Dona Dalva e seu filho Igor.

Click to this video!


Dona Dalva com seus 40 anos e com um filho de 19, andava subindo pelas paredes devido a falta de sexo desde quando seu marido a largou pra ir viver com sua secretária de 20, a quase um ano. Seu marido Jorge, que era muito safado, sempre a obrigou fazer muito mais do que uma esposa normal, e ela foi se acostumando e até gostando de fazer sexo anal e sexo oral. Mulher caseira e só tendo conhecido sexualmente um homem, mesmo sentindo vontade ela não tinha coragem nem de olhar pra outro com segundas intenções. Seu filho Igor era um bom filho: estudioso e muito carinho com ela... Mas desde o afastamento do pai andava um pouco revoltado. A vizinha do lado, ao encontrar com Dalva, fez-lhe uma reclamação de que Igor vivia pelado dentro do seu quarto e com a janela aberta. Primeiro Dalva com muito jeitinho e com um pouco de vergonha, teve que falar e pedir pro filho ao ficar sem roupa no quarto, procurar fechar a janela. Igor sem um pingo de vergonha contou pra Dalva que a vizinha usava até um binóculo pra ficar olhando pra dentro do seu quarto, e por isso é que ele resolveu não se importar de ficar nu achando que ela estava gostando do que andava vendo. Dias depois, novamente a vizinha veio falar com Dalva quando ela ia ao supermercado, que Igor passou a ficar balançando o pinto pra direção da sua casa. Dalva achou que tinha que tomar uma atitude mais drástica, e voltando do supermercado foi direto pro quarto do Igor metendo a mão na maçaneta e entrando. Dalva levou um susto ao ver o filho pelado da cintura pra baixo justamente na frente da janela se exibindo.
- Iiiiiiigor???????
Igor calmamente foi até a cama pegando a cueca pra vestir, e sorrindo pra mãe.
- Chega com cuidado mãe, e olha pra você ver que a dona Fátima está até com um binóculo; não sei por que ela anda reclamando com você.
Dalva parecia estar pregada ao chão pensando se realmente ela tinha visto direito. Desde pequeno Igor já demonstrava com o tamanho do seu pintinho, que tinha puxado pelo pai que era bem dotado... Mas o que parecia ela ter visto, era algo muito maior pra um rapaz de apenas 19 anos. Ela vendo naquele momento o volume formado na cueca que parecia confirmar suas suspeitas.
- Mostra ele direito pra sua mãe, mostra?
- Pra você mãe; pra quê?
- Só quero entender porque a Fátima reclamou, mais continua te olhando pela janela.
A própria Dalva caminhou até a janela fechando e voltando pro filho que continuava de pé somente de cueca.
- Vai filho; mostra pra mim!...
Igor devia ter puxado também a safadeza do pai. Sorrindo e abaixando a cueca fazendo seu pinto ainda meio duro pular no vazio.
- Ué... Se você quer ver, então olha!
Dalva sentiu todo seu corpo comichando, principalmente sua buceta que passou a também a latejar estranhamente.
- Nooooossa filho... Deixa a mamãe colocar a mão nele?
- Você mãe?...
- Sim filho; é só a gente não comentar com ninguém depois.
- Ué... Então tá!
Dalva tremendo da cabeça aos pés segurou a enorme piroca do filho que voltou a ficar bastante dura. Dalva também analisou as atitudes da vizinha Fátima de reclamar, mais continuar olhando seu filho pelado: A velha devia passar dos 60 anos e devia se sentir muito frustrada de ver e não poder transar com seu filho Igor.
- Não fica mais se mostrando pra Dona Fátima não filho!
- Mas ela gosta mãe!
- Ué; mas eu também estou gostando de te ver pelado!
- É mãe?
Dalva alisando com carinho o cacetão do filho, mas com medo de se expor muito largou e antes de sair do quarto.
- Perto da sua mãe, você pode ficar pelado sempre que quiser.
E Igor não deixou por menos.
- E você é muito melhor do que a Dona Fátima; não tem nem comparação.
Dalva foi pro seu quarto, e trancando a porta ficou nua sobre a cama passando seus dedos na sua buceta que estava a ponto de explodir de tanta excitação... Dalva gostou de ter um repentino orgasmo. Era Dalva ir até o quarto do filho e o encontrar quase sempre pelado e em poucos segundos ver seu pinto crescer e ficar duro... Dalva achava fascinante, mas procurava fingir que estava tudo normal e procurando ficar o máximo possível perto do filho. Igor também estava cada vez mais gostando de se mostrar pra sua mãe... Até que ele um dia deitado nu, quando Dalva entrou pra guardar algumas roupas.
- Senta um pouco aqui mãe!...
Dalva gostou do convite e sentando vendo que já tinha ficado bastante duro.
- O que foi filho?
- Põe a mão nele igual aquele dia?
Dalva rapidamente colocou e acariciando.
- Só carinho eu posso fazer, mas não esqueça que sou sua mãe!...
- Eu sei, mas é que é tão gostoso quando você segura ele.
- Você gosta é?
- É muito bom mãe!
Dalva sentindo sua buceta molhando a calcinha achou que tinha que parar com aquilo e largou a pica do filho que logo reclamou.
- Só mais um pouquinho mãe!
- Não posso filho; isso está errado!...
- Mas mãe, eu juro que ninguém nunca vai ficar sabendo!...
Dalva estava quase explodindo de tanta excitação, e no desespero de tanto tempo sem transar, acabou resolvendo que tinha que aproveitar aquela oportunidade. Pegou uma camisa do filho que estava sobre a cama e foi colocando sobre o rosto dele, cobrindo-lhe os olhos.
- Você promete que não vai olhar o que sua mãe vai fazer?
- Prometo mãe!
Dalva rapidamente tirou sua calcinha, e levantando o vestido subiu sobre a cama e segurando a pica do filho foi chegando sua buceta até tê-la encostada. Igor sentindo algo envolvendo seu pinto e não querendo acreditar que sua mãe faria o que ele achava que ela estava fazendo.
- Deixa olhar mãe!
- Oooooh! Não filho não... Se você olhar, eu vou ter que parar!...
Igor sentindo nitidamente a buceta da sua mãe subindo e descendo no seu pau, só colocou suas mãos sobre as coxas grossas da mãe e ficou alisando-as e deixando que ela cavalgasse... Igor sentia que ia gozar, mas foi sua mãe que gemendo muito iniciou seu orgasmo.
- Uuuuhhhhhmmmm! Uuuuhhhmmmm! Como isso é gostoso filho! Aaaah! Aaaah!...
Igor pela primeira vez gozava dentro de uma buceta ao mesmo tempo que sua mãe também gozava... Dalva saindo de cima do filho.
- Não olha ainda filho!...
Passou a mão na calcinha e saiu rapidamente do quarto. Dalva se trancou no próprio quarto e se jogando sobre a cama ficou pensando na insensatez que tinha cometido, ao mesmo tempo de como tinha sido maravilhoso sentir o enorme pinto do filho dentro dela. Quando ela resolveu sair do quarto (meia hora depois), resolveu também que não ia mais ficar se sentindo culpada só porque tinha transado com o próprio filho. Ela vendo que Igor tomava banho com a porta aberta, entrou querendo deixar tudo esclarecido.
- Você sabe o que sua mãe fez?
- Sei sim mãe!...
- Gostou?
- Muito... Só que eu queria ter olhado!
- Olhar o que?
- Ué mãe, queria ver como é sua buceta!
Dalva rindo e vendo que Igor começava a ficar excitado novamente.
- Noooossa, como você é sem vergonha!
Igor saindo do Box e pegando a toalha pra se enxugar na frente da sua mãe.
- Deixa eu ver você pelada mãe?
Dalva sentando sobre a tampa do vaso e de olho da pica do filho.
- Vou pensar nisso filho; mas chega aqui mais perto pra mamãe dar uns beijinhos nele!
Igor chegou e Dalva pegando no cacetão do filho descaradamente passou a língua na ponta algumas vezes pra em seguida abrir a boca e colocar quase a metade dentro, chegando até sua garganta.
- Puta que pariu mãe... Você vai chupar é?
Dalva não perdeu tempo e começou a mamar como uma vaca querendo sugar leite de uma teta. Pra ela, muito mais gostoso do que quando tinha que chupar o do seu marido... Veio o primeiro jato, o segundo, o terceiro e ela continuou sugando e engolindo cada gota de porra do filho. Depois de ter feito tamanha safadeza com o próprio filho, Dalva sorrindo disse que mais tarde ia deixá-lo vê-la tomando banho. Igor ficou tão ansioso que de meia em meia hora perguntava a mãe se ela ia tomar seu banho. Dalva vendo a aflição do filho e ela mesma sentindo uma vontade enorme de poder ainda mostrar seu corpo que estava muito melhor de que de muitas garotas novinhas: seios médios e ainda bastante firmes, bumbum cheinho e durinho acima de um par de coxas grossas e roliças. Ela dizendo ao filho que o chamaria assim que estivesse pronta, ela foi pro banheiro e rapidamente começou a podar com uma tesourinha seus pentelhos loiros que estavam um pouco grandes, deixando-os bem ralinhos... Deu também uma passada com um barbeador de lâminas pra deixar o contorno da sua buceta bem lisinho. Dalva parecia uma adolescente quando da porta gritou pro filho que ele já podia entrar. Igor que só tinha visto partes do corpo da sua namoradinha: peitinhos, bucetinha e a bundinha que era só o que ela deixava ele comer, estava diante pela primeira vez de uma mulher totalmente pelada. Igor se aproximou do Box e fascinado e sem medo de ser rejeitado foi passando as mãos pelo corpo da mãe.
- Puta merda mãe... Você é muito bonita!
Dalva pegando a mão do filho e fazendo-o passar entre suas pernas.
- Você não disse que queria ver como era a minha buceta?
Igor foi ficando de joelhos e Dalva levantando um pouco uma das pernas deixando que ele olhasse e até abrisse seus lábios vaginais com os dedos.
- Passa sua língua aí filho, passa?
Igor entendendo o que sua mãe pedia, passou a língua fazendo-a uivar como uma loba no cio.
- Oooooooh que gostoso filho... Lambe mais a buceta da mamãe, que depois eu deixo você enfiar seu pinto todinho nela.
Lamb... Lamb... slap... slap... Igor estava gostando do sabor do liquido vaginal que escorria em abundância pra dentro da sua boca. Dalva que nunca tinha sentido tamanho tesão na sua vida, puxou seu filho pro quarto e abrindo as pernas fez ele voltar a lamber sua buceta até ter um violento orgasmo.
- Agora vem filho, deita em cima da mamãe!
Igor igual a um cachorro tarado e doido trepou sobre sua mãe enfiando sua pica até o talo, e urrando começou a meter desesperado fazendo Dalva a ter outro maravilhoso orgasmo antes do filho encher sua buceta de porra. Três dias depois, Dalva já estava na cozinha somente com um vestido largo; sem calcinha, por estar com sua buceta até esfolada de tanto trepar com seu filho, quando ele chegou da rua abraçando-a e falando no seu ouvido.
- Vamos pra cama mãe!
Dalva que também não se cansava de trepar com Igor, resolveu que tinha que ser ali mesmo na cozinha pra fazer o que ela pretendia. Pediu o filho pra ficar pelado da cintura pra baixo e sentar em uma das cadeiras. Primeiro Dalva deu uma boa mamada antes de pegar o vidro de azeite e untar todo aquele cacete que como sempre estava duro igual a um ferro. Dalva sem nenhum pudor, levantou o vestido e de costas pro Igor foi descendo seu bundão.
- Hoje eu quero na bundinha filho!
Igor que de bundinha entendia muito, segurou sua mãe pelas ancas e foi direcionando-a pra que ela chegasse com o cuzinho no seu pau.
- Isso mãe, agora desce... Desce!
- Aaaaah! Aaaaah! Aaaaaaiiiii! Aaaaaaiiiii!...
Novamente Dalva sentiu muito mais prazer em dar o cu pro filho do que quando dava pro seu marido. E ela, com seus pés firmes no chão, ficou subindo e descendo seu cu naquela enorme vara dura.
- Para mãe, para que eu vou gozar!
Dalva sentou de vez o cu no pau do filho que ficou todo enterrado, sentindo os jatos de porra sendo despejados dentro das suas entranhas. São dois anos que eles começaram com o incesto, e Igor nem pensa em namorar e nem Dona Dalva a arrumar outro homem.
Foto 1 do Conto erotico: Dona Dalva e seu filho Igor.

Foto 2 do Conto erotico: Dona Dalva e seu filho Igor.

Foto 3 do Conto erotico: Dona Dalva e seu filho Igor.

Foto 4 do Conto erotico: Dona Dalva e seu filho Igor.

Foto 5 do Conto erotico: Dona Dalva e seu filho Igor.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario kzdopass48es

kzdopass48es Comentou em 03/11/2016

Olha que coisa! Quero a Dona Dalva e quero MAMAR na PICA do filho dela! Betto

foto perfil usuario anya

anya Comentou em 15/08/2015

Nossa que estoria deliciosa, fiquei completamente molhadinha, parabens pelo conto meu lindinho

foto perfil usuario felix sax

felix sax Comentou em 05/06/2014

QUERO CHUPAR A BUCETA DESSA LOIRA DA FOTO.

foto perfil usuario ricko

ricko Comentou em 03/07/2013

Parabéns!! Merece o meu voto!!!

foto perfil usuario henriqueadvsp

henriqueadvsp Comentou em 24/06/2013

que delícia essa loira do foto

foto perfil usuario bianor

bianor Comentou em 24/06/2013

vc esta de parabéns por ter publicado este conto comento tua mãe bjus na piriquitá dela

foto perfil usuario novinhoesafado

novinhoesafado Comentou em 23/06/2013

UAL! Adorei seu conto, patabéns!!

foto perfil usuario apeduardo

apeduardo Comentou em 23/06/2013

delicia de conto, valeu demais. parabéns. votado

foto perfil usuario linsar

linsar Comentou em 22/06/2013

Muito bom seu conto tem meu voto e Parabéns

foto perfil usuario salinas-vamp

salinas-vamp Comentou em 22/06/2013

Texto e fotos muito bem eleborados. Vou procurar ler outros contos do autor.

foto perfil usuario angelrj6

angelrj6 Comentou em 22/06/2013

Adorei este conto. Nota 10 e estou dando meu voto.

foto perfil usuario andre.lino

andre.lino Comentou em 22/06/2013

excelente conto... Muito bem detalhado... Parabéns e tem meu voto.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


14584 - Virei o viadinho do meu tio. - Categoria: Gays - Votos: 15
14685 - Pai probre e tio rico... Descobrindo um segredo. - Categoria: Incesto - Votos: 31
15190 - Papai... Meu melhor amigo. - Categoria: Incesto - Votos: 19
15434 - Fiel ao primo e ao amigo. - Categoria: Gays - Votos: 10
15632 - Tia popuzuda. - Categoria: Incesto - Votos: 14
16115 - Meu pai foi meu primeiro macho. - Categoria: Incesto - Votos: 18
16606 - Minha filha Zara. - Categoria: Incesto - Votos: 22
16641 - Minha esposa virou atriz pornô. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 15
17136 - Sobrinha gostosa e safadinha. - Categoria: Incesto - Votos: 16
17287 - Minha filha peladinha na webcam. - Categoria: Incesto - Votos: 38
17532 - Minha filha de criação. - Categoria: Incesto - Votos: 20
17635 - Ganhei outra amante... Minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 26
17915 - A melhor sogra do mundo. - Categoria: Incesto - Votos: 18
17994 - Depois dos 45, voltei a dar a bunda. - Categoria: Gays - Votos: 16
18080 - Se minha filha gosta, não vejo problema... - Categoria: Incesto - Votos: 23
18422 - Meu padrasto me iniciou. - Categoria: Gays - Votos: 13
18823 - NASCI HOMEM E CRESCI MULHER. - Categoria: Travesti - Votos: 40
19674 - Meu bebezão. - Categoria: Incesto - Votos: 17
19756 - Eu mesmo me enrabei na primeira vez. - Categoria: Gays - Votos: 18
20087 - Amigos da onça. - Categoria: Gays - Votos: 8
21192 - Minha doce irmãzinha. - Categoria: Incesto - Votos: 26
21533 - Meu irmão me fez gostar de um pau bem grande. - Categoria: Gays - Votos: 22
22093 - Tem muito macho que gosta de bundinha masculina. - Categoria: Gays - Votos: 24
24067 - Final de ano na cama com minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 43
25826 - Amigos pra sempre. - Categoria: Gays - Votos: 16
26167 - Corno - primeira vez foi em família. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 33
28462 - A FAMÍLIA MARRETA... - Categoria: Incesto - Votos: 17
32750 - Minha filha Mariana. - Categoria: Incesto - Votos: 40
34452 - Filha e esposas puta. - Categoria: Incesto - Votos: 47
35961 - FILHÃO DO PAPAI... - Categoria: Incesto - Votos: 37
36643 - Meu irmão sabe que eu como sua mulher. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 34
40065 - Troca de chifres. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 21
41385 - Não resisti minha filha fogosa. - Categoria: Incesto - Votos: 39
42069 - Transformando o filho em amante. - Categoria: Incesto - Votos: 29
43310 - Pai careta & filha maluquinha. - Categoria: Incesto - Votos: 27
45352 - Filha ninfomaníaca. - Categoria: Incesto - Votos: 36
69357 - Virando a putinha do filho. - Categoria: Incesto - Votos: 47
87275 - Um pai bastante safado... - Categoria: Incesto - Votos: 22
89091 - Meu filho é uma boneca linda. - Categoria: Incesto - Votos: 26
89356 - Minha filha me provocou... - Categoria: Incesto - Votos: 26
89748 - Indo morar com meu tio Júlio. - Categoria: Incesto - Votos: 18
91359 - Eu, tia Dalva e tio Paulo. - Categoria: Incesto - Votos: 31
91437 - Meu pai imaginava me comendo, transando com mamãe. - Categoria: Incesto - Votos: 24
91670 - Incesto japonês. - Categoria: Incesto - Votos: 26
92341 - Minha tia Rose... - Categoria: Incesto - Votos: 30
94651 - Dou pro meu pai até hoje. - Categoria: Incesto - Votos: 17
98268 - Família incestuosa. - Categoria: - Votos: 8
103439 - Pai e Mãe & Filha e Filho - Incesto consentido. - Categoria: Incesto - Votos: 34
105311 - Com ciúmes do meu pai, ele acabou me comendo... - Categoria: Incesto - Votos: 33
105602 - Pelo tamanho, meu pai parece um jumento... Adoro. - Categoria: Incesto - Votos: 38
105836 - DO TÊNIS DE QUADRA, PRA CAMA COM MEU PAI... - Categoria: Incesto - Votos: 19
106012 - FÉRIAS NA PRAIA, SOZINHA COM MEU PAI. - Categoria: Incesto - Votos: 34
106316 - Eu, meus pais e meus dois irmãos... Putaria gostosa. - Categoria: Incesto - Votos: 21
111615 - QUANDO FLAGREI MINHA IRMÃ MAMANDO NO MEU PAI. - Categoria: Incesto - Votos: 24

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico baudoscontos

Nome do conto:
Dona Dalva e seu filho Igor.

Codigo do conto:
31019

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
21/06/2013

Quant.de Votos:
28

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


Corno do filho conto eroticoquadrinho erotico engravidoucontos veridico de incesto cunhada casada fode com o cunhado pra pagar dividascatvedeoconto corno rabocontoerotico ninfeta pega a força por taxistaraffa_ka instagram contos eroticoscontos negoes borracheiroscontossexo em cuadrinho comi.minha filhaconto erótico gay dormindo só de cuecaofereci carona pro hetero contoscontosrdContos eróticos picantes de gays com fotos ilustrativaspunheta na infancia com amigogravidezcompeniscontos eróticos insetos minha tia gostosa e putaEngravidando do amante quadrinhos eroticosContoeroticoevangelicalutas romanas pornono carnaval conto eróticoultimo contos eroticos com fotos 2017 vizinho roludo engravidou minha mulherentrei no quarto errado e me fudi contos de incestoconto erotico vibrador intestinoContoeroticoabusospais a emrrabar as filhashentai contoscontos eroticos as ferias com minhas filhasbucetas escurasBundao conto eroticoconto gay sexo com primo mais velhodesenho em quadrinho pornoConto de sexo explicito com peãoconto erotico bundudanovinhasafadacontocontos eróticos de i****** com padrinho vizinhoque buceta apertadatinhaAi ai meu cu conto incestocontoeroticoburrocontos eróticos em quadrinhos de velhos violentado mulherescontoseróticos abusei de minha netinha brincando de médicoadoro contos anaissafada de toalha conto eroticoFotos d mulher fantaziada d putaler contos eroticos de dupla penetracaohq ay papi pornôConto erotico vendo a primagay dotado usa camisinha extra grandecontos dando o cu pra mulecada gay porncontos eroticos de maes chupando filhocontos gay virei mulher hormonioconto erotico suruba em familiacontos erotico gay negro quadradinhoscatvedeoconto tirei o cabaço da doente mentalnayla contos eroticoscontos eroticos seduzindo meu cachorro e ficando grudada com elerevista private anuncios fotosputinha inplorando po pai fode seu rabinhocontos eróticos de doutor advogado e clienteminha esposa aviou dois gajos..conto tugaentiadacontoeroicoultimos contos sadoConto erotico cabacocorno de caminhoneiro contoswww.contos eroticos filho caçula pauzudo come cu da mae viuvacontos eroticos(pirralhinha dando o cuzinho)conto eurotico amigo bumbudoquadringo porno analFotos arredou minha calcinha e me comeuPorno contos de gay pela 1 vez choreiconto erotico chupei meu irmaocontos eroticos de sogras LMmeu pai fez amor comigo na piscina conto erocticoporn comic familycontos eroticos sentada no colo do papai na pracinhameu irmão rasgou minha bucetinhacontos eróticos tiaContos eróticos bem safadao com o amigo tímido e virgem