Ejaculando dentro da Inquilina Casada II

Click to this video!


Em resposta aos comentários postados segue a continuação......

E arrancando com o carro, fomos sentido Caraguá novamente, conversando durante todo o trajeto, nos demos bem, Sandra era uma mulher extrovertida, alegre e o papo fluia de forma natural, durante o trajeto fui alisando suas coxas e a rola começou a dar sinal de vida, foi quando ela me perguntou:

- Você vai me deixar onde Ri?

- Vou deixar você na porta da sua casa.

- Você está louco Ricardo? E se alguém ver?

- Não há problemas, ninguém irá ver, fique tranquila, me explica onde é que eu vou.

- Conhece a Prainha?

- Sim.

- Fica na rua da entrada da Prainha.

- Ok

Eram por volta de 13:00hs quando voltávamos em direção à sua casa, meu pau já queria um segundo tempo com aquela gostosa novamente, eu acariciava suas coxas subindo com a mão até sua bucetinha e entre uma manobra e outra dedilhava seu grelinho, o carro estava com aquele cheiro de sexo no ar, fui me excitando novamente e em pouco tempo eu já entrava na rua de sua casa quando perguntei:

- Qual é sua casa?

- Aquela ali, a 3ª depois do prédio, aliás a moto do Carlos está parada na porta ele está em casa, deve ter vindo almoçar com a mamãe....

Após sua casa havia um paredão do prédio, onde encostei meu carro e ela disse assustada:

- Você está louco vai me deixar aqui?

- Deixar não ainda vamos ficar conversando mais um pouco....

- E se alguém sair e se o Carlos me ver?

- Fica tranquila que ninguém vai sair e se ele ver não irá fazer nada com você eu etou aqui com você.

E dizendo isso trouxe-a pra perto e tasquei-lhe um beijaço de língua, enquanto minha mão passeava pelas suas coxas e eu curtia seu gosto, que maravilha de fêmea, percebi que a situação perigosa a excitava novamente e sua mão envolveu meu pau por dentro da bermuda, iniciando uma bela punheta, ora alisando minhas bolas, passando sua mãozinha suave nos ovos alternando para uma punheta, que gostoso. Em certo momento abri a bermuda e saquei o pau pra fora, ela ficou assustada e disse:

- Ri para com isso, estamos praticamente na porta da minha casa, você está indo além de tudo que eu imaginava após ter visto você pela primeira vez....

Sem dar tempo para Sandra pensar na loucura que fazíamos naquele momento, segurei-a pela nuca forçando sua cabeça em direção à minha rola ela ainda tentava relutar mas se entregou, como no dito popular "miséria pouca é bobagem" caiu de boca no cacete deixando a vida conduzir. Enquanto sentia sua boquinha de veludo, sedenta por um caralho, olhava bem para o rostinho de ninfeta de Sandra, dias atrás eu me questionava o poder de uma bela bunda na vida de um homem, que nos torna capaz de jogar tudo pro alto arriscando casamento, filhos e conceito social, por apenas alguns minutos de bombadas de forma animal no rabo da fêmea, eita trem bão como diriam os mineiros. Agora ali a situação se invertia, a fêmea quando excitada, devidamente provocada ela também se arrisca e é o que aconteceu com Sandra, uma mulher casada que procurava um lar para viver uma nova etapa de seu casamento ao lado de seu maridinho, se encontrava ali no banco do carro do proprietário da casa que acabara de ver para alugar, na porta da casa de sua sogra sem calcinha, toda gozada e com um caralho duro na boca fazendo uma bela chupeta para dar prazer ao seu novo macho. Sim Sandra havia acabado de encontrar em seu novo amante tudo aquilo que faltava em seu casamento, um homem sedento de desejo pelo seu corpo, que não ficaria pegando no seu pé e estaria lado a lado em caso de alguma precisão durante a vida. Era tudo que ela queria, agora sim, como fêmea estaria completa e tudo isso alimentava sua fome pela rola que acabara de conhecer e naquele momento queria proporcionar o máximo de prazer ao seu amante para fidelizar aquele cacete em sua vida.

E enquanto isso acontecia, voltamos à realidade com o celular de Sandra tocando, ela assustada me diz:

- E agora atendo ou não atendo? É o Carlos!!!

Olhando no retrovisor vejo Carlos saindo da sua casa com o celular na mão, indo em direção à sua moto, foi quando disse para Sandra:

- Abaixe a cabeça que ele está saindo de sua casa, aproveite e atenda o telefone numa boa.

Nesse momento Sandra atendeu o telefone:

- Oi amor.

- Estou aqui aguardando ser chamada para a entrevista acho que vai dar tudo certo, torça por mim....

Nesse momento não resisti e fui conduzindo sua cabeça para continuar a chupeta em minha rola novamente, pois estava muito excitado com toda aquela situação, ela ainda tentou relutar mas coloquei a cabeça entre seus lábios e ela começou a lamber enquanto Carlos parecia falar algo sobre sua mãe.

- É né amor está complicado mas tomara que dê tudo certo com aquela casa que vimos no sábado para iniciarmos uma nova fase em nossa vida né paixão?

E voltou a chupar gostoso meu caralho, enquanto o marido continuava reclamando de sua mãe em seu ouvido, pelo retrovisor eu observava naquele exato momento em que o corno falava ao celular de costas para o carro em que sua esposa se encontrava gulosamente fazendo uma chupeta, que tesão não aguentei e segurei firme sua cabeça gozando em sua boca e segurando-a fazendo engolir toda minha porra, nesse momento Sandra engasgou e tentou se desvencilhar mas segurei-a firmemente pelos cabelos fazendo a ficar com meu caralho na boca, nesse instante devido ao silêncio no carro era possível ouvir o seu marido no telefone:

- Sandra cadê você? Aconteceu alguma coisa aí?

- Alô!

- Alô!

Nisso peguei o telefone da mão de Sandra e desliguei a ligação, deixando-a terminando de engolir minha gala, sendo que ela brava deu um tapa na minha perna reclamando:

- Po Ri assim vc complica minha vida....

E nisso o telefone toca novamente. era o Corno querendo saber o que tinha acontecido:

- Nossa amor engasguei com uma bala que quase vomitei aqui, nossa.....

E dizendo isso tranquilizou o corninho que conversou mais um pouco e desligou, pelo retrovisor vi quando subiu em sua moto e saiu passando ao lado do carro em que estávamos e nem olhou pro lado. Após ele passar Sandra disse:

- Ri depois dessa não vou dar mais sopa para o azar, vou pra minha casa e depois te ligo para combinarmos sobre o aluguel tá?

- Combinado minha princesa vou aguardar ansioso seu telefonema, a casa está reservada para vocês já, só me avisa o dia direitinho para sentarmos batermos o contrato, ah, traga os documentos e os 03 meses de depósito combinado?

- Tá Ri, deixa eu ir e aproveitar que a rua está deserta. - Disse-me dando um beijo com aquele rostinho faceiro e foi saindo do carro.

Fechou a porta e foi andando rapidamente em direção à sua casa.

Liguei o carro e fui embora pensando como a vida nos proporciona curtos momentos de intenso prazer, momentos que se devidamente aproveitados, com responsabilidade, respeito pelo próximo e muita disposição para curtir uma aventura nos trazem experiências marcantes que nos fazem mais felizes apenas com seus

lampejos em nossas lembranças.

Mulheres solteiras que gostam de um macho casado ou casadas, noivas, amasiadas, companheiras que queiram enviar emails fiquem à vontade


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario liamara

liamara Comentou em 20/09/2011

Otimo, excitante!!! Nota 10, votou nos meus???




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


13750 - Ejaculando dentro da Inquilina Casada I - Categoria: Traição/Corno - Votos: 17
13752 - Leitora Casada e a Corneada Virtual - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13797 - Ejaculando dentro da Inquilina Casada III - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
13798 - Comendo a Vizinha Casada à Força! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
13799 - Quebrada de Cabaço da Sobrinha de Minha Mulher! - Categoria: Incesto - Votos: 5
13800 - Comendo o rabo de minha sogra na marra!!! - Categoria: Incesto - Votos: 9
13866 - GOZANDO DENTRO DA MULHER DO CUNHADO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
13867 - Comendo a Inquilina Casada na Cama do Casal - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
13899 - Mulher do Cunhado engolindo meu Esperma. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
14043 - Jéssica me pagando o aluguel com a bunda! - Categoria: Fetiches - Votos: 3
51755 - O marido entregou a esposa de xoxota apertadinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13

Ficha do conto

Foto Perfil ricardãocaraguá
ricardaocaragua

Nome do conto:
Ejaculando dentro da Inquilina Casada II

Codigo do conto:
13751

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
14/09/2011

Quant.de Votos:
9

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos eroticos comendo deficiente mental gayconto erotico formaturaconto erotico namorada praiaArregaçando cu.com/sadomazoquismo/fisting.conto erotico fudendo meu maridocontos erotico com cavaloConto erótico dp na bucetaquadrinhopornotraicaoContos com fotos de negões gozando dentro das bucetas das vovozinhasporno quadrinho engraçadocontos veridico minha mulher trepando com um caminhoneiro bem dotadoquero ver cabacinnha gemer de tesaosendohomem+nu+da+cintura+para+baixoContos eroticos sendo domada por um, rapaz ai ui ohultimos contos sadomazoquistaGay picas grandes quadrinhoconto sexo casada 1° foi com meu cunhadoconto sexo na entrevistaTalisson gemendocontos eroticos gay meu pai de vinte e dois anos bebado comeu meu cu quando eu tinha oito anosconto de incesto deixei minha filha de 10 da para o meu maridoRelato de cornos submissowww contos eroticos nao acrediteiConto porno meu marido me apresentou seu amigo do pau grandeconto erotico coroa do interiorlucia e arthur hentaicontos eroticos barbeiro cortando cabelo de mulherchanas de presidente prudente -sp bucetaspornohup irmaos novinho virgemquadrinho porno de futebolesposa se soltando no churrasco em casa contoConto gay novinho provocando o pastor da igrejanovinha de shot de cota transandoContos eu nao sabia bate punhetanegrosbundudosver conto erotico sobre animais diferentepono gay. de homens taxetaconto erotico de gay sendo fodido no matoputaarrombadacontocomendo a cunhada e fazendo ela gozar duas vezes no banheiroxvideo.comduas traveti negra batendo ponhetacontos pai estrupa e rasga cu de filho pequenoconto de sexo aventura. de cornoa namorada do meu filho conto eroticowww.contoerotico.meu pai mim trasformou em mulhercontos de incestos chupando a bucetinha da filhinha ainda bebebrasileira casada noviha draido seu marido aida da o cu apedadihoporno transando com a sogra gordaFilhinha provocando papai conto erotecoMeus tios fodia minha mãe. Conto erotico heterosexual.ultimos contos sadoConto eroticos papakucontos eroticos comi minha cunhada junto com meu sogrocontos eróticos de mulheres de Alenquerdeflorando anoiva no motel com varia garotas pornoMeu vizinho me fudeu no jardim contos eroticos de gaysContos eroticos de perda de virgindade incestocontos eróticos vovó caminhoneiro gaycorno manso mulherConto erotico vizinha gravidahttp://googleweblight.com/?lite_url=http://mozto.ru/conto/95685/939183/meu-pai-drasto-e-seu-amigo-me-arrombaram-bucetinha-e-cuzinho-sexo-e-.html&ei=exFXbCkX&lc=pt-BR&s=1&m=760&host=www.google.com.br&ts=1501566570&sig=ALNZjWmzc2juN0pGPn3tyvUz2eMAMYXD6gConto eroti o bundao da avo bebadacontos+casada+traindo+com+estoria+em+gradrinhoputas de moz sem camisinhacontos erotico icesto calca lelggConto erotico samadoquista quando eu extrupei minha mãe vó irmã filha tiaquadrinho erótico foda gostosa com a mamãe no zoológicocontos eroticos guardetes noturna trepandofilhaputacontoliga da justiça quadrinhos de sexo