Um macho que vale por todos

Click to this video!


Sou um sujeito que curte uma sacanagem com outro homem, mas nem todas as pessoas sabem disso, pois no meu dia-a-dia procuro ser um sujeito muito discreto, não gosto de me expor, tanto assim jamais tive coragem de chegar junto em conhecidos, como colegas do meu curso de História, que já terminei ou de trabalho, mesmo que em muitos momentos alguns desses homens tenham merecido de mim homenagens em gostosas bronhas, nas quais imaginava ter um contato mais íntimo com esses sujeitos que atiçam a imaginação da gente, contudo de imaginação ninguém vive e admito que de vez em quando cedo ao desejo e vou à luta, buscar concretizar meu prazer na prática,motivo pelo qual vez em quando "caço" homens e admito que procuro sim michês, garotos de programas que possam saciar minha libido.
Dia desses estava na Praça da República, na região central de São Paulo, e meus olhos, minha saliva, meu corpo derreteu-se pela figura de um camarada que nitidamente estava andando por ali, "trabalhando", disponível para uma brincadeira gostosa e mesmo admitindo que tais situações até podem trazer risco, decidi me 'jogar na pista", queria ser fodido, não estava preocupado em pagar por isso, afinal de contas a gente gasta dinheiro com tanta besteira nesta vida, custa de vez em quando empregar para uma "causa" que julgamos "nobre"? Penso que não e com a cara e coragem aproximei-me do macho e que bela espécime de macho: branquinho, cabelos castanhos claros, barba por fazer, jeito de safado e com um senhora mala, visível, palpável sob o calção que ele utilizava, puxei papo e minha intuição não estava errada, ele não estava ali passeando no bosque, estava a trabalho e foi muito fácil tratarmos dos detalhes daquilo que me interessa e mesmo vencendo um pouco a vergonha de entrar com outro homem num motel, quando dei por mim já estava no quarto pronto para viver intensamente o meu prazer.
"Enfim sós"- Brinquei enquanto sentei-me na cama.
O garoto, sendo profissional não era exatamente carinhoso e eu não estava procurando isso, queria mesmo uma boa foda, senti-lo em mim, abocanhar a jeba que fui libertando do calção, da cueca e não me decepcionou, nem no tamanho, nem na grossura, completada por uma cabeça vermelha que toquei com os lábios, sendo reprimido pelo macho mandão que não queria que eu o machucasse e então levei o primeiro tapa na cara, o que adoro, não me contive e fui lambendo tudo, colocando na boca aquela pica até o talo, até tocar minha garganta e o fiz delirar dizer que o negão gostava de chupar uma vara, ele não sabia como adoro mamar uma caceta, mostrei pra ele, lambi muito, até os bagos, que sacos maravilhosos e claro que minha recompensa foi a babinha que o pinto passou a soltar, manjar dos Deuses, para saciar minha sede, para começar a saciar minha fome de homem e não tive escrúpulos em pedir, quando minha boca já estava dormente que queria ser comido, ser fodido pelo macho que não se fez de rogado e comentou que iria arrombar gostoso o meu rabo
"Vai mesmo? Vai fazer gostoso? Vai fazer como faz com as putas que você come?"
"Vou, vou fazer você gemer na vara do loirinho aqui"- Ele falou com aquele seu ar de macho comedor.
Era isso que eu queria, ser usado por um homem viril, gostoso, desconhecido com o qual poderia sonhar que se tratava dos machos da minha convivência e com quem nunca teria um contato tão íntimo e intenso, então para mim ele era naquele momento o Marcílio, o Diego, o Lucas, o Paulo, o Ricardo, o moleque da lotação que eu nem sei o nome, até mesmo o artista, o jogador de futebol, por quem nutro uma tara, por quem meu cu pisca, era todos eles, era quem eu quisesse.
Deixei a tora em ponto de bala, falava sacanagens enquanto ele colocava o preservativo, perguntava se aquela rola já tinha comido muita buceta, porque queria que ele provasse pra mim que era fodedor mesmo como aparentava ser, ele falou que eu ia ver, que eu ia sentir e foi assim com a saliva dele servindo de lubrificante que fiquei de quatro e fui sentindo o cacete invadir-me, e que sensação maravilhosa, mesmo que dolorida, maravilhosa, mas já estava acostumado e ele comentou que em mim já tinha entrado muita pica, mas agora eu ia saber o que era ser fodido por um macho de verdade, ficar dias sem poder sentar direito e eu delirava dizendo pra ele fazer com a "negona" o que quisesse que aproveitasse muito da minha "cuceta" que queria era mais e fechei os olhos enquanto passei a ser gostosamente enrabado, fodido, pelo vai e vem maravilhoso, viril, recebendo as estocadas cada vez mais firmes e profundas e tapas na bunda e sendo xingado, como gosto, toma puta, quer rola, então toma, geme na vara do seu homem, geme.... Que delícia! Que loucura! Eu não era dono de mim, da minha razão, de nada, e para mim aquele momento não terminaria nunca, jamais, porém quando ele liberou seu leitinho quente na camisinha, foi diminuindo o ritmo e comentou que há muito tempo não havia fodido com tanto gosto um cuzinho como tinha fodido o meu. Estávamos suados, exaustos, mas eu ainda não estava realizado plenamente e sugeri que poderia ajuda-lo a limpar a cabeça brilhante da rola, o que fiz com a boca, minha especialidade, enquanto batia mais uma e mais uma vez podia ter o contato com a pica dos machos da minha vida, que por um questão de conveniência social jamais seriam meus.
Quando me saciei saquei da carteira com gosto o valor que havíamos combinado e se tive algum sentimento de culpa, o prazer sentido compensou.



Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario coroaaventura

coroaaventura Comentou em 24/03/2016

Muito gostoso. Está na hora de escrever mais, homem!

foto perfil usuario engmen

engmen Comentou em 25/02/2016

Realista narração excitante, ótima!

foto perfil usuario linito

linito Comentou em 19/06/2015

delicia de conto! eu sou que nem vc; e macho mandao e viril que xinga e da tapa na cara dagente que eu gosto. sou portugues vivo em lisboa e desse jeito aqui tem e negro africano que eu to viciado meu corpo fica todo marcado por alguns dias meu cu ate da pena; mas logo logo ta pedindo mais; aqui pros negro nois tem que pagar mais; mas eu so pago pra macho negro; porra de negro melhor coisa.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


66669 - O cinema - Categoria: Gays - Votos: 6
79477 - Confissão - Categoria: Gays - Votos: 6
80693 - Marcação homem a homem - Categoria: Gays - Votos: 10

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico titusandronicus76

Nome do conto:
Um macho que vale por todos

Codigo do conto:
66619

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
18/06/2015

Quant.de Votos:
7

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


cache:96w4Biafn4wJ:mozto.ru/fogoma pornô em quadrinhos perdendo a virgindade na senzalagay querendo.rola em teresinacontos de fodas com pai e mãe e filhos travestiscomeu a prima no mato porn mozcontos veridico marido quis ver sua esposa com outro mega pauzudao dotado e conseguiudando o cu pro vô contoscontos eroticos barbeiro raspando a nuca de uma mulherporno zoofilia enchendo um copo com porra de cavaloeu e minha sobrinha conto eroticosexso de subrinha e avô gostisa quadrinho erodcoscontos eroticos enquanto eu dormiapornô grátis só contos eróticos sogra cozinhavídeo erótico com açougueiro bombadogay+sentando+na+rola+grossacontos de prima safadinhamamãe me transformou em mulherzinha contohentai lucia e arthur quadrinho completoporno cadrinho estrupodoméstica vendi meu cu virgem para meu patrao contos eroticosCHUPADO NA FESTA DA PRINCESA FROZEM CONTO EROTICOfoto porno minama BUETA 2017meus.dois subrinhos fuderam minha esposa na minha frente conto eoticoconto bebado virei veadowww/boceta da minha sobrinha gisele de 35 anos.comContos de incestos de mães gordinhas com seus fiho fotos delas peladasFui traido por um negao relatoscontossexo em cuadrinho comi.minha filhaContos erodico de mães e país com filhos transandofilho maecanto eroticoRaspei minha buceta na presença de meu sobrinho contos femininoconto erótico sozinha com papaios pedrero me comeu e minha amiga contoconto erotico na ruaconto erotico Edilenemae safadona empina o rsbo po filholesbica chupado a vagina da ermazinha video dowlond mobilecontos eroticos esse coroa me deixa taradcontos herotico namoradacontosdesexocornolactation porn comicsmecânico se esfregando em gayHENTAI DE UMA MÃE QUE FOI NO SUPERMERCADO E QUANDO VOLTO VIU O SEU FILHO PELADO E TRNSOU COM ELEquadrinhos eróticos3D madrinha casadagritei na pica grande do meu capataz. conto eróticoFui comida no óbito pelo meu primo porno contocontos comi a mulher do meu enteado novinhacontos eróticos de mulheres de Alenquervídeo pornô de cachorrocontos eróticomães filhas e vizinhatia da minha namorada contos eróticosذات الرداء الأحمر سكسcontos eroticos com mendigos dotadosvejo porno e transando dentro do banheirocontos sou putinha do cunhadoContos erotico com as subrinhas na pisinascontos d tia emrrada por sobrinhoconto menage com minha namoradacontos eroticos feminino ajudei o porteiro negro a fuder eu e minha irma juntocasado sendo penetrado no seu cuzinho pelo amigo,devagar e suave.contos eroticos ja fiquei com o boy da bff gayContos eróticos chwpa bocetaconto erótico peguei minha tia se masturbando com a calcinha de ladoComtos erotico casada e putacontos erotico prima beataconto erotico novinha nao guenta surubaContofamiliapornoConto Incesto Meu IrmaoContos com casadas em surubas com marido e dotados que colocam sem cuspecontos er feriado dormiucontos veridico esposa fode pagando uma divida do marido com o homem bem dotado