que foi a primeira vez que gozou dando o cu pois se sentiu a mais puta de todos dando pro amante na cama dos pais, eu nunca havia comido ela na casa, quem dira na cama, como disse o velho era jogo duro e nunca ficavamos sozinhos em casa, o pior de tudo que é cidade pequena, no hotel todos a conheciam e sabiam que ela era namorada e dpois noiva, pq mesmo dpois do noivado ela ainda era amante dele, certa vez ele tirou férias e ficou a semana toda no hotel, ela é claro ganhou uma semana de folga do trabalho para estudar para as provas da faculdade, em casa os pais achavam que ela ia para a faculdade estudar mas não ela passava o dia no hotel com o coroa, o mesmo hotel que passamos o primeiro dia da lua de mel antes de viajar, o mesmo quarto inclusive pois só tinha uma suite com sacada e sala, ela me contou que ele comia ela na sacada direto, a luz do dia, e ela ja gemia alto pois normalmente eram os unicos no hotel.
Bem soube disso a poucos dias, ainda estou sabendo mais coisas deles aos poucos, pois umas de nossas taras é ela me contar enquanto transamos, isto apimenta nossa relação, vou colocar fotos que claro ao são deles, vou tentar achar uma foto antiga scaneada ainda dela quando era minha noiva e super gostosa rss, este conto como os outros é real, quem quiser adcc para papo td bem, para transa ja será mais dificil.AS FOTOS DELA SOZINHA NUMA CAMA É QDO ERAMOS NOIVOS.
Foto 1 do Conto erotico: AINDA NAMORADA AMANTE DO CHEFE

Foto 2 do Conto erotico: AINDA NAMORADA AMANTE DO CHEFE

Foto 3 do Conto erotico: AINDA NAMORADA AMANTE DO CHEFE


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario skarlate

skarlate Comentou em 21/03/2017

fantástica

foto perfil usuario kzdopass48es

kzdopass48es Comentou em 12/11/2016

Ela é uma delícia, o chefe gosta e é bom de PICA, tem mais que fuder muito! Betto

foto perfil usuario boxboxbox

boxboxbox Comentou em 10/09/2015

Gostei muito. Excitante. Votado. Gostava que lesse o meu conto publicado hoje. Para melhor entender o meu percurso comece por ler o meu 1º conto. Se gostar dos meus contos comente e vote.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


12342 - Amante da esposa la em casa. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 14
12371 - Minha esposa me fazendo surpresa(Verídico) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 24
12436 - Esposa perdendo(realmente) o cabaço do rabinho. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 18
12469 - INICIANDO A ESPOSA NO MENAGE(VERIDICO) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 21
12479 - PROSTITUINDO A ESPOSA(PRIMEIRA VEZ) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
12578 - PROSTITUINDO A ESPOSA (NOVOS CLIENTES) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
12645 - ATUAL AMANTE O INICIO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12666 - OUTRO CLIENTE DE MINHA ESPOSA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
12709 - ESPOSA TRANSANDO NA FESTA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
13013 - MINHA ESPOSA COM DOIS AMIGOS - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
13169 - NEGRO GOSANDO NA MINHA ESPOSA(REAL) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
13171 - AMIGO NEGRO LA EM CASA(EDITADO) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
13325 - ESPOSA TRANSANDO COM ESTRANHO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 1
13603 - AMANTE FIXO EM CASA A SÓS COM ELA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
13769 - ESPOSA SENDO GOSADA NA FESTA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
13955 - ESPOSA DANDO NO CARRO EU DIRIGINDO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
14253 - ESPOSA PASSANDO FINAL DE SEMANA COM AMANTE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
14557 - ESPOSA TRANSANDO COM OUTROS NO CARNAVAL - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
14729 - ESPOSA TRANSANDO COM OUTROS NO CARNAVAL PARTE2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
14935 - QUARTO MENAGE COM MINHA ESPOSA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
14949 - QUARTO MENAGE COM MINHA ESPOSA(CONTINUAÇÃO) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
15094 - ESPOSA TRANSANDO GRÁVIDA DE 7MESES - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
15096 - PRIMEIRO AMANTE DO TRABALHO DELA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
15216 - ESPOSA TRANSANDO COM EX NAMORADO(VINGANÇA DELA) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
15259 - ESPOSA TRANSANDO COM UM COROA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
15968 - PRIMEIRO SWING DO CASAL - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
16110 - PRIMEIRA VEZ DA ESPOSA SOZINHA COM AMANTE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
16607 - ESPOSA SOZINHA COM DOIS AMANTES - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
16627 - ESPOSA CEDENDO A CHANTAGEM DO COLEGA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
16934 - PRESENTE PARA O AMANTE(primeira parte) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 0
16966 - PRESENTE PARA O AMANTE(Segunda parte) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 0
18111 - SEGUNDA NOITE DA ESPOSA COM SEU AMANTE FIXO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
18115 - SEGUNDA NOITE DA ESPOSA COM SEU AMANTE FIXO parte2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
18295 - SEGUNDA NOITE DA ESPOSA COM SEU AMANTE PARTE3 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
19314 - ESPOSA FUDENDO COM AMANTE E AMIGO DELE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
19938 - ESPOSA DANDO PARA COROA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
20767 - ESPOSA DANDO EM PRAIA DE NUDISMO 1 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
20768 - ESPOSA DANDO EM PRAIA DE NUDISMO 2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
20769 - ESPOSA DANDO EM PRAIA DE NUDISMO 3 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
22017 - ESPOSA COM MACHO QUE CONHECEMOS PRAIA DE NUDISMO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
22018 - ESPOSA COM MACHO QUE CONHECEMOS PRAIA DE NUDISMO3 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
22019 - ESPOSA COM MACHO QUE CONHECEMOS PRAIA DE NUDISMO4 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
23307 - ESPOSA SE PROSTITUINDO (VERÍDICO) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
25452 - ESPOSA DANDO NO ANO NOVO. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 17
26816 - O VERDADEIRO PRIMEIRO AMANTE DA ESPOSA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
26852 - O VERDADEIRO PRIMEIRO AMANTE DA ESPOSA 2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
27032 - NAMORADA DANDO PARA AMANTE NO WC DA FACULDADE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
27652 - ESPOSA COM AMANTE NO ESTACIONAMENTO(REAL)25/03 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
28366 - ESPOSA PASSANDO FIM DE SEMANA COM COMEDOR 1 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
28367 - ESPOSA PASSANDO FIM DE SEMANA COM COMEDOR 2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
29811 - ESPOSA COM NOVO AMANTE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
30123 - ESPOSA LEVANDO LEITE DE DOIS AMANTES 1º VEZ REAL - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
31212 - PRIMEIRO ANAL DA ESPOSA COM O NOVO AMANTE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
33094 - ESPOSA SENDO GOZADA POR DOIS AMANTES NO MESMO DIA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 16
36901 - ULTIMA IDA NO AMANTE PREFERIDO DELA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
43645 - DANDO PRO AMANTE NA ESCADARIA DE SHOPING - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
46418 - ESPOSA DANDO NO CARNAVAL 2014 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
50214 - ESPOSA GRITANDO NA VARA DO AMANTE EM NOSSA CASA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 15
53229 - PRIMEIRA VEZ COM O AMANTE EM NOSSA CASA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
53992 - AMIGO DE AMANTE COMENDO MINHA ESPOSA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
54589 - AMANTE NARRANDO COMO REALMENTE FOI O ENCONTRO. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
61019 - ESPOSA E NOVO EMPREGO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
62243 - MARIDO NAO COMEU ELA DEU RABO PARA AMANTE. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
65576 - ESPIANDO AMANTE E ESPOSA SEM ELA SABER - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
66277 - AVENTURAS DE ADOLESCENTE DA ESPOSINHA PUTA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
66977 - ESPOSA NOVINHA TRAINDO SEU PRIMEIRO NAMORADO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
68118 - PRIMEIRO ANAL COM AMANTE PREFERIDO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
71654 - FESTA COM AMANTE NEGRO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
72266 - ESPOSA LEVANDO ESTRANHO PARA NOSSA CAMA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
73929 - ESPOSA DANDO AO AR LIVRE PARA O CHEFE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 16
77768 - FINALMENTTE UMA AMANTE AMIGO MEU - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
78053 - Vingança da esposa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
97684 - ESPOSA LEVANDO LEITE DE NEGRO, PRIMEIRA VEZ - Categoria: Traição/Corno - Votos: 20
98334 - ESPOSA LEVANDO LEITE DE NEGRO, PRIMEIRA VEZ - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
98619 - MARIDO ESCONDIDO NA CASA DO AMANTE ASSISTINDO ESPOSA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12

Ficha do conto

Foto Perfil cacolabin
casalsul

Nome do conto:
AINDA NAMORADA AMANTE DO CHEFE

Codigo do conto:
70553

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
09/09/2015

Quant.de Votos:
10

Quant.de Fotos:
3


Online porn video at mobile phone


Conto erotico 12 bucetinhacontos e fotos sexo com vovô no pomarcontos porno tabu.comConto gay cu dodoicontos eroticos virei cadelacontos eroticos chupei meu cunhado do lado da minha irma dormindogenroscontoeroticocontos de safados de primoscontoerotico etuprando a enteadacontos eroticos com fotos de transando com as cunhadas casadas na frente de seus maridoschequei em casa e mao aquentei ver minha enteada dormindo peladaconto minha sobrinha de deis anos me deu a xoxota inchadadoce nanda contos eroticosestava sozinho numa obra e comi a buceta da cadela contos zooConto erotico compartilhando a esposacontos eroticos o filho e a filha do pastorcontos gays novinhoContos de esposas no menageConto erotico esposa cegacontos erroticos de incertos filha amante do pai 2017 ltimas publicaes com fotos menininha safadinha conto eroticocontos eróticolesbicas com bucetao greludo e cabeludofudendo rapidinha a xereca lisinha ca bacinhovideo da fabiola rabo de arraia pelada e trepandoconto buceta filhairmas putas contos quadrinhosconto erotico/ganhei uma chupeta da vizinha espanholaconto nao resistiu ao tesaozinho da amigoquadrinhos sexo gayfomos pescar com nossas esposas conto eroticocontos eróticos chantagem insetocontos eróticos inversão inocentecontos eroticos guardetes noturna trepandocontos erticos menino enraba catadora de lixoContos eroticos flagas em madrastasconto erotico de mulher que transou com negao do paul granddominando com hipnose tesudaa desdita dando a bucetinha para o clientecontos eroticos inversaoconto porno com velhoirmão e irmã eu meu irmão e ele me ama incestos contos eroticoscontos eróticos, Swely Dadeiraquadrinho porno gaycontoerotico so.no.bumbum tiaponheta subrinha gostosa quadrinhos pornoque novinha safada contoconto erótico esposa e amiga travesticonto gozei na alianca delaconto erotico dp cornocontos de filha sem calcinhacontos tia peladinhacontos heroticos mi ha esposa e desconhecidocontos eroticos bebada estuprada dopadainaugurando uma novinha contos eroticosconto mulher usa a buceta pra fazer caridadecontos erotico paquerou o marido de minha amigameninas torturadas peladasconto.erotico.tia.sogra.cunhadacontos erotico meu pai mim fez de corno familiar 02cotos.eroticos.de.novias.com.negaoconto erotico puta se apaixonocontos eroticos so de mulatas do rabo quentesensacao de garganta crescendo quando engoleConto erotico minha mae coroa virou a minha cadelinha.comCONTOS DE DEI O MEU CU PRO AMIGO DO MEU MARIDOlatinboys.comeduluinev@yahoo.comminha bucetonae e muito apertadinha contoseroticosme vinguei conto erotico gaysedutoras e marrentas parte 4 contos eroticosSogra quadrinho rabaopraia de nudismo contosgostosas capixabas contos eroticos fotosContos de incestos recentes em 2017.ALEX_pirocudo.spconto erotico de socras bebadaputtinha de aguaboa mtcontos eroticos com tios e sobrinhas safadas e puta