Sogra Gostosa, Genro Feliz

Click to this video!


Casado há mais de 15 anos, nunca tive vontade de transar com outras mulheres, pois entre eu minha esposa dentro de quatro paredes não havia limites em nossa relação, e ela sempre atendeu todas as minhas vontades, porém, devido ela trabalhar em uma empresa multinacional, algumas vezes todos os anos ela precisa viajar para fora do pais, e ficando sozinho em casa, eu procuro sempre conter meu apetite sexual com uma punhetinha. Como parente de minha esposa eu tenho apenas minha sogra, uma mulher viúva e cinquentona, mas apesar da idade ela procura sempre se cuidar, faz academia e é muito vaidosa no salão, tem quadris largos, coxas grosas e seios ainda volumosos. Durante o tempo que ela vive sozinha, teve apenas alguns namorados, mas nada duradouro, apenas momentos. Ela possui um pequeno comercio e às vezes viaja de ônibus para fazer compras em outras cidades. Certo período desse ano, minha esposa precisou viajar para os EUA, e eu estava de férias do trabalho, quando minha sogra me perguntou se eu poderia viajar com ela em meu carro, pois a quantidade de objetos que ela ia comprar era maior que as outras vezes, como prestativo que sempre fui, falei que sim, pois estava de férias mesmo. Saimos para outra cidade na segunda, para aproveitar o comercio aberto, certo que voltaríamos para casa no mesmo dia, mas no meio do caminho meu carro ascendeu no painel a luz do óleo, e pensando que era algo simples não parei e continuei a viagem. Viajamos uns 300 km e chegamos ao local de destino, e enquanto minha sogra foi as compras eu procurei uma oficina local, e foi aí que veio a surpresa, a bomba de óleo do motor estava danificada e teria que trocá-la para poder voltar, e o carro só seria entregue no outro dia. Liguei para minha sogra e contei o problema, disse que iria busca-la de táxi e o jeito era ficarmos em uma pousada naquele dia. Quando ela terminou as compras ligou para mim e fui a seu encontro. Em seguida procuramos uma pousada e o taxista nos deixou num lugar próximo de onde estávamos. Na recepção achamos melhor alugar apenas um quarto, já que seria apenas uma noite para dormir e guardar os vários pacotes, ficamos em um quarto que era pequeno, mas bem aconchegante, e nele não havia box no banheiro e sim uma cortina, quase transparente. Minha sogra sempre foi bem humorada e disse que quando fossemos tomar banho, era só colocar a toalha sobre a cortina, estava resolvido. Eu fui o primeiro a ir para o chuveiro, e sai em pouco tempo, estava todo sem jeito pela situação. Em seguida, ela entrou no chuveiro e começou a tirar a roupa, e fiquei surpreso pois ela não colocou a toalha impedindo a visão. Naquele momento, vendo aquele mulherão tomando banho toda nua, apenas sexo era meu pensamento, e minha etiqueta de genro bonzinho saiu da mente, eu estava muito concentrado naquela loba toda nua, e meu cacete começou a pulsar de tanto tesão, deitei na cama e coloquei um lençol por cima de meu pau para disfarçar, mas era difícil conter. Ela saiu toda cheirosa e molhadinha enrolada naquela toalha, e naquele momento não pensando no resultado das consequências de meu ato, me levantei e me aproximei dela, ela como sempre brincalhona, perguntou o que eu tinha, então tirei o lençol da frente, e ela ficou pasma, sem fala, quando viu como estava meu cacete, e eu disse: olha o que você acabou de fazer comigo, sua gostosa, ela disse que aquilo não era certo, e eu falei que ninguém saberia, ficaria apenas entre nós dois, eu lhe disse que estava morrendo de tesão por ela com aquele cheiro, então cheguei mais perto dela e fui mais ousado, fui direto em sua boca, dei um beijo gostoso e fui retribuído da mesma forma. Ela se entregou e baixou a toalha, nesse momento tive a certeza que valeu apena minha ousadia. Nos beijamos loucamente, e sem perder tempo a levei para cama, e pedi para ela abrir as pernas, cai de boca naquele bucetão, e ela estava toda molhada e delirava com minha língua entrando e saindo, gozou varias vezes em minha boca, até que pediu para eu me deitar e ficando em cima foi se agachando e recebendo meu cacete até o saco, parecia uma cachorra no cio, rebolava bastante e foi grande a quantidade de esperma que jorou dentro do seu útero, nos levantamos e fomos os dois tomar banho. No chuveiro a sacanagem não parou, ela se virou e ficou me provocando com sua enorme bunda, eu alisava seus mamilos e roçava nela por trás, e lhe implorei para penetrar seu rabinho. Ela disse que nunca tinha dado o cuzinho a ninguém, mas tinha vontade, fomos para uma mesa e ela se escorou e abriu suas pernas, eu me abaixei e comecei a passar minha língua naquele cuzinho carente, em seguida, comecei a empurrar devagar meu pau naquele buraquinho, que já estava bem relaxado e foi recebendo aos poucos minha piroca, ficamos algum tempo naquela posição, ela estava muito excitada e gostando, estava com tanto tesão que, a cada movimento de vai e vem, pedia para eu socar tudo, e como bom genro eu a obedecia, até que novamente ejaculei bem no fundo daquele cuzinho quentinho. Voltamos para o banho, e como bons amantes passamos bastante tempo debaixo do chuveiro trocando caricias e nos beijando, até cairmos na cama e dormimos aquela noite bem abraçadinhos. No outro dia acordei com ela apenas de calcinha preparando o café, e novamente fui a seu encontro, massageava seus mamilos e lhe beijava no pescoço, seu perfume me excitava muito, ela se virou e se agachou, caindo de boca em minha vara, que já estava igual a ferro, pedi que ela ficasse de quatro na cama e lambendo feito um cachorro aquela buceta molhada, meti até o talo, comecei um movimento devagar, mas ela rebolava tão gostoso, que acelerei o movimento e falei que iria gozar, e juntos gozamos ao mesmo tempo. E feito o dever da manhã, tomamos um gostoso banho seguido de um maravilhoso café. Entramos na pousada como Sogra e Genro, e saímos amantes de mãos dadas, pegamos o carro e voltamos a nossa cidade. Hoje temos um relacionamento com muito respeito quando minha esposa esta em casa, mas nos dias que ela viaja voltamos a ser amantes apaixonados.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


44787 - Estrada Escura I - Categoria: Interrraciais - Votos: 4
44788 - Estrada Escura II - Categoria: Interrraciais - Votos: 6
45721 - NOITE NO ACAMPAMENTO I - Categoria: Interrraciais - Votos: 7
45722 - NOITE NO ACAMAPAMENTO II - Categoria: Interrraciais - Votos: 6
68626 - Apertada no Busão - Categoria: Fantasias - Votos: 3
68685 - Apertada no Busão II - Categoria: Fantasias - Votos: 3
68710 - Aconteceu em uma rua em Fortaleza - Categoria: Interrraciais - Votos: 1
68874 - Um Lobo Velho e Safafo - Categoria: Interrraciais - Votos: 3
69019 - Chocolate na Boleia do Caminhão - Categoria: Interrraciais - Votos: 3
69247 - Conhecendo a Praia de Nudismo - Categoria: Interrraciais - Votos: 5
69352 - Tarados do Presidío - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
69422 - Culpado foi a cachaça - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
69470 - Sanduiche de Esposa - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 8
69606 - Conseguindo um emprego - Categoria: Interrraciais - Votos: 2
69658 - Gosto da mulher, e também da Sogra - Categoria: Coroas - Votos: 4
69791 - Funcionária Excepcional - Categoria: Interrraciais - Votos: 4
69811 - Uma Loba no Acampamento - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 10
69894 - Começou na Praia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
69897 - Adorei a Berinjela - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
70022 - Albergue para Caminhoneiros - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
70179 - O Colega do Táxi - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
83631 - Nosso amigo cinquentão I - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
83710 - Nosso amigo cinquentão II - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
84020 - Marido à noite, Pedreiro de dia I - Categoria: Fantasias - Votos: 2
84061 - Marido à noite, Pedreiro de dia II - Categoria: Fantasias - Votos: 0
84282 - Marido à Noite, Pedreiro de dia III - Categoria: Fantasias - Votos: 3
101622 - Minha Fantasia com o Sr. Mano - Categoria: Interrraciais - Votos: 0
101630 - Minha Fantasia com o Sr. Mano II - Categoria: Interrraciais - Votos: 3

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico Siberiano

Nome do conto:
Sogra Gostosa, Genro Feliz

Codigo do conto:
69417

Categoria:
Coroas

Data da Publicação:
16/08/2015

Quant.de Votos:
9

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


Conto erotico de bucetinha apertadaxvedeo anal aproveitador e comi cuContos eroticos gay o instrutor da auto escola parte 3gozando na mamae quadrinhogosadas inmensa espixadasquadrimhids porno willag wardgostosa exibicionista em publicomeu sobrinho conto eroticoaconto eroticoporno conto erotico depois de malhar fui fodida na academiahomem mostrando para a filha como fuder uma mulhesona bucetuda conto erotico quentaoperdi as preguinhas do cu quando era pequenaMeu cachoro lebeu a buceta da minha ermaquadrinhospornoirmaosdesenhos pornô incestoconto erotico meu amigo provou pra mim que minha esposa e facinhaconto incesto q boceta boachamei morena que caminhava na praia pra fuder pornocontos eróticos entre tio e sobrinha ainda bebezinha adotivaconto erotico velho de hiluxwww esposa chupando o pou do marido bambando.com.brfomos para a praia eu minha esposa e meu caseiro foi legal eu vi ela cendo incochadaLeila Infiel lésbica sexo com negão encanadorContos eroticos com imagems incesto avô fode netinha menorcontos eroticos objeto no cuhetero moreno contoContos erticos mae e filhas mamando no pauzao de deis negao em uma gang bang numa praia de nudismoconto porno sogroquadrinho erotico dando um trato na vizinhacunhada tava lavando lousa e cunhado começar a alisa ela sozinha em casa e diz o marido sexo realContos eróticos de cornos com dotadosDesabafo de uma mãe contos.eroticosfilhaputacontocontos gays bundinha arrebitadahormonios femininos conto eroticofoto de minha avo gostosa peladaultimos contos sadomazoquistasexi com moleques de Ruaconto eróticocontos eróticos de tia gostosa dormindo de conchinha sobrinhoconto fudendo a enteadinha gordinhaContos eroticos de comi minha vóConto porno putinha do velho desde de novinhaesperei meu colega dornir e mammei seu pintoconto erotico crente bebendo leitecontos eroticos vera meho sou guei e meu pai e meu homencontos eroticos.os velhos meterao gostoso em mimcontos me assustei na praia de nudismocontos eroticos q o marido pegou a esposa fudendo com outro e sentiu foi tesao e participou tbm da festaconto vibradorcontos eróticos- novinhas safadsdois pirocudos espludiram a buceta da novinhavídeo de pornô Carla deitado na cama meu coração no c* delarelato erótico esposa patrao maridodesejossecretoscontos eróticos com fotos de apostaconto erotico meu pradinho e muito picudocontos eróticos maninha viciada no pau grandebaba e negao quadrinhoputinha inplorando po pai fode seu rabinhoConto porno meu marido me apresentou seu amigo do pau grandehentai quadrinho as aventuras de lia 8Relatos de marido corno bebado e esposa puta bunduda dando para outrosconto erotico policialconto de não aguentei a pica grande no meu cu apertadovideo sexo gratis xxx traição incesto janelaDominação Tântrica V – Transcendênciamulher.chorando.com.a.rola.do.negao.enterrada.no.cuconto.heroticohentai o sogro 4em quadradinhomeu tio me comeu contos eroticosengravidando mamae 3comendo a bunda da minha mulherbanda desenha erotica fotosconto com foto bundudaconto namorada e sogras vivem nuasconto erotico gay amigos heteroscontos erotico puta gosta de piça ggconto erotico novinha andando moto coroaminha esposaxvconto erotico um garato espiaoconto erótico novinha fudendo com o delagadoConto piazinho pauzudo insesto