A MINHA ESPOSA E MINHA CUNHADA INICIADA COM UM CÃO

Click to this video!


A MINHA ESPOSA E A MINHA CUNHADA COM UM CÃO

Olá Franco, como você sabe e até muito mais do que eu sobre zoofilia, eu pratico zoofilia há uns dois anos e vc está nessa a mais de 25 anos, e com certeza tem muito mais experiência. Como sabe, a gente que mantém este tipo de relacionamento prefere ficar no anonimato, e evitamos até conversar isso com pessoas próximas, e quando a gente vai conversar sempre colocamos nomes de terceiros para ver a opinião da pessoa, e não correr o risco de constrangimento e aborrecimentos.
Então, fiquei há muito tempo protelando esse meu segredo, quem transa com cães tem e deve guardar isso a sete chaves, e os motivos como vc sabe são muitos, então eu resolvi ti contar como eu e a minha esposa iniciamos a minha cunhada, ou seja a irmã dela.
Pois bem, eu e a minha esposa transamos com cães a pelo menos dois anos, e foi assim que começamos.
A Marcia, que carinhosamente a chamo de Mira, está com 29 anos e eu 32 anos, tem seios grandes, pernas grossas, uma boceta estufadinha e gosta de gritar quando está tendo orgasmo, o que me deixa mais doido de tesão. Sou casado há uns nove anos, a nossa relação estava caindo na rotina, e como você mesmo fala que a rotina é uma merda, eram sempre as mesmas coisas. E a mesmice do casamento chega uma hora que cada um vai pro seu lado isso se não existe amor e nenhuma atração. Como amava e amo a minha esposa, resolvemos salvar a nossa relação. E tudo começou com um acaso, sou de Pernambuco, mais precisamente de uma cidade chamada Catende, a nossa casa é grande, um terreiro maior ainda com muitas plantações, então numa tarde eu e a Márcia estávamos deitado numa rede, lugar sombreado por quatro pés de manga e um pé de jaca, que dá uma sombra gostosa.
Como é só a gente temos muita liberdade, já que o nosso muro é alto temos certa privacidade. Então Franco eu estava com sede e pedi pra ela pegar um suco pra mim, quando a Mira ficou sentada na rede pra se levantar o meu cachorro foi fazer carinho e como ela estava sem calcinha passou a língua na boceta dela, eu vi e ri muito falando que ele estava com tesão. E para aminha surpresa, em vez dela sair ela abriu mais as pernas pra ele lamber... Mais depois eu ti conto como foi depois está bem?
Prometo. Só ti contei isso par vc saber como eu e a minha esposa começamos. Mais sobre a gente e a irmã dela...
A irmã de minha esposa tem 19 anos pernas grossa, os seios não são tão grandes, mais ela tem uma bunda de parar o trânsito, tipo tanajura, uma delicia mesmo meu amigo, ela morava em Recife e veio passar uma temporada com a gente, já que o noivo dela morava em nossa cidade e ela só foi pro Recife terminar os estudos e fazer um estagio na usina de açúcar. Bem, no começo foi terrível, pois eu e a Mari tínhamos que dar um tempo em nossas transas com os dois cães. Mais como ela é irmã de minha esposa aceitei de bom grado, principalmente em se tratando dela, que era um colírio para os meus olhos. Toda vez em que eu ia trepar com a minha esposa pensava nela, e teve até uma vez em que excitei a Mira assim:
-- Amor, já pensou ela lambendo a sua boceta assim? E eu com o meu pau em sua boca?
A Mira não disse nada, só falou que ficou excitada com a idéia, mais que ela era a sua irmã, e tínhamos que respeitar.
Mais quando estamos acostumados com certas coisas principalmente em se tratando de sexo não dá pra segurar não meu compadre, e por mais que a gente faça tudo para esconder uma coisa sempre dá merda rsrsrsr.
Era um sábado eu estava com um tesão terrível, a minha cunhada tinha saído com o noivo dela, com certeza voltariam bem tarde da noite, eu estava na sala com a Mira nos esquentando, e eu disse:
-- Amor faz um mês que não metemos com nossos amantes, que tal hoje?
-- Querido, também estou com vontade de meter com eles, mais e se minha irmã chegar?
-- Que nada, ela vai namorar e também meter com o namorado só vai voltar à noite como sempre faz. E a casa será só nossa.
Abri as pernas dela e meti a língua.
Ela estava com tanto tesão que não demorou muito e me ordenou assim:
-- Querido vai buscar o Lorde, quero gozar com ele.
Eu tenho dois pastores alemães Franco, um é o Lorde e o outro é o Tuli. Eu trouxe o Lorde e ele foi na boceta da Mira, e pra resumir, metemos gostoso com engatada e tudo o mais. Como fazíamos mais de um mês meses que não trasavamos com nosso cachorro, foi uma delicia e ver o Lord enfiar o nó na sua boceta e enchendo a Mari de porra. Pena que ficou tarde e o Tuly ficou de sobra rsrsr.
A gente estava ainda nus na sala descansando quando a Isabel entrou na sala, eu corri e peguei uma toalha e joguei uma almofada pra Mari.
-- Oi faz tempo que chegou? Eu perguntei
-- Não, agora mesmo.
Com uma desculpa sai da sala e fui pro banheiro a Mari foi atrás de mim.
-- Querido será que ela viu alguma coisa?
-- Sei lá, a gente estava tão... Que nem vimos o portão bater.
-- Mais acho que ela não viu nada.
Mais Franco, a coisa ficou pior do que encomenda errada.
No outro dia depois que ela saiu, a Márcia me chamou no quarto e disse assim:
-- Amor, engrossou o caldo.
-- Como assim?
-- A Bel viu tudo.
-- Tudo o que?
-- Eu você, o Lorde em mim...
-- Jura?... E ela falou mais o que?
Então meu querido amigo ela disse que viu até a hora que a Márcia ficou engatada e eu por trás lambendo ela todinha. Aquilo em vez de me deixar tenso pelo contrario, me deu mais tesão.
-- Amor isso é bom, imagina eu vc e...
-- Pode parar querido, não quero envolver a minha irmã nisso não, pode ser perigoso.
-- Está bem, vou me conter.
Mais Franco, a noite trepamos gostoso, eu fantasiando ela com a gente, mais sem me expressar pra Mari as minhas intenções. Mais estava decidido envolver a minha cunhada em nossas fodas.
E um dia isso ocorreu, foi assim.
Faziam varias semanas que eu e a Mari não metiamos com nossos cães, em um sábado à noite resolvemos meter com eles, aproveitamos que a minha cunhada saiu pra namorar e só voltaria tarde. Era a oportunidade que esperava-mos.
Trancamos tudo, ou melhor, pensei que tínhamos trancado, e ficamos na sala, tirei a calcinha da minha esposa e comecei a lamber a sua boceta que estava ensopadinha, eu lambendo e saindo uns fiozinhos de gozo em minha boca, que delicia meu querido amigo, eu também estava com muito tesão de ver a minha querida esposa atrelada com nosso cachorro.
-- Amor vai lá trás o Tuly, quero o nó dele em minha boceta vai...
Eu fui à porta da cozinha e chamei meu cachorro, como já estava planejado de tarde a gente tinha dado um banho legal nele. O meu cachorro entrou e já foi na sala, como a Mari com uma das pernas em cima do braço do sofá estava com a boceta arreganhada e o Tuly foi direto nela, cada lambida ela gemia e eu coloquei o meu pau na boca dela, enquanto que o cachorro dava um trato em sua boceta.
-- Querida, fica de quatro, quero ele todo dentro de vc, vai. Vou gozar gostoso em sua boceta.
Quando a Mari se preparava pra ficar de joelhos em cima do tapetinho que estava dobrado, na hora que olhamos pra porta...
A Isabel a irmã de minha esposa estava parada na porta, passando uma mão no meio das pernas. A Mari tomou aquele susto e eu idem.
No começo comecei a me desculpar, a minha esposa tanto quanto eu estávamos tão surpresos que nem nos cuidamos de nos cobrir como da outra vez. Ela também continuou parada na porta.
-- Mana me desculpe, eu...
-- Bel vem cá. Eu a chamei pra perto da gente, -- Você está a fim de meter também com ele?
Apontei o meu cachorro que estava querendo subir em cima da minha esposa.
-- Sim, só isso ela respondeu. A minha esposa não comentou nada.
Ela maneou a cabeça concordando.
A partir daí meus amigos me abri, fui ate ela e tirei a sua blusa, e seu sutian. Que seios lindos, tenros, aréolas rosadas, uma delicia. Em seguida tirei o seu short, e ela me obedecia sem falar nada, a minha esposa do lado estava acesa, com um tesão que nunca vi, veio para perto dela e disse:
-- Mana agora vc vai gozar mais do que já gozou com o seu noivo.
-- É isso o que eu quero Márcia. Quero gozar muito me ajuda?
-- Sim querida, nós vamos ti iniciar.
Depois disso ela mesmo tirou a calcinha e eu cai de boca nos seios de minha cunhada, enquanto que a Márcia abria as pernas pro nosso cachorro lamber ela todinha. Depois de uns minutos assim, até a Márcia beijou os seios da irmã, e ela gostou, pois estava gemendo de olhos fechados. Eu subi no sofá e dei o meu pau pras duas lamberem... Gente que coisa deliciosa ter duas bocas em um pau, eu tive que me conter pra não encher a boca das duas irmãs de porra.
-- Aiii... Eu quero meter com ele agora. E apontou o meu cachorro que estava deitando lambendo o pau. Falou a Isabel com tesão.
-- Vem cá.
Coloquei uma toalha dobrada no chão e com carinho coloquei a Bel ajoelhada de quatro.
A Márcia segurava o Tuly, contendo ele pra não ir pra cima de uma vez.
Minha cunhada estava ajoelhada eu fui atrás dela e lambi gostosa aquela boceta estufadinha, que delicia meu amigo. Daí a Marcia soltou o Tuly que foi atrás dela e o ajudei a subir, o meu cachorro a prendeu pela cintura e começou a dar estocada pra frente e prá trás, quando ele acertava, ela dava gritos de gozo.
Mais as estocadas não acertavam a sua boceta, então com minha mão por baixo direcionei o pau do cachorro pra dentro dela, na mesma hora ele a prendeu pela cintura e socou fundo, a Bel deu um grito alto sei lá de gozo ou de dor. A Márcia estava na frente dela segurando a sua cabeça no meio dos seus seios.
-- Ai, ai, ai... Marcinha, que delicia sentir o pau dele dentro de mim. Ummmm
-- Isso cunhadinha, vc vai gozar sim com o nó dele lhe abrindo e lhe enchendoi de porra.
Minutos depois Franco ela começou a respirar mais fundo e a gritar de tesão.
-- Aiiiii que é isso Carlos... Ummm está me abrindo por dentro, é muito gostoso... É demais assim eu vou gozar de novo de novo.... Eu vou.. eu vou... ai ai ai aia i gozarrrrr.
-- Isso querida, ele vai lhe encher de porra quente.
A Márcia estava por baixo lambendo os seios da irmã, ela estava transformada completamente. Era uma cena que eu jamais pensaria ver em minha vida, duas irmãs fazendo sexo, e com um cachorro.
-- Ai, Ai, Ai... Ele está espirrando dentro de mim uma coisa quente. O que é isso irmã?
-- Ele está enchendo vc de gozo querida. Você está gostando?
-- Sim, muito, muito mesmo. Que delicia Márcia!
-- Você vai gozar muito hoje cunhada.
-- Umm, eu sinto ele me encher de porra... Eu vou, eu vou gozar de novo.
-- Sim mana, goze gostoso, ele está enchendo vc de muita porra quente.
Franco não agüentava, meu pau estava duríssimo como pedra vendo ela engatada. Eu estava atrás segurando o Tuly, enquanto que o nó continuava todo dentro da boceta de minha cunhada.
Foi quando a Isabel deu um grito alto.
--- Aiiiiiii, estou gozando, estou gozando. Vem vindo, vem vindo... Que gostosoooooooooo....
E ela teve um orgasmo maluco meu amigo.
Demorou uns minutos, até que o nó saiu de dentro dela. Como eu estava atrás, a sua boceta estava vermelha, e ela a se mexer vc não imagina o tanto de porra que escorreu pelas suas pernas branquinhas.
Na posição que estava nem tirei ela dessa posição, eu fui atrás dela e soquei o meu pau, a porra quente do meu cachorro vazou de dentro dela quando enfiei o meu pau dentro.
Fui socando e socando cada vez mais fundo.
Não agüentei mais segurar e enchi a boceta dela de porra.
A minha esposa foi ao meu lado e antes de tirar o pau de dentro, ela mesmo foi que puxou o meu pau e enfiou na sua boca, o meu pau estava todo melado de minha porra e com a porra do meu cachorro.
-- Vai amor, lambe ela vai.
Fui levando a cabeça de minha esposa a lamber a boceta da irmã que estava pingando porra do Tully e a minha, no começo ela resistiu, mais depois cedeu e abriu a boceta da Isabel e começou a lamber, e escorria ainda muita porra de dentro. A Márcia bebeu um monte de porra minha que escorreu junto com a porra do cachorro.
Como o Tuly estava deitado ainda de pau duro do lado, ela foi ate ele, levantou o pau e sentou em cima, vi sumi dentro da boceta de minha esposa o pau do meu dog, e foi assim que ela gozou aos gritos, falando palavras desconexas.
Meu amigo Franco, acredite, estou aqui de pau duro em lembrando desses detalhes da minha esposa e de minha cunhada. Isso ocorreu em Julho desse ano. Eu não aumentei e nem omiti nenhum detalhe esse fato real, a iniciação de minha cunhada com nossos cães.
Depois disso, agora sempre estamos metendo agora nós três com os nossos dois cães, e cada vez fica melhor.
Está ai amigo, coloque em seu blog, onde desejar este relato está bem? Só peço para vc colocar outro nome para preservar os nossos verdadeiros.
No próximo ti conto como a minha cunhada fez anal com nossos dois cães.
Abraços
Amigos está ai mais um relato de um praticante e amigo meu de zoofilia, eu estou para publicar ainda nessa semana um relato de uma amiga de SP, onde ela e o noivo dela ficaram engatados.. Um delicia de relato.


Se desejarem conversar sobre esse assunto me adicionem.

Foto 1 do Conto erotico: A MINHA ESPOSA E MINHA CUNHADA INICIADA COM UM CÃO

Foto 2 do Conto erotico: A MINHA ESPOSA E MINHA CUNHADA INICIADA COM UM CÃO

Foto 3 do Conto erotico: A MINHA ESPOSA E MINHA CUNHADA INICIADA COM UM CÃO

Foto 4 do Conto erotico: A MINHA ESPOSA E MINHA CUNHADA INICIADA COM UM CÃO

Foto 5 do Conto erotico: A MINHA ESPOSA E MINHA CUNHADA INICIADA COM UM CÃO


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario terranova

terranova Comentou em 27/01/2013

Do jeitinho que eu gostamos de fazer!

foto perfil usuario loveandcatgtabi

loveandcatgtabi Comentou em 09/01/2013

Oi adorei ler seus contos eu leio todos e amo, e gostei muito do seu blog tmbm, e eu quero muito fazer isso que vcs fazem vcs não querem me iniciar tmbm. Fico toda molhadinha quando fico lendo .bjs me add ai ok

foto perfil usuario fabio95

fabio95 Comentou em 30/12/2012

Olá...gostei muito...parabéns...vou estar adicionando vocês no msn...abraços.

foto perfil usuario mak19x5

mak19x5 Comentou em 03/12/2012

MEU CARA AMIGO QUE MULHER E ESTA? SE FOR SUA MULHER ESTA DE PARAVENS ELA E LINDA E MUITO GOSTOSA; TEM MEU VOTO




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


13422 - UMA GRÁVIDA ME INICIOU EM ZOOFILIA - Categoria: Zoofilia - Votos: 7
13450 - BELINHA, COMO PERDI A MINHA VIRGINDADE COM UM CÃO - Categoria: Zoofilia - Votos: 9
13463 - EU VOLTEI A FAZER SEXO ANAL COM MEU CACHORRO - Categoria: Zoofilia - Votos: 8
13582 - UM CAVALO PARA DUAS GAROTAS = PARTE I - Categoria: Zoofilia - Votos: 6
13583 - UM CAVALO GOZOU NA MINHA CUNHADA - PARTE II - Categoria: Zoofilia - Votos: 5
13628 - A MINHA INICIAÇÃO NO ANAL COM MEU CÃO APOLO - Categoria: Zoofilia - Votos: 11
13764 - EU E MINHA IRMÃ,PERDI A VIRGINDADE COM NOSSO CÃO - Categoria: Zoofilia - Votos: 20
13844 - COMO MINHA IRMÃ PERDEU A VIRGINDADE COM NOSSO CÃO - Categoria: Zoofilia - Votos: 5
13880 - QUATRO DIAS,NOVE GAROTAS PARA CINCO CÃES. - Categoria: Zoofilia - Votos: 8
13917 - QUATRO DIAS,NOVE GAROTAS, 5 CÃES. - DIA 1º - Categoria: Zoofilia - Votos: 8
13977 - QUATRO DIAS,NOVE GAROTAS E CINCO CÃES, 1ª noite - Categoria: Zoofilia - Votos: 3
14018 - A MINHA INICIAÇÃO COM O MEU LABRADOR - Categoria: Zoofilia - Votos: 10
14084 - FIQUEI ENGATADA COM UM HOTWEILLER DE UMA AMIGA - Categoria: Zoofilia - Votos: 10
14111 - O HOTTWEILER ENGATOU EM MIM E ME ENCHEU DE PORRA - Categoria: Zoofilia - Votos: 8
14396 - CONTO ESPECIAL=UMA JAPONESA NUM ANAL COM NOSSO CÃO - Categoria: Zoofilia - Votos: 14
14397 - A MINHA INICIAÇÃO COM MEU CACHORRO APOLO - Categoria: Zoofilia - Votos: 7
14398 - EU E A MINHA MÃE TRANSAMOS COM NOSSO CACHORRO - Categoria: Zoofilia - Votos: 12
14497 - O MEU PRIMEIRO ORGASMO FOI COM MEU CÃO - Categoria: Zoofilia - Votos: 7
14762 - INICIEI A UMA ALUNA DE 18 ANOS COM O MEU CÃO - I - Categoria: Zoofilia - Votos: 8
14763 - EU INICIEI MINHA ALUNA COM MEU CÃO = FINAL - Categoria: Zoofilia - Votos: 9
15269 - A MINHA PRIMEIRA VEZ FOI COM UM CACHORRO - PARTE I - Categoria: Zoofilia - Votos: 6
15354 - A PRIMEIRA VEZ COM UM CACHORRO DE UMA AMIGA- FINAL - Categoria: Zoofilia - Votos: 4
15549 - COMO UM CACHORRO TIROU A MINHA VIRGINDADE - Categoria: Zoofilia - Votos: 2
15655 - DANIA,APENAS 19 ANOS E INICIADA PELOS NOSSOS CÃES - Categoria: Zoofilia - Votos: 7
15735 - POR CAUSA DE UM FILME EU FUI INICIADA EM ZOOFILIA - Categoria: Zoofilia - Votos: 4
16313 - EU TRANSEI COM O CACHORRO DE MINHA NOIVA - Categoria: Zoofilia - Votos: 7
16643 - A MINHA NOIVA FOI INICIADA COM UM CACHORRO - Categoria: Zoofilia - Votos: 14
16990 - DUAS IRMÃS UMA INICIADA, TRAÇADAS POR UM CACHORRO - Categoria: Zoofilia - Votos: 10
18250 - EU DEI PRA UM CACHORRO POR CAUSA DE UMA M - Categoria: Zoofilia - Votos: 5
19234 - FLAGREI A MINHA ESPOSA ENGATADA COM MEU CACHORRO - Categoria: Zoofilia - Votos: 4
20004 - FLAGREI A MINHA PATROA ENGATADA COM UM DOG - Categoria: Zoofilia - Votos: 31
21338 - UM CAVALO ENCHEU A MINHA ESPOSA DE PORRA - Categoria: Zoofilia - Votos: 29
22340 - O CAVALO ENCHEU A BOCETA DE MINHA CUNHADA DE PORRA - Categoria: Zoofilia - Votos: 18

Ficha do conto

Foto Perfil francoebelinha
francoebelinhafranco

Nome do conto:
A MINHA ESPOSA E MINHA CUNHADA INICIADA COM UM CÃO

Codigo do conto:
22870

Categoria:
Zoofilia

Data da Publicação:
03/12/2012

Quant.de Votos:
27

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


contos eroticos gay pastorconto erotico esposa entalada até o sacocontos eroticos de travestis com fotos ,e cdzinhasContos eroticos com maridos que flagaram a esposa mostrando a bucetacontos minha mulher mim traiu na lua de meu eu vi ela nao sabputa gravida conto eroticocontos eroticos sogra escondida com o genro e um casal de amigoscontos eu e meu irmao fazendo suruba com nossa maeConto goza pai ui ui no cucontos eróticos dei o cu para me vingarxxvideos filho2017picas cheios de sebo fotosputa zoofilia coladavideo de porno irma deixa a porta a berta so pra da pro irmao a noite figinda qui ta dormindocontos de estrupo em família comeram meu cu quando era bem novinho sofri na pica grandeGoiânia entregador telefone gay cu conto 2017conto erotico sofri nas mais de dois dotadosContos eroticos duas irmas em apuroscontos insesto foi fragado transando meteu tanbenFotos arredou minha calcinha e me comeuConto erótico transei com o motorista do uberContos erotico papai tirou minha virgindadecontos eroticos escravizada pelo office boycontos eroticos comi a menininha do meu predioquadradinho porno entregadorxvideis 2017comi a minha tiaContos eroticos dê encoxadassexo emquadrinhofui no quarto do meu irmaozinho e dei a buceta pra elecontos porno velho da venda come mulher casadaxvidio/casada com caminhoneiroContos eroticos tirando cabacoacampamento conto eroticoCasa dos contos eróticos Minha vida com meu filho pt10conto erotico corno virtual comi a mulher do meu amigo no meu aniversário no banhero ela mi deu o presentecontos porno fazendeiro brutoconto erotico mendiga novinhamae indecisa conto eróticodominacao lesbica conto eroticocu arrombado da minha esposa depois da noitadamarido quer ser corno contoconto tia depilandocontos eroticos vi mamae fuderconto de buceta de namorada traindo com camionerocontos mostrei minha bucetinha fui estupradapenis na bocetaContos estrupada pelo soblinho na cadeiaContos gay pau pequenocontos eroticos - a punheteira da turmacontos eroticos minha mulher fode com um jogadorrolou uma festinha em contagem novinha me chupou contos eroticocontos eroticos de pai chupar filha depois veio o vovôcontos eroticos gays de a carona do velhocontos com fotos anal psi pirocudo e filhaporno quadrinho professora maenovinha de shot de cota transandopai come o cuzinho do filho novinho a forcaconto erótico de mulher traindo marido com amigo taradocontos erotocos.comde namorados virgemconto porno vendi minha mulherconto erotico comi a buceta da professoravelho tarado contocontos eróticos com fotos em quadrinhos Estagiáriacontos eroticos esposa coloca coleira no maridomeu pau e tao grosso que rasgo cuzinhoOs Simpsons sexo pornô em quadrinhosconto eróticopauContos eroticos com fotos de podolatria com a professoraamamentando o eletricista contosContos eroricos esturpo seios mordidasconto de sexo com esposa traindo marido com o gasor em o marido corno fica na mesapunheteirahentalNo hotel irma e irmao conto eroticoconto erotico porno mc kevinhocontos eroticos gay dei pro meu tio e pro meu paitio do pinto grande e grosso estorando o cabaso da buceta da sobrinhanovinhaconto erotico os padres chuparm minha bucetinha