Experimentando o que desejou

Click to this video!


Num belo sábado de sol e depois de uma semana de muito trabalho, resolvemos eu e a minha namorada de irmos para uma praia, no litoral norte, aqui na Bahia. Gosto das praias de lá pois lá as praias são mais desertas e peço pra minha namorada colocar um bikine bem pequeno. Fomos para Praia do Forte e ao chegar lá, apesar do dia ensolarado, a praia estava bastante vazia. Quando ela estava deitada de bruço, tomando sol eu fiquei sentado na cadeira de óculos escuros e observando a praia e as poucas pessoas que ali passavam. Até que teve um momento que um homem grisalho, provavelmente uns 45 anos, mas com um porte físico que não aparentava tal idade, passou e encarou a bunda da minha namorada e entrou numa pousada que tinha o fundo para a praia. No momento eu o encarei, mas aquilo me excitou bastante. A partir deste momento, fiquei pensando como eu poderia armar uma situação para ver até onde meu desejo e a excitação iam, mas já sabia que se eu confessasse a situação pra ela, ela prontamente não toparia pois já me disse que não gosta de homens velhos. Vale ressaltar que essas fantasias sempre permeiam nossas fodas, me fazendo gozar bastante e ela também. Sendo assim, quando ela perguntou que horas iríamos embora, falei que aquele dia íamos dormir lá, para termos um dia diferente. Apesar de retrucar, ela topou. Ao anoitecer, pegamos uma diária na mesma pousada que vi o homem entrando e tomamos um banho e descemos para um barzinho dentro da própria pousada, à beira da piscina. Começamos a tomar umas cervejas, mas já sabendo que o ponto fraco dela é vodka comecei a pedir algumas doses e ao longo da noite ela começou a ficar mais altinha e solta. Comentei no ouvido dela que durante o dia quando estava tomando sol com o bikine todo enfiado, um homem passou e a encarou e que ele estava hospedado naquele mesmo hotel e pedi pra ela virar discretamente e olhá-lo, o mesmo estava de bermuda e camisa sem manga, aparentava ser turista. Ela gargalhou e disse que ele era muito velho, que ele não daria um caldo com ela. Rimos juntos e continuamos no barzinho, até que o homem veio e se aproximou de nós e começou a puxar papo. Porém eu não sabia como dar a entender que poderíamos começar a algo, foi então que ele elogiou minha namorada e disse que ela era uma mulher muito bonita e que eu era um homem de sorte. Percebi que este era o momento de tentar algo e eu pedi licença e chamei minha namorada para dançar, e falei no ouvido dela que eu queria que ela provocasse o coroa, mesmo sabendo que ela não toparia transar com ele e para a minha surpresa, ela disse que somente provocar ela toparia, porque queria me ver doidinho de tesão. Ao voltarmos para a mesa, ela já foi perguntando mais sobre a vida dele e querendo saber se o mesmo era casado e o que fazia da vida. Teve um momento que ele me pediu permissão de dançar com ela, pois estava tocando uma música mais lenta e eu prontamente concordei, apesar de estar muito inseguro mas também muito excitado com toda situação. Eles foram dançar, e eu fiquei sentado na mesa observando que eles dançavam, e ele começou a encoxar minha namorada, falava coisas no seu ouvido e a mesma só fazia dar risada, a esta altura ela estava bem alta. Quando voltaram para a mesa, ele pediu licença para ir ao banheiro e a minha namorada falou no meu ouvido que ficou impressionada quando ele roçou nela, e sentiu que ele tinha um caralhão entre as pernas. Ela sabia que eu sempre fantasiei ela transando com um homem com a pica maior do que a minha, mas ela me disse que ficou muito curiosa e queria ver a pica dele, perguntou se eu gostaria que isso acontecesse e eu disse que sim mas que eu gostaria de participar, mas ela disse que não aconteceria nada que ela ia pedir somente para ver. Foi então que quando o coroa voltou a nossa mesa, eu pedi para subirmos ao nosso quarto para termos mais privacidade ele, é claro concordou. Ao subirmos, percebi que ele apertou a bunda da minha namorada 2 vezes. Ao entrarmos no quarto, eu tomei a iniciativa de falar que a minha namorada ficou com uma curiosidade mas que ali quem mandava era eu e que eles só iam fazer o que eu quisesse e falei que ela tinha ficado com curiosidade de ver o pau dele. Ele sorriu, mas retrucou que se ela quisesse fazer algo mais com ele, se eu ia deixar. Meu coração já estava bastante acelerado, mas eu concordei e disse que o que ela desejasse, ela ia fazer naquela noite. Foi quando ele começou a abaixar a bermuda, e saltou da cueca um caralho bem grosso e maior do que o meu. Os olhos dela brilharam e ela como uma boa puta me perguntou se poderia tocar naquela pica, e eu já sabendo aonde iria terminar, permite e deixei ela pegar. Quando pegou, começou a apertar de leve, passando o dedo na cabeça e sem perceber ficando com a boca aberta de vontade de fazer mais coisas. Ao me olhar, pediu permissão para chupar aquele cacete e eu a dei e já foi também tirando a minha roupa dizendo que também ia participar daquela putaria. Ela começou a chupar rápido aquela pica, e a deixava toda molhada e eu cheguei perto dela e botei meu pau pra ela punhetar. Depois eu mandei ele ir chupar a buceta dela enquanto ela chupava meu pau que estava bem duro e com muito tesão. Ela não guentou muito e logo gozou. Quando ela foi pedir pra ele comer, eu mandei ela calar a boca porque quem mandava ali era eu. Mandei ele botar a camisinha, que quase na dava no pau dele, e falei pra ele comer a bucetinha dela enquanto ela me chupava. Quando ele começou a dar as estocadas ela mal conseguia chupar o meu pau porque gritava e gemia bem alto de muito tesão. Depois de uns cinco minutos, falei para trocarmos e ela ia chupar o pau dele e eu meter na buceta, quando meu pau entrou ele já entrou sambando porque a buceta dela estava toda arrombada. Eu metia com muita força e sem pena, chamando ela de puta, vagabunda e cachorra que é assim que ela gosta de ser chamada na cama. Até que um momento ela começou a susurrar dizendo que queria duas e que queria duas. Nas nossas fodas ela sempre disse que queria experimentar uma DP e que devia ser muito boa a sensação. Foi ai que eu falei pro cara vir para fazermos uma DP com ela, mas quando eu ia mudar de posição, ele tentou botar no cuzinho dela que na mesma hora falou que o cuzinho dela só quem comia era eu. Fiquei surpreso na hora, pois queria ver a reação dela e me levantei, ele deitou pra ela sentar com a buceta e fui colocando bem devagar no cuzinho da minha puta. Ela não sabia se gemia, gritava ou chorava, mas acabou não aguentando muito tempo e em uns 3 minutos pediu para pararmos. Ela me disse que não guentava mais receber pica e que queria parar, mas nós estávamos com a pica bem dura ainda. Foi então que tive a ideia de mandar ela nos chupar e que íamos gozar na boca dela, que eu sempre fantasiei com isso. Depois de uns 10 minutos ela chupando e se mostrando bastante cansada, gozamos praticamente juntos na boca da minha putinha. Ela não engole porra e deixou tudo escorrer pelo corpo dela. Depois disso ele pediu para tomar um banho e logo em seguida saiu do nosso quarto. Não tivemos forças para ir tomar banho e dormimos ali mesmo com cheiro de sexo no ar e ela cheia de porra pelo corpo.
One Responde to “Experimentando o que nunca desejou”


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


40611 - Quando descobri, já era tarde - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
43035 - Corno safado doidinho para ver a esposa fudendo. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
55912 - MINHA ESPOSA DANDO PARA O PORTEIRO ! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
56058 - Minha esposa, e o SR Geraldo ! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 18
56114 - Dei minha mulher pro marido da minha prima comer - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
56250 - Surpresa em casa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 29
56516 - Zelador Gostoso - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
56517 - Flagrei e Filmei minha namorada dando - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
56840 - FUI CORNO NA FESTA NO SÍTIO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
56843 - Fui Corneado pela Amante - Categoria: Traição/Corno - Votos: 0
56847 - Fui Corneado pela Amante (Continuação) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 1
57102 - MINHA ESPOSA DE FÉRIAS NA PRAIA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4

Ficha do conto

Foto Perfil petroleiro
querovcgata

Nome do conto:
Experimentando o que desejou

Codigo do conto:
60351

Categoria:
Fantasias

Data da Publicação:
08/02/2015

Quant.de Votos:
1

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


Sexo com Beto Papakuconto erótico cafuçu gayUltimos contos de coroameu marido e minha amiga contos eróticosporno diarista abuzou contosflavia mostra calsinha coladacontos eroticos camioneiro dando carona pro gordinhodoce nanda contos eroticoshq forumdesexo.grateshq porno negrosputaria cachoro safado nao respeito a novinha bêbada e fez anal com elacontovporno com fotos reletos de chifresconto erotico minha filha pequenacontos traicao sogroeu amo meu filho incesto sexo contoscontos eroticos meu corno trabalhandomenina. motara.abucetanifeta virgem faz sexo na obra netsiririca ba amigas contoconto erotico esposa fiel no onibusno meio da minha bundinha contos eróticosconto erotico filha deixa mae com tesaorevista private relatosdesafio ousado queca desafiadaconto quero outro engravidando minha esposacontos eroticos desde pequena gosto de grupal agora casadamacho peludo dotado fode bixsContos erotico mim fantaziei de cachora para meu filhocontos corno travestiultimos contos sadocontos eroticos comi a menininha do meu prediotio tarado aromba a xoxota da sobria de dez anos com forsocontos eróticos casais iniciantes em dogging pela primeira vezCavalguei no pau da Samantha travesti e gostei contoscontos eroticos meus amigos me comeram no acampamentos gayscomendo minha avo quadrrinhocontos eroticos meninas jogando volei nuascontos de corno esposa gravidaconto tio come a buceta da moça quando ele leva ela pra faculdadefiquei sozinha na casa do titio e provoquei ele sem calcinha pornowww.sogro pauzodo comendo cu da noraconto erotico gay no ginasiohistória em quadrinhos porno com padresContos erotico abuzei das filhas do meu amigocontos eroticos minha primeira inversaobuceta inchada e ardida macho deixou para o cornoindefeso e fragil conto erótico gaycontoeroticonotrabalhocontos garotas no haras vendo cavalo foderemcontos FuiComidaPeloMeu pastorFOTOS CANTOS DE SEXO DE ENCANADOR PIROCUDO COM MADAMEScontos esfolando mamaequadrinho erotico cercaniascontos eroticos gay garoto odeio odeio odeio amar vocêcontos conquistei papai pauzudocontos erótico Julianaconto erotico gay meu favelado cap1contos sexuais esposa na farracontos de sexo forçado com velhos taradosConto erótico tampavacontos que beijo gregoincesto seiren hqContos eroticos de mamae e filhas gulosas mamando nos pauzao grandao grossao dos cinco filhos numa suruba em casacontos eroticos de zoofilia duas lesbicas e um cavaloenchi a bucetinha da minha cadela de porra/contoscomfotoscontos eróticos viadinho dando para o sindicocontos mamei o novinhoofereci carona pro hetero contoscontos eroticos novinho sendo enrabado a força pela primeira vezcontos eroticos minha filha rabuda e o namorado delacontos encesto minha mae dopada meu pai rosando no meu cuConto erotico de viuva evangelica.Festas menage aclimação swing sexofudendo um cuzinho gostoso brasilconto erotico menina