Não resisti ao ver minha netinha pelada.

Click to this video!


Vou utilizar o nome de Bernardo pra escrever este conto. Depois de ter criado um filho e uma filha (a Júlia); os dois já casados, eu com meus 60 anos (bem conservado), aposentado e sossegado e sem muita coisa pra me preocupar a não ser ir jogar dominó na praça com meus companheiros da velha guarda ou ficar até de madrugada navegando na internet pra ver, ler e curtir um monte de sacanagem pra lembrar dos meus bons tempos na juventude; eis que vem algo pra fazer minha vida virar do avesso. Mariana (fictício), minha netinha que estava com 18 anos, filha de Júlia, veio pra ficar morando na minha casa pra fazer a faculdade de odontologia que ficava a poucas quadras de onde morávamos. Minha velha, sempre acordava muito cedo pra deixar o café pronto (agora pra mim e pra Mariana) e ir pro asilo dos velhos onde ela era voluntária ajudando a dar banho e trocar as roupas de cama dos internos. Mariana era uma menina belíssima e tinha um corpinho tipo violão... Não conseguia deixar de pensar besteira quando a via trajando shortinhos curtíssimos mostrando até a poupa da sua bundinha. Um dia, após minha velha sair de casa, fui até o quarto de Mariana pra chamá-la pra tomar o café que ainda estava quente. Como a porta estava semiaberta, empurrei-a mais um pouco pra ter uma visão espetacular da minha netinha que num impulso acabei chegando mais perto. Mariana parecia ainda estar dormindo, mas tinha o lençol lá nos seus pés deixando à mostra sua linda e maravilhosa bundinha (sem calcinha) que estava toda de fora, virada pro lado onde eu estava. Ia me afastar quando ela espreguiçou e virando pro lado onde eu estava esfregando os olhos.
- É você vô?
Confesso que fiquei super nervoso e sem saber o que fazer.
- Sim Mari; vim saber se você não vai pra faculdade?
Respirei até aliviado quando a vi virando seu corpo me deixando até ver os pentelhos da sua bucetinha antes de puxar o lençol e se cobrir.
- Vou sim vô; só que hoje não vou ter as primeiras aulas.
- Então levanta pra tomar o café; que ainda está quente.
- A vó já saiu né?
- Já sim!...
Ela apontando pra uma cadeira que ficava do outro lado da cama.
- Pega aquela calcinha pra mim?
Dei a volta e pequei a calcinha que mais parecia ser de uma boneca de tão minúscula e passei pra sua mão. Ia novamente sair do quarto pra ela se vestir, mas, Mari rapidamente tirou o lençol de sobre seu corpo e ali mesmo nas minhas vistas; mesmo deitada, vestiu a calcinha e levantou pra ir até o armário e pegar um short e também vestir. Ela sempre sorrindo me deu um beijo no rosto dizendo que primeiro ia passar no banheiro pra fazer xixi antes de tomar o café... Me vi com o pau duríssimo, de um jeito que fazia tempo que ele não ficava. No dia seguinte fui novamente chamá-la pra tomar o café assim que minha mulher saiu de casa e me deparei com ela acordada e toda coberta.
- Pode entrar vô... Já vou me levantar.
Entrei, e sem muita cerimônia sentei na cama ao seu lado.
- Hoje você não está atrasada; eu que quis vir te acordar.
Ela sorriu.
- A vó já foi né?
- Já!...
Fiquei até abobalhado quando ela tirou o lençol de sobre seu corpo (novamente nuazinha da cintura pra baixo) e espreguiçando.
- Tô tão cansadinha vô; se pudesse, não ia nem na aula hoje.
Mari parecia não ter um pingo de vergonha em ficar daquele jeito perto de mim... Arrisquei colocando minha mão na sua perna bem abaixo do seu joelho e fazendo um leve carinho.
- Nada disso mocinha... Vai tomar seu banho que a preguiça logo passa.
Ela ficou de joelhos ao meu lado pra me dar um abraço e um beijo.
- Sabe que eu te amo muito vô?
Passei meu braço em torno do seu corpo, justamente abraçando-a pela bunda... Como ela permitiu, levei a mão em uma das suas nádegas sem apertá-la. Marina deu uma risadinha.
- Tá vendo onde você está com a mão, vô?
- Perdão... Foi sem querer!
Ela aumentou a risada.
- Tá tudo bem vô... Sendo você eu não ligo não!...
Ela mesma pegou minha mão e a colocou de volta na sua bundinha. Aproveitei pra fazer um pouco de carinho sentindo a maciez daquela pele aveludada... Meu pau estava duríssimo e fazia um volume enorme na minha calça que era um pouco larga. Mari desceu da cama e ficou andando pelo quarto pegando uma coisa aqui e outra ali antes de ir pro seu banho... Fiquei fascinado pela bundinha perfeita da minha netinha que pegando uma toalha.
- Posso ir desse jeito pro banheiro?
- Claro, já que estamos só nós em casa.
No dia seguinte fizemos tudo do mesmo jeito, até Mari ficar de pé sobre a cama com sua bucetinha bem perto que dava pra ver até seus lábios vaginais.
- Meu corpo é bonito vô?
- Maravilhoso... Parece até uma princesa!
Ela virando de costas pra mim.
- E minha bunda vô; é bonita?
- Belíssima!...
Mari deu um passo pra trás.
- Pode passar a mão vô; eu gosto!...
Puta que pariu, aquilo parecia quase impossível de acontecer com um velho como eu... Passei a mão e ainda puxei-a um pouco pra dar alguns beijinhos nos dois lados daquela bundinha espetacular.
- Hihihihihihihihi... Nossa vô; assim não vou querer sair de casa!
Me dei conta que começava a passar dos limites... Dei-lhe alguns tapinhas de leve na bunda.
- Vamos logo pro banho, vamos! Nada de chegar atrasada na faculdade.
Mari ainda tomava seu café quando fui pro banheiro e me masturbei imaginando comendo aquela bucetinha.
Passei a ir praticamente todos os dias no quarto de Mari e vê-la pelada (sempre da cintura pra baixo) e até fazer-lhe algum carinho nas suas coxas ou na sua bundinha... Mas eu mesmo me recusava ir além disso. Tinha dois dias da semana que minha mulher ficava no asilo até um pouco mais tarde pra ajudar também na cozinha... Eu tinha até o direito de ir almoçar junto com os internos. Foi num desses dias, que entrei no quarto de Mari e ela falou que só tinha que chegar na faculdade as 10 horas. Eu mesmo tirei o lençol de sobre seu corpo e fazendo carinho nas suas coxas resolvi passar a mão na sua bucetinha.
- Tem namorado Mari?
- Não vô; estou sem namorado!
Fiz uma pergunta já sabendo da resposta, mas achando que ela não ia me falar.
- Você é virgem?
- Não!...
- Faz tempo?
- Uns seis meses!...
Perguntei por perguntar.
- Foi com algum namoradinho?
- Não!... É! É!... Mais ou menos vô!
- Como assim?
Parecia até que eu era um padre e Mari resolveu fazer sua confissão me contando até com certo prazer de alguns detalhes. Mari tinha se apaixonado por um professor de +- 50 anos, e ele sabendo a levou para um sítio e tirou sua virgindade até com certa violência.
- O pior vô, é que mesmo não esperando aquilo, gostei de ser possuída daquele jeito por aquele homem.
- E ele?
- Depois de transar mais duas vezes comigo, disse que era pra eu me afastar dele antes que alguém descobrisse... E ainda me ameaçou pra eu não contar pra ninguém.
- E você nunca o procurou novamente?
- Nunca mais quis vô. Mas também até hoje não consegui namorar nenhum rapaz.
- Ué... Por quê?
- Não sei vô, só sei que não sinto vontade de ficar de beijinhos e nem de transar com nenhum desses garotos que pedem pra namorar comigo.
Sabendo que realmente ela não era mais virgem, enfiei meu dedo na sua buceta (bem apertada) e fiquei mexendo lá dentro... Mari até dobrou os joelhos e abriu as pernas sorrindo.
- Então, não transou com mais ninguém?
Mari começava a se contorcer na cama indicando que ia ter um orgasmo com meu dedo na sua bucetinha.
- Oooooh vô! Hummmmm! Não vô... Até tentei namorar outro homem casado, mas não deu certo.
Comecei a perceber que minha netinha, talvez por causa daquele professor, passou a ter alguma tara por homens mais velhos e casados... E com certeza era por isso que ela se expunha daquela maneira na minha frente. Fui pro tudo ou nada... Antes que ela gozasse, tirei meu dedo e fazendo-a ficar sentada na cama bastou tirar sua camiseta pra deixá-la peladinha.
- Fica aqui de joelhos pro vovô, fica!
Ela obedecendo e chegando com o bumbum pro lado de fora da cama onde eu estava de pé tirando minha pica de dentro das calças.
- Assim vô?
Ao ver minha netinha naquela posição já fui pedindo perdão pelo pecado que eu ia cometer. Sem ela ver minha pica, coloquei-a na pequena portinha da sua buceta e dei uma socadinha.
- Aaaaaiiiiii vô! Hummmmmmm!!!!!
- Calma! Calma que o vovô vai enfiar mais um pouquinho!
Meu pau entrava tão apertado que parecia que ela ainda era virgem... Mari continuou gemendo alto.
- Aaaaiiii! Aaaiiii! Nooooossa; parece que é muito grande vô!...
Dei umas dez socadas e Mari começou a gritar que estava gozando... Me controlei o máximo pra esperá-la parar de gemer pra tirar e ter uma ejaculação impressionante (estava muito tempo sem gozar) depositando todo meu esperma sobre sua bundinha. Mari foi pro banheiro e eu fui pra cozinha arrumar a mesa do café. Mari chegou toda sorridente me abraçando e me dando um beijo sem comentar nada sobre o ocorrido. Logo no dia seguinte, entrei no quarto de Mari e ela toda sorridente tirou o lençol mostrando que estava peladinha... Mamei um pouco nos seus peitinhos e Mari levando a mão na minha calça segurando minha pica que começava a ficar dura.
- Deixa eu ver ele direito, vô?
Fiquei de pé ao lado da cama abrindo as calças e tirando minha pica (18 x 6 cm de diâmetro) pra fora. Mari ficou de joelhos e sem cerimônia segurou e passou a examinar mexendo com ele de um lado pro outro.
- Nossa vô; por isso que eu adorei ontem; ele é maravilhoso!...
- Vai querer dar pro vovô de novo?
- É lógico... Acho que estou apaixonada pelo seu pinto; kakakakaka!!
Mari parecia que já tinha comigo uma intimidade sexual muito grande. Beijou, passou a língua várias vezes na cabeça do meu pau e ainda deu alguma mamadas antes de tornar a ficar de quatro e esperar eu meter tudo na sua bucetinha.
- Isso vô; fode sua netinha, fode!!!... Aaaahhhh! Aaaaaaahhhhhh!!!!
Em cinco minutos socando forte na minha netinha, ela teve dois orgasmos antes de tirar e novamente dar uma gozada esporrando sobre suas nádegas. Fiquei muito eufórico, quando sabíamos que íamos ter toda manhã pra ficarmos sozinhos e Mari me pediu pra ficar pelado e deitar com ela na cama. Meu Deus; minha netinha era o próprio vulcão em pessoa... Ela me fez definitivamente seu amante me beijando na boca e mamando na minha pica com uma vontade incrível, e ainda, subindo e sentando fazendo sua bucetinha engolir os 18 cm e cavalgando numa velocidade impressionante até deitar com seus peitinhos sobre meus peitos e procurar minha boca pra beijar enquanto gozava. Vendo que minha netinha era puro fogo, dias depois, peguei-a de quatro, e após dar umas bombadas na sua bucetinha tirei e soquei no seu cuzinho fazendo a danadinha gritar de prazer. Passei a me sentir muitos anos mais novo ao ter aquele cuzinho e aquela bucetinha pra comer quase todos os dias.
Foto 1 do Conto erotico: Não resisti ao ver minha netinha pelada.

Foto 2 do Conto erotico: Não resisti ao ver minha netinha pelada.

Foto 3 do Conto erotico: Não resisti ao ver minha netinha pelada.

Foto 4 do Conto erotico: Não resisti ao ver minha netinha pelada.

Foto 5 do Conto erotico: Não resisti ao ver minha netinha pelada.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario zeze

zeze Comentou em 12/07/2016

Que delicia de conto, maravilhosas votos, essas jovens meninas, tem o dom de nos fazer sentirmos mais novos, é tudo de bom, adorei.

foto perfil usuario jhtg

jhtg Comentou em 06/06/2016

muito bom, só tesão;;;;............votado

foto perfil usuario neygostosa

neygostosa Comentou em 10/08/2014

Sortuda essa netinha...oh vo gotozzzooo..votado com prazer..

foto perfil usuario juli costa

juli costa Comentou em 18/05/2014

Delicia, puta q pariu... Queria ter um vovo assim, sou de Santos,

foto perfil usuario dinha4.7

dinha4.7 Comentou em 30/01/2014

que delicia de conto, parabens pelas fotos que pau delicioso e que bucetinha tbm gostosa

foto perfil usuario comedor.1

comedor.1 Comentou em 20/10/2013

Belo conto muto safada vc e essa meinina gostosa emm

foto perfil usuario venus2013

venus2013 Comentou em 20/10/2013

Que vovô gostoso. votado e adorei as fotos

foto perfil usuario brito08

brito08 Comentou em 25/09/2013

maravilhoso teu conto e belas fotos votado sim

foto perfil usuario

Comentou em 20/08/2013

mas eu votei porque vc escreve muito bem como ja disse em algum conto seu.... vou ler todos de incesto

foto perfil usuario

Comentou em 20/08/2013

muito bom, excitante pena que não é verdade

foto perfil usuario notório

notório Comentou em 08/07/2013

Parabéns !!! Eis ai um conto super excitante e gostoso de ler !!! Votei !!!!!

foto perfil usuario gatomg

gatomg Comentou em 08/07/2013

Muito bom, gostei.

foto perfil usuario

Comentou em 08/07/2013

Quanto mais novinha, mais safadinha. Belo conto

foto perfil usuario linsar

linsar Comentou em 07/07/2013

Parabéns muito gostoso de ler adorei tem meu voto.

foto perfil usuario delicia19

delicia19 Comentou em 07/07/2013

Nossa que Delicia de conto!Votado




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


14516 - Comendo a nora safadinha. - Categoria: Incesto - Votos: 61
15148 - Cunhada amante... - Categoria: Incesto - Votos: 26
15811 - Mulheres, filha e biquinis... Muita tentação. - Categoria: Incesto - Votos: 61
16630 - Eu e meu primo dando pro tio Borges. - Categoria: Incesto - Votos: 29
16762 - Travesti, sou feliz graças ao meu pai. - Categoria: Travesti - Votos: 35
17009 - Uma filha bastante liberal. - Categoria: Incesto - Votos: 49
17110 - MINHA MULHER TREPA E DEPOIS ME CONTA. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 26
17236 - Sou pai solteiro. - Categoria: Incesto - Votos: 34
17371 - Minha filha é igual a mãe...Também gosta de mulher - Categoria: Incesto - Votos: 31
17610 - Com meu professor, e depois com meu motorista, - Categoria: Gays - Votos: 18
17909 - Ninguem desconfia que dou a bunda. - Categoria: Gays - Votos: 20
17999 - Minha sobrinha é um furacão. - Categoria: Incesto - Votos: 19
18372 - Dando casa, comida e cama pra minha sobrinha. - Categoria: Incesto - Votos: 26
18590 - Milena... Minhas filha gordinha e gostosa. - Categoria: Incesto - Votos: 42
19568 - Amizade com o coroa vizinho. - Categoria: Gays - Votos: 21
19856 - Minha filha mais nova. - Categoria: Incesto - Votos: 36
20124 - Cunhadinha - A Bela Adormecida. - Categoria: Incesto - Votos: 22
20681 - Virei corno e viado no hotel fazenda. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 45
21434 - Dei até banho na minha mãe. - Categoria: Incesto - Votos: 60
22084 - Emprestando até a mulher pro patrão. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 52
23359 - Três homens e um destino - O início. - Categoria: Gays - Votos: 20
25816 - Cuidando da irmã. - Categoria: Incesto - Votos: 68
25865 - Minha filha também sentia tesão por mim. - Categoria: Incesto - Votos: 27
27039 - Minha vida secreta. - Categoria: Gays - Votos: 14
29406 - A FILHINHA DO PAPAI. - Categoria: Incesto - Votos: 68
31069 - Descobrindo a irmãzinha safada. - Categoria: Incesto - Votos: 36
33646 - Fui a mulherzinha do meu irmão. - Categoria: Gays - Votos: 48
33860 - Síndrome do "sono profundo". - Categoria: Incesto - Votos: 43
36135 - Duas xoxotinhas caseiras. - Categoria: Incesto - Votos: 21
36679 - Um amigo, um vizinho e um padre. - Categoria: Gays - Votos: 14
37075 - Depois de aposentado, peguei minha sobrinha. - Categoria: Incesto - Votos: 24
39726 - A melhor amante... Minha própria filha. - Categoria: Incesto - Votos: 39
40252 - Comendo a cunhadinha e também sendo corno? - Categoria: Incesto - Votos: 17
41866 - Minha família é do caralho... - Categoria: Incesto - Votos: 45
44187 - Minha mãe é uma deliciosa putinha. - Categoria: Incesto - Votos: 35
46486 - Iniciado pelo professor. - Categoria: Gays - Votos: 13
47050 - Filha casada precisando de um macho. - Categoria: Incesto - Votos: 65
47720 - Sou meio viado só pro meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 54
49856 - Meu padrasto me comeu gostoso. - Categoria: Gays - Votos: 32
51591 - Ganhei o cabacinho da minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 64
52248 - Comenda a tia Julia. - Categoria: Incesto - Votos: 20
57274 - Dei pro tio João. - Categoria: Gays - Votos: 19
58242 - Tudo muito rápido... Meu padrasto me fodeu. - Categoria: Incesto - Votos: 11
58782 - A prostituta do filho. - Categoria: Incesto - Votos: 37
62276 - Engravidando a própria filha. - Categoria: Incesto - Votos: 24
63422 - Os três amigos. - Categoria: Gays - Votos: 23
65714 - Sou casado, viado e corno. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 44
70597 - O delegado e suas duas filhas. - Categoria: Incesto - Votos: 25
71600 - Filha fogosa. - Categoria: Incesto - Votos: 49
72755 - APRENDI SER CORNO. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 34
74553 - Na sauna com papai. - Categoria: Incesto - Votos: 35
75127 - Minha vida de universitário. - Categoria: Gays - Votos: 9
75343 - Irmã de bunda gostosa. - Categoria: Incesto - Votos: 56
75802 - Carnaval com minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 53
77035 - Ganhei uma nova família. - Categoria: Incesto - Votos: 40
82468 - Substituindo o consolo de borracha da filha. - Categoria: Incesto - Votos: 42
84159 - Mesmo sendo casado, ainda gosto de uma pica dura. - Categoria: Gays - Votos: 14
84588 - Minha filha, minha paixão. - Categoria: Incesto - Votos: 30
86699 - Minha filha: casada e carente. - Categoria: Incesto - Votos: 24
88391 - Chamais imaginei transar com a minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 27
88445 - Minha mãe é muito gostoza. - Categoria: Incesto - Votos: 40
88488 - Além de ser corno, também gosto de dar... - Categoria: Traição/Corno - Votos: 34
88699 - INCESTO GOSTOSO, COM MEU PAI E MINHA IRMÃ. - Categoria: Incesto - Votos: 16
90332 - Minha filha e sua amiga. - Categoria: Incesto - Votos: 32
91248 - Minha filha é muito putinha. - Categoria: Incesto - Votos: 33
92048 - Meu pai descobriu que eu dava a bunda. - Categoria: Gays - Votos: 38
92293 - Eu e meu amigo Cristiano. - Categoria: Gays - Votos: 24
93154 - Voltando aos velhos tempos. - Categoria: Gays - Votos: 8
93521 - Minha primeira boceta foi a da minha mãe. - Categoria: Incesto - Votos: 33
95122 - MInha filha, minha mulher... - Categoria: Incesto - Votos: 23
97972 - Tentei evitar, mas acabei comendo minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 23
98776 - Não resisti minha irmã boazuda. - Categoria: Incesto - Votos: 29
98977 - Engravidei tia Dalva. - Categoria: Incesto - Votos: 22
100001 - Eu e minha sogra... Minha esposa não pode nem desconfiar. - Categoria: Incesto - Votos: 35
102107 - Trepo com minha filha e também com minha ex-esposa. - Categoria: Incesto - Votos: 33
102365 - FIQUEI LOUCO PELA BUNDINHA GRANDE DA MINHA FILHA. - Categoria: Incesto - Votos: 34
102888 - Eu e minha mãe... Acabou acontecendo. - Categoria: Incesto - Votos: 31
103717 - Minha filha provocou, até acontecer... - Categoria: Incesto - Votos: 27
104125 - Minha filha Rosa veio morar comigo. - Categoria: Incesto - Votos: 29
105245 - NORA BONITINHA E ORDINÁRIA... - Categoria: Incesto - Votos: 31
105519 - Corneando meu filho, com minha nora árabe... - Categoria: Traição/Corno - Votos: 27
105577 - Descobri que minha filha é sapatão... - Categoria: Incesto - Votos: 38
105871 - MEU TIO JORGE. - Categoria: Travesti - Votos: 23
106902 - Minha filha fazendo cursinho pré-vestibular. - Categoria: Incesto - Votos: 24
108753 - Espiando minha filha tomando banho peladinha. - Categoria: Incesto - Votos: 34
109836 - DIVIDINDO A NAMORADA COM O AMIGO. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 30

Ficha do conto

Foto Perfil andre.lino
andrelino

Nome do conto:
Não resisti ao ver minha netinha pelada.

Codigo do conto:
31729

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
05/07/2013

Quant.de Votos:
41

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


سکسی سکس کارتونیcontos eroticos de madura desvirginando novinhomeu padrasto me flagrouxvideopirocudos na punhetacontos aparescendo os seios de minha namoradaminhamulhenuaconto meu filho me brechavaSercarlos01contos eroticos gays bombeiro sarado hetero me fudeu sem doduas gostosa comendo na cozinha heitacontos casada e a vizinha dando e tomando porracontos eroticos gay eu fui iniciado pequeno novinho muito muito novinhoConto herotico sequestrado e trasformado em travesti a forçaconto erótico sogrocontoeroticocaseirocontos excitantes puberdadeContos pornos em quadrinhos interracialcontos eroticos meu irmao tirou minha virgindade na marracontos eroticos dei o meu cu pro pedreiro amigo do meu paiMeu funcionario da minha empresa ele era gay eu levei ele pro motel conto eroticocontos eroticos dei pra dois caras no cinema e depois um travesticonto vi minha filha metendocom e genroporno beti toparoacontos eróticos em quadrinhos de mãe tomando leite condensado na xoxota da filha contos eroticos lesbicas incesto primeira experienciacontos sexo inversaocontos dona rose xvideos eu dei pro cara sem ve o tamanho do pau dele quando eu vi me asusteiconto sexo caminhoneiroerguas com gozocontos eroticos ja fiquei com o boy da bff gaycontos eróticos sendo encoxadacontos erotico-você gozando no meu cuzinhoconto erotico minha namorada dançando forro com meu tiocontos eroticos de imcesto mae e filho 12Contod eroticoshistorinha em quadrinho pornocontos gay nóiaconto erotico com irmaoirmã deixar seu irmão goza vendo seu chotinho imagenrs+atrevidas++srxo+petsonasComi um cu novinha contoAuuu zoofiliaPorno pokemon femea versiondei na favela contos eroticosConto meti meu pau de.28cm. No cu da maninhacontos eroticos crentinhas virgemmeu vô tava bebado mais chupou minha bucetacontos erótico comendo a japonecinha de onze anosconto gay tirei cabaçocontos eróticos nao aguentei o tamanho do dote do travesticontos eroticos conversa minha esposa putaConto meti meu pau de.28cm. No cu da maninhatio e sobrinha porno quadrinhoContos eroticos avo e netacontos eroticos climax daputinhaconto incesto nao mestruavaminha mulher choro muito na primeira dupra penetracao com dois amigos roludos contosJairo nego Magrinho tesão e dotadoesposas casadas se depilar contos eroticosVidioporno professora de quadrinhoContos e fotes negros caralhos gigantesxxx gay. pai e filhocontos eróticos emprestando a esposacontos enrabada na oficinaconto de comedorcontos comi minha tia com 25 cmConto erotico de bucetinha apertadacontoeroticodfcontos eroticos de esposa iniciando o marido como putinhasexoconto insesto rolana bucetainaugurando a ninfeta contos droticoscache:LylcghEHlBUJ:mozto.ru/allessy69 contos.gozei como louca na pica do meu filhocontos eroticos da noiva e seu padrinhonegras dargostozoquadrinhoseroticosreal