O SEGREDO E A CURIOSIDADE DA VIZINHA NOVINHA

Click to this video!


O SEGREDO E A CURIOSIDADE DA VIZINHA NOVINHA

Moro na zona oeste do rj e o que vou contar realmente aconteceu comigo, mas quero deixar claro que nunca fui nem sou chantagista e o fato que aconteceu essa semana comigo possivelmente foi pelo fato da protagonista dessa história estar curiosa e querer experimentar algo novo com alguém muito discreto como eu. Bem vamos aos fatos: tenho 55 anos, 1,81m de altura, bem forte mas um pouco acima do peso por causa da barriga de chope, mulato e modéstia a parte não sou feio. Há 2 meses atrás num domingo de manhã bem cedo saí a trabalho (sou corretor de imóveis)e fiquei aguardando o ônibus no ponto que moro em frente, nele estavam também vários jovens e entre eles duas vizinhas minhas muito amigas sendo que uma delas é filha dos meus vizinhos ao lado cujo nome é "Priscila" e completou agora 18 aninhos mas aparenta uns 15, branca como leite e cara e jeito de anjo. Curiosamente ela não me viu no ponto nem quando entrei e me sentei exatamente atrás das duas que se sentaram juntas e tomei um susto quando elas começaram a se beijar e acariciar assim que o ônibus deu a partida até saltarem na Lapa, que depois soube estarem indo prestar prova para um concurso público. Assim que elas desceram deram as mãos e no momento que o ônibus deu a partida ela olhou pra dentro e me viu, tomando um baita susto, eu dei um tchau pra ela e segui minha viagem. Como não tenho nenhum tipo de preconceito quanto ao relacionamento de pessoas do mesmo sexo, não havia nenhum motivo para que eu mudasse minha maneira de cumprimentá-la quando nossos caminhos se cruzam e isso a incomodou muito e fez com que ela batesse essa semana na minha porta quando sabia que eu estava em casa e pediu pra conversar comigo. Atendi com a porta entreaberta e ela pediu pra entrar, deixei a porta aberta e ela fechou e veio pra minha sala. Fiquei curioso pra saber o que estava acontecendo e ela começou a chorar dizendo estar com medo que eu contasse a seus pais o que vi no ônibus 2 meses atrás e perguntou o que eu queria pra que não falasse nada. Ela é muito linda, mas acho covardia chantagem e no caso dela então, que só vi duas meninas lindas num momento de felicidade que mal havia nisso? Mas ela insistia chorando que eu iria contar aos seus pais e faria qualquer coisa pra que não fizesse isso apesar de saber que sua mãe quando brigou com seu pai em uma época passada quis sair na noite comigo e eu me recusei demonstrando respeito por ela. Bem, sou tudo menos burro e falei pra ela: Priscila, na verdade acho que você quer mesmo é satisfazer sua curiosidade em relação a um homem não é? Tudo bem, eu guardo o seu segredo e você vai guardar o nosso tudo bem? Ela perguntou, que segredo? Eu, que já fiquei de pau duro botei ele pra fora da bermuda, sentei no sofá e falei ajoelha e chupa aqui bem gostoso ok? Ela respondeu, mas não sei fazer isso e acho nojento (fazendo charminho), eu falei então dá só um beijinho dá, ela deu o primeiro e eu falei agora dá uma lambida, ela lambeu, lambeu e eu falei, agora bota todo na boca e faz como no sorvete de casquinha. Ela sorriu com aquele jeitinho de anjinho e começou a se animar e pegando gosto pela coisa e me olhava. Ela estava com uma camiseta simples e uma calça comprida de ginástica. Levantei-a com carinho a sentei ao meu lado e tirei sua camiseta (que peitinhos lindos e rosinhas), mamei muito e com muito carinho e ela gozou só com essa mamadinha, aproveitei e tirei sua calça com calcinha e tudo e vi a bucetinha mais linda que já tinha visto na minha vida e como é cheirosa. Deitei-a com mais carinho ainda e ela toda molhadinha devido a forma carinhosa como eu a tratava se descontraiu e eu mamei aquela coisinha linda fazendo ela chorar de tesão ela pedia mais e mais. Quando vi que já tava tudo dominado mudei o rumo das carícias, mas antes falei pra ela: não se assusta não que agora papai aqui vai ser malvado com você e dar palmadas na sua bundinha, vira de bruços pra mim e empina esse rabinho empina. Ela empinou e eu comecei a lamber seu cuzinho e dar uns tapinhas nela bem de leve e perguntava, tá doendo tá? Ela dizia, não você não bate com força, fui rápido na cozinha, peguei um pouco de manteiga e enfiei o dedo no seu cuzinho dando palmadas nela com um pouco mais de força e ela pedia, ai bate mais bate e eu aumentei a intensidade das palmadas e lambuzei meu pau também com manteiga e comecei e penetrar naquele cuzinho super apertado(meu pau é muito grosso). Ela começou a chorar dizendo ai tá doendo muito meu bumbum e eu bati com mais força (sua bunda branquinha já tava vermelha) e perguntei quer que eu pare bebê chorona, não aguenta uma pica no cuzinho não sua putinha? E ela disse, então enfia seu covarde, enfia tudo malvado mas me bate na bunda com mais força e chorava e empinava mais a bunda pra mim(que visão linda) e eu fui enfiando vendo-a mordendo os lábios e a lágrima descendo, aí eu falei quer que eu pare e ela respondeu, não, tô chorando mas tá muito gostoso aqui dentro, mete com mais força e me bate mais seu covarde, ai,ai,ai ...hum, hum,hum, que gostoso, mais rápido, com mais força, aperta mais minha bunda aperta, me marca toda seu puto senão conto pros meus pais, aí eu respondi ah é assim é sua puta? - ela sorriu - então toma, toma e ela começou a dizer coisas sem nexo e dizendo que é bom demais fazer isso e disse até que me amava e eu falei tá gozando né, então empina mais que vou encher esse cuzinho de leite quentinho valeu? ela assentiu com a cabeça e fechou os olhos demonstrando estar sentindo muito prazer. Ah, eu fui à lua e voltei em instantes, que maravilha aquele cuzinho apertadinho e a sensação do gozo vindo com violência me fez bombar com mais vontade ainda e o gozo finalmente veio, quando saiu o primeiro jato eu tirei a virei e falei chupa meu gozo cadelinha, ela chupou, engoliu e eu perguntei: você não disse que é nojento? ela olhou nos meus olhos sorriu e lambeu os lábios dizendo, delícia. Depois desse dia a encontrei no corredor saindo com o cachorrinho, me cumprimentou normalmente, sorriu e continuou como se nada tivesse acontecido entre nós. Isso é que ser discreta...
Se você também é ou está curiosa,me envia uma mensagem. Pode ficar tranquila que sou amigo, compreensivo e muito descreto...


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


17810 - A amiga da minha amiga - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
18382 - A ÍNDIA E A NORA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
22046 - TRES LINDAS GERAÇÕES - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
38738 - INICIAÇÃO EM FAMÍLIA - Categoria: Incesto - Votos: 8
38739 - INICIAÇÃO EM FAMÍLIA(2ª é última parte) - Categoria: Incesto - Votos: 4

Ficha do conto

Foto Perfil carinhososacana
carinhososacana

Nome do conto:
O SEGREDO E A CURIOSIDADE DA VIZINHA NOVINHA

Codigo do conto:
17660

Categoria:
Heterosexual

Data da Publicação:
07/06/2012

Quant.de Votos:
3

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos primo pintudo engana priminha e amiguinha e come seu cuzinhofodendo o rabao da dani peruibelambi o pezao 44 conto gaycomeram e arregacaram a buceta da minha namorada contoFOTOS CANTOS DE SEXO DE ENCANADOR PIROCUDO COM MADAMESCorno manso conto eroticoos desejos do hannah porno quadtinhodois pião fudendo na obramamãe+mamãe.papai++nuacontopunheteiroconto casada tinderchorei na vara de outro pro corno ver contosContos eróticos picantes de gays com fotos ilustrativaso amigo negro do meu filho quadrinhocontos porno reais de troca de casais de primos com brincadeira de jogos e massagemcontos eroticos. dando carona para uma senhoraboquete em quadrinhoscontos comendo a mulher do meu paicasada domestica gravida dormindo mostrando seu corpo tesudodeixei uma cavalo me arrombou a bucetacasada deu pro primo roludo que saiu daprisao contoconto erotico sogra bundudaconto tirei o cabaço da tia solteironasua mãe tem necessidade ponodoidoconto erótico incesto mesmo grávida de sete meses dei minha bucetinha a meu filhoconto erotico ubercontos meu pai mandava eu xupa seus amigoscontos de mulher casadaporno gay da liga da justisaminha esposa numa dupla penetração contohq pornocontos gay com os amiguinhos do bairroconto erotico sogro pausudo de cueca transparentetroca de casal contosdesejos inconfessáveis pornodeu na minha frente contoconto estrupo nafrente do maridocontos veridico esposa transa com um negro bem dotado para realizar sua fantasiaContos caseiro reais traindo e marido descobreconto erotico namorada praiaConto erotico nossa que cu arrombadomeu pai me fez gozar a noite toda contos eroticos de gayssobre o cuckolda mulher maravilha beijando com a mulher cilarconto erotico mulher estrupadoraultimos contos sadocomendo minha mae cuzuda gostosa depois que o papai sairsexoconto insesto rolana bucetaquadrinho porno do simpsoncontos por vingança dei pro meu sogrocarmemhotsexo bizarro zoofilia Contos animais e tigresQuando a chupei pela primeira vez minha esposa desmaior contosPau grande e preto no meu c. Conto erotico eterosexual.contoeroticoabusoContos de menage com fotos ilustrativacontos transex fudendo com entregador de pizzaContos eroticos enteada rabudaContos de ninfetas sem calcinhaos simpson em quadrinho sexo gaycontos erotico sendo comida por travestichupanda uma buceta ate ela senti prazer tremendowww.contos dei a bucetinha pro meu tio no incestocontos eróticos de cenoura no cuzinhominha esposa com um garotao megadotado o na praia do pinhocontos eróticos com fotospapai roludo comeu meu cuzinho eu falei ai papaitetraplegico contos eroticosconto erótico corneei com o chefequadrinho porno dos simpisomconto erotico novinho vizinhoultimos conto sadoconto erotico em quadrinhõconto minha mae rabuda e os.....contos eroticos perdi a aposta e me.dei mal