CONHECENDO A MULHER DA MINHA VIDA

Click to this video!


***Todos os nomes foram trocados para não prejudicar ninguém*****.
Nos conhecemos através da Internet. No início era apenas mensagens e fantasias de orgia que fazíamos, vários homens e só ela de mulher. O tempo acrescentou a minhas fantasias ser corneado por aquela puta. Ela me contava suas trepadas com outros machos. Depois de quase 12 meses marcamos para nos conhecer, mas de uma maneira nada convencional: “Ela iria dar para um cara em J.Fora e eu iria até lá para fotografar eles fodendo, o combinado era que eu não a comeria.... Assim aconteceu, fui até J.Fora.... é aí que começa a história !

Combinamos de nos hospedar no mesmo hotel e mesmo apartamento, ela combinou com o “comedor” em nos pegar no hotel para irmos a um Motel. Eu já havia me hospedado e ela chegou depois de 30 minutos, nos apresentamos pessoalmente e confirmamos nossas intenções. Por volta das 19:00h o telefone dela tocou, falou com o “comedor”, deligou olhou para mim e disse “Vamos gatinho, seu chifre está próximo de nascer”...sorriu e descemos para a recepção. Dez minutos depois, ele chegou, sem cerimônia se beijaram e eu ali do lado, sentia-me mal com vergonha, mas disse a mim mesmo “Você viajou 5 horas, veio até aqui, não vai fugir agora...” Ela me apresentou o “comedor”, ele foi muito gentil comigo... Fomos a um barzinho para quebrar o gelo, conversamos sobre tudo quando começaram as provocações, ela falava para Carlos e olhava para mim - Gato, sabia que o Paulo fica dizendo que quer casar comigo? Você não acha que o cara é CORNO de nascença? Sabe que eu dou para outros, sabe que sou galinha, sabe que vou dar para qualquer um e ainda insiste nesse papo...ela falava e ria..” Ela beijava o “comedor” e não deixava passar em branco, durante o tempo na mesa falou coisas do tipo: - Amor, é isso que você quer ter na sua vida? - Vou dar gostoso, hoje. E você vai ficar babando... Sem mais nem menos soltava um.. - CORNO ! Eu sem graça sempre confirmava e as vezes soltava um “Casa comigo?”

Não dava mais para ficar naquele bar e fomos para um motel. Entramos no quarto Carlos foi logo agarrando e beijando Paty, ela só me olhava, sorria e correspondia aos amaços de Carlos. Ela ficou peladinha, Carlos a chupava, ela gemia e gozou na boca do “comedor”. Ele a deixou na cama, passou por mim e sorrindodisse - Ela é uma puta ! Essa vagabunda vai ficar arregaçada...

Ela sentou-se na beira da cama e me chamou... - Vem cá seu CORNO! Carinhosamente tirou minha camisa e minha calça comentando - O CORNO ta de pau duro? Vai ficar só de cueca e assistir. Bate fotos bem gostosas ta CORNO, assim você vou ter fotos para mandar para os machos na Net e conseguir mais machos. - Paty, sua galinha....! (Beijei a boca dela e fui correspondido com muito amor) Estava beijando Paty, quando Carlos voltou e foi dizendo...”Ei sócio, da licença que quero aproveitar da sua futura mulher...” Saí imediatamente, Paty me deu um selinho e disse para eu sentar na poltrona a aproveitar.

Os dois se atravacam em beijos, abraços, chupões e dedadas. Aquilo estava me deixando louco de tesão, as vezes soltava coisas do tipo... - Vagabunda... /// - Te amo Paty.../// - Sem vergonha, não pode ver macho... Carlos deitou-se na maca e mandou Paty chupar o pau dele, sem pensar ela soltou um “Delícia”, ela chupava e olhava para mim, fazia cara de piranha...dizia me olhando - Isso vai me foder, vou gozar nesse pau. É isso que você vai ter sempre...chifres !!! Ela pediu... - Vem cá e chupa minha buceta seu CORNO. Depois ele vai me foder. Ela continuou a chupar o pau de Carlos e eu comecei a chupar aquela buceta q já estava pingando, ela começou a perder os sentidos e falava... - Meu CORNO está me preparando para vc me foder... Chupa seu CORNO, chupa seu CORNO...prepara a buceta da sua mulher para outro foder... - Para de mexer no meu cu se não ele fica com tesão...chupa a buceta....aí meu cu.... - Quero um CORNO para fazer isso...depois me entrega pro macho... Ela começou a falar que queria pau...queria pau...Carlos tirou a ferramenta da boca da Paty e mandou ela ficar de quatro, me afastei, ele meteu sem dó na buceta que não ofereceu resistência, ele metia tudo, a tratava como um objeto, ele falava alto...”FODE GOSTOSO...AI QUE PAU GOSTOSO”...aí começou um diálogo entre eles, sem darem bola para minha presença:
C- Que buceta gostosa...
P- Você que é gostoso seu puto.
C- Vou te foder até sua buceta sangrar, sua vaca...puta...
P- Mete, mete o quanto você quiser ...estraga minha buceta
Sem querer soltei um ...”Enfia o dedo no cu dela...” Imediatamente tive a resposta “Olha e cala a boca seu CORNO...aprende como é....” Eles foderam por quase meia hora ssim...Paty já dava sinais que havia gozado duas vezes. Foram para o banheiro tomar um banho e vi Paty rir e puxar o macho dela pelo o pau. Fiquei no quarto pensando q voltaria logo. Depois de um tempo de demora,, não ouvia barulho de água, mas comecei a ouvir barulho de sexo, daquele tipo de pau batendo lá no fundo e gemidos de Paty, não tive dúvidas, minha amada estava sendo possuída outra vez. Aproximei-me, mas fiquei do lado de fora e vi Paty sentada na pia, de pernas abertas e o “comedor” no meio bombando para dentro. Ele gozou na barriga dela, espalhou a porra com o pau e largou ali sentada de pernas abertas. Entrei no banheiro e fui recepcionado...
P- Não é possível! O CORNO estava vendo tudo escondido!!! Vem cá amor...
Paty me beijou a boca, disse que me amava...foi mais ou menos assim...
P-Amor, te amo, meu coração é seu, mas a buceta ama é pica! Eu sei q vc gosta de ver minha buceta arrombada. Vou ficar assim (ela continuava em cima da pia a toda aberta) e quero ver você bater uma punheta para mim... Passei a tolha na barriga dela para limpar a porra que escorria e chupei aquela buceta arreganhada, depois me posicionei na frente dela e olhando no seu rosto e para a buceta eu me masturbava e falava repetidamente para ela “Casa comigo sua puta” ela respondia “Vou te chifrar muito. Você será CORNO, olha pra essa buceta, ela vai ficar muito mais arrombada....” Desci Paty da pia e gozei na cara dela, espalhando meu gozo. Dei banho na Paty, voltamos para o quarto onde o “comedor”já esperava assistindo um filme de putaria. Paty parecia insaciável, mal chegou já caiu de boca no pau de Carlos voltaram a foder gostoso em várias posições, tudo se repetiu, as palavras PUTA, VACA, CADELA,CORNO, ME FODE...tudo de novo. Não sei o que me deu, mas me aproximei quando ela estava louca, beijei sua boca e disse “Escute aqui sua vagabunda, agora você vai dar o cu. Ela riu e disse “’E isso mesmo que você merece. Ver sua mulher levar no rabo” . Nem precisei falar mais nada. Paty ficou de quarto e chamou o garanhão para cobri-la “Vem meu macho. Fode meu cu e mostra pro corno!!!”
Paty terminou aquela noite desfalecida e toda ardida de tanto levar pau, e eu comecei minha carreira de corno !

Um ano depois me casei com Paty....mas isso eu conto depois, só posso adiantar q minha Amanda aprontou até no casamento...

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


2954 - 2º parte -CASANDO COM A MULHER DA MINHA VIDA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico o corno{

Nome do conto:
CONHECENDO A MULHER DA MINHA VIDA

Codigo do conto:
2953

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
05/09/2004

Quant.de Votos:
5

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos erotico gay na liga da justiçabucetao veiafilho fazendo massagem-contoquatrinhos do t.zcontossado de escrava sexualContos erotico kell gordinha adora dar o cuArrombei minha sogra contoconto erótico incesto meu marido comeu a bucetinha da nossa filha e eu aproveitei pra dar gosstoso pro nosso filhorasgando uma bucetinha em camera lentacomi a melhor amiga da minha mae vai mete seu puto cotos eroticoultimos contos sadoavo hentaiComi um cu novinha contocontos de corno. bipassivosmeu filho atrevido e selvagem porngay sex stories pdfcontos erotico sendo comida por travestise eu pudesse fazer sexo anal g****** horascontos eroticos incesto maravilhosoConto erotico eu e meu marido bolinando nossa filhagays magrinhos cacetes grandes falando besteira no ouvido e transandofamilia favela em dividindo o banheiroconto erótico curral filhacontos erotico maê fingindo que esta dormindobeatle pornô bunda grande e de bruçosdando a mulher pra negoes contosconcunhadacontoeroticoconto erotico carnaval calcinhaconto erotico liga da justiça gaycontos eroticos comendo uma dona de casa de bikinimendiga pedindo pra comer seu cu apos o dela era vigemfilho transando com pai historias em quadrinhosquadrinhos eroticos piratas do sexoconto eróticos meu irmão comeu minha amiga e euConto erotico emquadrinho corno chupaoCasada leva marido bebado e o sogro fode a gostosa contocontos eroticos de lendo contos eroticos no computador femininocavala da academia conto erotico parte2Conto ui ui ui mete tiocontos eroticos de mãe e filha fodendoanal quadrinhoquadrinhos reais moleque comendo a coroa pornomassagem cariciosataxista e seus amigos conto gayConto eroticoExibindo a namorada para os garotosContos eróticos gay comeram meu cu quando guricunhado crente casado,contos eróticopastor a fuder obreiras de mozsalinas vampGATA KERENDO FODER RAPIDOContos eroticos fodi a bucetinha da minha subrinhacontos meu amigo pauzudocontos eroticos de incestos em bh mgcontos eroticos papai e seu amigocontos eroticos 2017 com fotosEstória em quadrinhos euroticos de vovó tranzando com netaempreitero gay com rola dura fotoconto esposa pratica nudismo em nossa casaem filmes porno hetero o pau dos atores se esfregam em dp vaginalcontos reais minha mae gostosamamãe me transformou em mulherzinha contocontos eroticos entiada guloza e dengoza carol ninfetafoto de homem mijano gostosocontos incesto comendo minha maeFodendo a forca bundona bojete sexo fortefui chantageada contos eroticosComendo a velha cadeirante contoscontos mamae loira bundudacontos ertcos armei pra estruparem minha madastravisita inesperada da amiga da esposa contocontopunheteiroPunheta traveco tezudo conto eroticoconto erotico meu marido me esnoboucontos eroticos coroas casadas usando tamancos de madeiramulher chupando cu do marido sexo