Enchi o tanque e a buceta

Click to this video!


Abasteço meu carro sempre no mesmo posto. E da última vez que enchi o tanque de gasolina,  enchi minha xoxota gulosa de porra.

Há mais ou menos três meses o mesmo frentista passou a me atender, sempre muito educado e solicito. Não devia ter mais de vinte anos, carinha de bebê. Novinhos não me atraem, mas o dia em que fiquei ao lado dele enquanto abastecia e senti aquele cheiro de macho, fiquei tarada. Era início de noite, fim do expediente dele,  estava suado, cabelos molhados e aquele cheiro que melou minha buceta e arrepiou meus biquinhos.Fiquei então reparando cada pedacinho do putinho. O rosto, a barba por fazer, a boca. O macacão largo escondia o corpo, mas dava pra ver um pequeno volume da pica. E as mãos. ..como aquela mão segurava firme a bomba. E foi sobre isso que puxei assunto,  falando bem melosa e roçando meus peitos no braço dele de vez em quando:

- Suas mãos são grandes,  né? Segura a bomba com habilidade...- 

(sorriso) É,  já peguei o jeito...

- Essas mãos devem ser muito habilidosas pra outras coisas também. Acertei?

- Outras coisas?

Ele ainda não tinha percebido minha vontade de ter aquele caralho na minha boca e na minha xoxota. Encostei os peitos no braço dele e disse :

- Sua namorada deve gostar muito delas.

- Gostava mais antes de engravidar.

Finalmente ele entendeu o que eu estava querendo. Terminou de abastecer mas continuou na mesma posição. Olhou pros meus peitos, pra minha boca e continuou:

- Ela tá grávida e tamo morando junto. Agora anda irritada e quase nem namoramos. Tô meio na seca. (Risos)

- Ahh, que desperdício! - encostando mais, sussurrei. -  Já eu...tô toda molhada.  Seu cheiro tá me deixando com a xereca meladinha.

Olhei deliberadamente pro pau dele. O volume no macacão aumentou consideravelmente. Sorri mordendo os lábios e me afastei.

- Você  pode lavar o vidro pra mim? 

Ele ainda ficou um tempo olhando pra mim, me olhou da cabeça ao pés, sorriu e foi pegar o balde.Encostei o carro esperando ele voltar .Minha buceta piscava. Eu estava doida pra esfregar o nariz na pica do frentista e mamar aquela rola suada. Queria aquelas mãos me apertando toda e aquele suor no meu corpo.

Quando ele começou a limpar o para-brisa, sem parar de me olhar,  tirei o sutiã por baixo  da blusa,  que era totalmente transparente. Fiquei alisando meus peitos e apertando os bicos por cima da blusa. Ele veio até minha porta:

- Vagabunda...tá me deixando maluco!  Meu pau tá explodindo aqui!

- Vai lá terminar de limpar meu vidro que quero que você veja outra coisa.

Neste momento um colega veio falar qualquer coisa com ele. Jogou mais água no vidro e disse algo pro outro que olhou pra mim. Este era um coroa, bem acabadinho,  com cara de tarado. Olhou meus peitos e sorriu um sorriso sem dentes. Deu uma cotovelada no novinho e os dois ficaram olhando pra mim. Eu estava louca demais de tesão pra ir embora só por causa do velho. Continuei minha sedução com o putinho, agora com o banguela assistindo sem parar de sorrir.Levantei a saia e mostrei a calcinha branca. Pra disfarçar,  o frentista continuava a limpar o vidro,  agora mais lentamente e olhando minha calcinha. Comecei a tirar devagar. Então,  afastei um pouco as pernas e com os dedos arreganhei só um pouquinho a racha,  mostrando meu grelinho. Pensei que o velho fosse gozar ali mesmo. Ficava apertando o pau, olhando pros lados e de volta pra minha xoxota. O novinho veio novamente à minha porta:

- Tô quase gozando,  cadela. Quero foder essa buceta gostosa, não tô aguentando.

Passou o braço por dentro da janela e massageou meu grelo. Escorregou o dedo pra dentro da minha xana. Gemi e rebolei olhando pro velho que babava. Virando pro meu fodedor, implorei pela piroca dele:

- Me dá sua pica,  dá?  Quero sentir o cheiro dela...hummm...tá tão gostoso...aiii...vou gozar no seu dedo...

E gozei. Ele continuou a siririca mais um pouco:

- Ainda quer minha pica?

- Muito...quero mamar e meter aí,  onde tá seu dedinho.

- E meu amigo ali?

- Ele pode olhar você foder minha xota.

Tirou o dedo,  chupou e me chamou:

- Vem, safada,  vou te dar o que quer.

Ajeitei a saia,  tranquei o carro e acompanhei o puto. O velho veio atrás de mim. Algum homens olhavam minha blusa transparente. Só aumentou meu tesão. Fomos pro escritório. O velho trancou a porta e eu já estava ajoelhada apertando a piroca do frentista enquanto ele abria o macacão. Puxei e segurei o caralho, que era bem grande,  com as duas mãos, esfreguei  e bati na minha cara com ele. Lambi todinho,  sentindo o cheiro de macho, sentindo o gosto do meladinho da cabeça. O pau estava muito, muito duro. O velho tirou minha blusa, dizendo que queria ver mais meus peitos. Deu aquele sorriso desdentado, apertou um bico e sentou no sofá se punhetando. Enquanto eu mamava a piroca deliciosa, o putinho roçava os dedos nos meus bicos. Mandou o coroa levantar minha saia e passar a mão na minha xoxota pra ver se estava molhada. Sem parar a punheta, subiu minha saia com uma mão, se inclinou com a rola na minha cara e meteu um dedo na minha buceta. Deu um gemido, dizendo que eu era uma putinha e que ele queria enfiar o caralho na minha bucetinha meladinha. Apertou a cabeça da piroca e, cheirando e chupando o dedo,  voltou pro sofá. O frentista me levantou pelos cabelos,  passou a mão na minha racha e sentou ao lado do velho. "Toma, engole meu caralho com essa bucetona gulosa." Segurou a pica e montei,  deslizando pra dentro da minha xoxota melada. Cavalguei ouvindo o velho dizer coisas como: "Puta gostosa, dá a buceta pra mim." "Monta, vagabunda,  goza no caralho." "Olha aqui meu pau, quer foder essa xereca também." "Vou gozar com seus gemidinhos,  piranha."Quando eu disse que estava quase gozando,  o vadio me tirou de cima dele, me sentou no sofá e ficou atrás, segurando minhas pernas dobradas e bem afastadas. O velho ficou olhando minha buceta arreganhada apertando a cabeça da pica.

- Você vai gozar na boca banguela, vagabunda. Essa bucetona tá querendo gozar, meu amigo. Olha como tá melada e inchadinha.

Mal o putinho terminou de falar, o velho se abaixou na minha frente, deu uns tapinhas na minha xota e começou a chupar e a lamber. Lambia minha racha toda, enfiava a língua lá dentro e dava uns chupões deliciosos no grelo. O frentista mamava meus peitos sem soltar minhas pernas.  Aquela boca sem dentes chupava deliciosamente minha buceta. Uma das melhores chupadas que recebi. O velho gozou, eu logo depois, e quando ele percebeu que eu estava gozando,  chupou mais ainda.  Agarrei os cabelos do cachorro que mamava meus biquinhos e pedi porra na buceta. Me ajoelhei no sofá, apoiando os braços no encosto e empinando a bunda. Ele meteu o caralhão todo de uma vez. Fodeu com força minha xana e encheu ela de porra rapidinho. Continuei na mesma posição e o banguela veio lamber a porra que lambuzava minha xoxota. Fiquei gemendo baixinho e rebolando na cara dele, sentindo aquela língua lambendo minha racha todinha.

Paguei pelos serviços e fui embora. Não voltei mais naquele posto...

...Mas peguei o contato do banguela.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario juicyp

juicyp Comentou em 08/06/2015

rsrs conto delicia não tem como não rir com um finalzinho destes. babei nele

foto perfil usuario roberto rossi

roberto rossi Comentou em 22/04/2015

Deliciosamente louca. Ri muito com o final. Beijos

foto perfil usuario skarlate

skarlate Comentou em 25/03/2015

meu caralhão ta latejando pela sua racha, a cabeça ta inchada e as veias grossas que você tanto adora estão explodindo... você tem o talento e o dom de fazer meu leite jorrar grosso, minha potranca suja!!!

foto perfil usuario grego970

grego970 Comentou em 24/03/2015

Que deliciosa esta sua xana hein...fiquei com tesão nela também!

foto perfil usuario goncalencesex

goncalencesex Comentou em 23/03/2015

Loucura loucura. Que safada. rsrs Você deve ser uma delicia mesmo.

foto perfil usuario giuser

giuser Comentou em 23/03/2015

É disso que eu gosto de ima vagabunda no CIO. Votado.

foto perfil usuario jubas1531

jubas1531 Comentou em 22/03/2015

Delicia de conto... Porra

foto perfil usuario

Comentou em 22/03/2015

Como sempre muito excitante, mais não me contou a história toda não é safada, vou cobrar e já sabe como vai pagar do jeito que você mais gosta, com o corpo ! kkkkkk Beijos,




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


58779 - Meladinhas no funk - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 29
58837 - Meladinhas no funk - Final - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 28
58909 - No exame das mamas dei minha bucetona - Categoria: Fetiches - Votos: 31
58957 - A pica quente do meu sogro - Categoria: Heterosexual - Votos: 36
59002 - A vara do padre me salvou - Categoria: Fetiches - Votos: 28
59052 - puta toda a vida - Categoria: Masturbação - Votos: 11
59105 - Puta toda a vida 2 - Categoria: Heterosexual - Votos: 14
59175 - Titio me deu de mamar - Categoria: Incesto - Votos: 24
59227 - Dois cabaços e uma pica - Categoria: Incesto - Votos: 23
59539 - Mela que eu gosto - Categoria: Heterosexual - Votos: 10
59848 - Chupa que é de uva...hummm - Categoria: Heterosexual - Votos: 21
61236 - Quero dedinho na racha e piroca na boquinha - Categoria: Masturbação - Votos: 12
61381 - Tenho fogo na xoxota - Categoria: Incesto - Votos: 33
61690 - Quando fico louca pra foder... - Categoria: Heterosexual - Votos: 10
62065 - Depois que enrabei meu amigo gay - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 25
63897 - Porra me deixa louca de tesão - Categoria: Masturbação - Votos: 23
65278 - Padrasto caralhudo arregaçou minha buceta - Categoria: Incesto - Votos: 40
106150 - Primeiro o cabaço, depois a virgindade - Categoria: Masturbação - Votos: 9
106248 - Caçadora virou caça - a linguada mais gostosa que minha buceta já ganhou - Categoria: Heterosexual - Votos: 14
106349 - Vem com a pica quente que a buceta tá fervendo - Categoria: Heterosexual - Votos: 7
106602 - Delícia de foda com o anão - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 10

Ficha do conto

Foto Perfil profana
profana

Nome do conto:
Enchi o tanque e a buceta

Codigo do conto:
62421

Categoria:
Grupal e Orgias

Data da Publicação:
22/03/2015

Quant.de Votos:
27

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos eroticos estupro padrasto ahhhhconto erotico comendo o cu de minha irma casadameu cu ficou muito largo contosconto erotico sem andarhentai jefe e familia e quadrinholanbendo buceta porno doidomuito inchada e molhada de gosocomo meu tio me viciou na rola dele gayconto erotico estrupada pelo vocomi meu sogro e minha sograconto com filho na praiaconto erótico forçada despedida de solteirairmao.coloca a irma de juelho para foder a sua buceta virge e ela chora e grita de doradora ser enrabada quadrinhoultimos conto sadominha esposa soninha e o velho roludo contos eroticosContos eroticos virei puta do meu sogrocontos eroticos com videos. deichei meu marido fuder a minha amiganotei que na hora que falei maridinho ficou de pau durocontos erótico acabei indo pela primeira vez num sítio de naturistaconto erotico de exibicionismo na praiagenroscontoeroticocontos eroticos professora casadanegras lisas eroticaconto erotico virei uma linda mulhercontos gay calcinha prima inversaoBondunda da mozincesto a vingança da irmã filme pornôConto erotico de virgementiadacontoeroticoconto gay pai e filhoconto erotico punhetado por caridadehq de sexo gayconto erotico coroas de cornos bucedas capeludasdei minha bunda para meu irmão gozarconto erotico o dono da puta do padaatro vende bucetatravetio velho e minha esposa cavalona e timida contos eroticoscontos titia do cuzinho gostosorego conto heterosimpsons pornôs conto erotico consolover contos perdendo cabaco com cunhadomeu policial chupou meus seios e buceta na marra e eu gosteiporno quadrinhoscontos erotico casada com entregadorFui comida no óbito pelo meu primo porno contocontos eróticos variados1contra 5 contos eroticoscontos eróticos papai meu amorlesbicas da bucetas grandes esfregando a buceta uma na outrafotos recentes de sobrinho beliscando buceta da tia bebadaBucetao da gostosas amadora de shortinhoMeu filho.e as calcinhas contocontoeroticodfgrandma getting fuck by teenage boysconto erotico num conseguiQuando meu cu piscou dei logo contosfilha bunduda nao agguenta ve o cacete do paicontos/de dp com esposa e dois negoes e o corno vendocomi minha mãe e a engravideiContos erotico flagranteconto erótico de prestador de serviço e meu marido viuempregaada gostosababa e negao quadrinhocontoeroticoputaconto garotinha metendoconto de como come meu maridocontos de cdzinhas na fazendacariocapassivo@hotmail.comContoeroticoo Estuprada pelo papai e vovoconto erotico meu marido trouse os amigos pra casa