Lúcia, minha amante.

Click to this video!


Lúcia é uma mulher linda, dotada de um corpo escultural, narizinho arrebitado, sorriso encantador e muito sensual. Ela sabe que é gostosa e vive provocando. Mas o que eu não podia imaginar era que, no esplendor de seus 20 anos, um dia ela pudesse cair na minha, pois já passei dos 40. Embora bastante conservado, não poderia me considerar páreo para seus muitos admiradores mais jovens da faculdade. Ainda mais que ela era filha de um grande amigo e essa condição era mais um complicador para nosso relacionamento. Eu estava disposto em me contentar apenas em cobiçar aquela gostosura de garota. Mas o destino me foi supercamarada e abriu o caminho do coração dela quando fui passar um final de semana na casa da praia do pai dela. Era um final da tarde de uma sexta-feira quando encontrei Lúcia vestida com um minúsculo biquíni, sozinha, tomando sol. Seus pais deveriam chegar com outros amigos no início da noite, mas um imprevisto adiou a viagem deles para a manhã do sábado.
Sem eles, não haveria jantar naquela noite, pois a mãe dela sempre se encarregou disso, avisou Lúcia. Sugeri a ela que saíssemos para jantar num restaurante. Decididamente, os astros estavam do meu lado. Conversamos animadamente durante o jantar. Apesar da pouca idade, Lúcia era uma garota bem culta e madura. Saímos para dar uma volta e nosso papo estava tão agradável que ficamos na praia até a madrugada. Voltamos à casa, mas Lúcia disse que não estava com um pingo de sono e gostaria de continuar conversando. Foi a deixa. Pedi a ela que esperasse um minuto, pois iria preparar um drinque na cozinha. Um litro de vodca e alguns limões foram suficientes para o preparo de uma deliciosa caipirinha capaz de incendiar aquele vulcão de mulher.
Ao voltar para a sala, Lúcia já havia tomado um banho refrescante e vestido uma bermuda e um camisão. Demos continuidade ao papo. Havia no ar um clima de muito tesão, mas estava difícil quebrar o gelo. Eu não queria forçar a barra para não pôr tudo a perder. Depois de muitas piadas e algumas caipirinhas, decidi ir dormir porque percebi que ela não cederia tão fácil como imaginei. Mas a sorte parece que brinca com a gente. Quando tem de rolar alguma coisa, não precisamos forçar a barra, porque tudo acontece. Fui para um dos quartos de hóspedes e fiquei esperando a chegada de Lúcia, que disse que me levaria uma jarra de água até o quarto.
Deitei-me vestindo apenas um calção de pijama. Ela acendeu a luz, veio até a beirada da cama e se sentou. Voltou a conversar comigo, não demonstrando disposição nenhuma de sair do quarto. Quando dei corda, só de sacanagem ela fez que iria se retirar. Mas, antes, perguntou-me se eu precisava de mais alguma coisa. "Posso fazer mais por você", disse, com um sorriso malicioso nos lábios. Arrisquei todas as minhas fichas e respondi: "Quem sabe, você pode me ajudar mesmo..." Lúcia sorriu, sem esconder certa curiosidade. "Não esqueça de fechar a porta, por favor", eu disse, em tom de brincadeira, pois se ela não entendesse a mensagem iria embora sem se sentir ofendida. Lúcia foi até a porta e passou a chave (embora fosse desnecessário, já que estávamos sós), deixando claro que estava a fim de alguma coisa comigo. Ao voltar à cama, disse a ela, decidido: "Agora solte os cabelos e abra os botões do camisão bem devagar". Lúcia deixou os cabelos longos caírem sobre os ombros e foi abrindo um a um os botões. Como estava sem sutiã, fiquei me deliciando com os olhos o vale e as curvas deliciosas dos seus seios. Passei a mão no meu cacete, que já começava a armar a barraca, e sugeri que tirasse o camisão de uma vez. Os cabelos longos dela cobriam uma boa porção dos seios fartos. Mesmo assim dava para ver ainda seus mamilos salientes.
Minha vontade era me levantar e agarrá-la, mas resolvi jogar seu jogo um pouco mais. "Tire a bermuda que eu quero ver um pouco mais do seu docinho", acrescentei, puxando-a pela mão para mais perto de mim. Lúcia soltou o fecho da bermuda e desceu o zíper lentamente, fazendo aparecer aos poucos sua calcinha.
A esta altura, ela estava completamente envolvida na brincadeira erótica e mergulhada num verdadeiro tesão. "Agora tire a calcinha que eu quero ver a marca do biquíni na sua bundinha", pedi-lhe.
"A calcinha, eu não tiro. Minha mãe disse que moça de família não dorme sem ela...", recusou-se, embora não me convencesse. A expressão dela sugeria que aquilo tudo era provocação e ela estava curtindo. "Tire a calcinha, senão eu lhe dou umas palmadas, sua galinha sapeca", ordenei, levantando minha voz. Lúcia me "desafiou" respondendo que preferia levar muitas palmadas a tirar a calcinha. A intenção dela parecia iniciar um ritual de sexo nunca antes experimentado. "Então deite-se aqui, sua ninfeta desobediente...", disse-lhe como um pai bravo. Lúcia deitou-se na cama, acomodou a cabeça em cima de minha coxa e próxima do meu cacete duro, oferecendo sua bundinha arrebitada. Dei-lhe umas palmadas. Lúcia gemeu baixinho. Ela estava gostando e querendo cada vez mais. "Não pare de bater que eu tiro a calcinha e serei toda sua para o que você quiser, meu gostoso..."
Antes que dissesse algo, Lúcia abaixou a calcinha, que ficou enroscada no meio das coxas. Que traseiro lindo, tão lindo que não merecia mais palmadas! Minha vontade foi beijar, chupar, meter minha pica dentro dele. Mas quando parei, deslumbrado com aquela bundinha, ela reclamou e exigiu que eu continuasse. Foi com minhas palmadas, cada vez mais fortes, que ela acabou gozando.
Seu corpo estremeceu todo e caiu relaxado no meu colo.
Tão logo ela se deitou de bruços na cama, aproveitei para libertar meu mastro, que estava quase explodindo, e atirei-me por cima dela. Passei a beijar as costas dela, mordi a pele macia e acariciei as nádegas, o rego, até chegar à xoxotinha, completamente ensopada. Excitadíssima, Lúcia se virou e me puxou para cima dela. Ela tocou meus lábios com os seus e esticou a mão para ajeitar o cacete na entrada da xota, dizendo que queria me fazer gozar bem gostoso para retribuir o prazer que eu a havia feito sentir. Ela parecia estar no paraíso, me apertava e gritava toda vez que meu pinto batia fundo na sua boceta. Fiz com que ela gozasse duas vezes antes de derramar minha porra quente em seu útero.
Lúcia escapou de mim e veio chupar o caralho, para recolher o leite que ainda restava nele. Terminada a tarefa, Lúcia virou o rostinho para mim e disse que tinha uma história para contar. Ela comentou que não sabia por que, mas, quando levava uma surra da mãe, sentia um puta tesão e a mesma sensação experimentara quando lhe dei as palmadas.
Tomamos um banho e voltamos para a cama. Como ela estava disposta a retomar a farra, pedi-lhe que pegasse um creme qualquer e passasse em meu corpo, especialmente no cacete. Lúcia quis saber a razão. Respondi-lhe que iria meter no cuzinho de uma gatinha muito levada. Lúcia caprichou na lubrificação, mas, na hora de ficar de quatro, recusou. Queria fazer charme para levar algumas... Palmadas.
Fui obrigado a recorrer à nova sessão de palmadas. Foi assim que a coisa pegou fogo. Lúcia gemia com meus tapas e olhava para trás, tentando ver o mastro que começava a invadir seu rabinho. Ela gemia, suava, esperneava de tesão. Iniciei um vaivém cadenciado que nos levou a um gozo simultâneo. Enchi o cozinho de porra, que logo começou a escorrer pelas pernas dela. Lúcia tombou para o lado, exausta, e nos adormecemos. Só nos despertamos quando ouvimos o barulho do carro do pai dela estacionando na garagem. Eles não perceberam nada. Aliás, nem foram nos acordar.
O problema foi a tortura por que passamos depois, quando a gente se limitou apenas à troca discreta de olhares. O tesão era grande, o desejo era o de foder o dia inteiro, mas com a companhia dos pais e vários amigos... Mas na noite do dia seguinte, logo depois do jantar, ela veio conversar comigo, aparentemente conformada: "Vamos repetir a dose quando voltarmos a São Paulo?", disse. "Claro que sim. Só se você não quiser...", respondi. "Só que eu não vou aguentar esperar. Quando você for para seu quarto, não passe a chave na porta, porque vou fazer uma visita mais tarde...", surpreendeu-me ela, com olhos de gata no cio.
Fui para o quarto e deitei-me nu sob o lençol, batendo uma leve punheta. Lúcia apareceu na ponta dos pés, trancou a porta com a chave, caminhou até a cama e passou a mão na rola por cima do lençol. "É assim que eu gosto...", disse. Tirou a camisolinha e deitou-se ao meu lado. Não foi uma noite de foda barulhenta, mas nos divertirmos e gozamos muito.
Lúcia e eu continuamos saindo às escondidas durante vários meses. Nosso relacionamento foi interrompido quando seu pai foi transferido pela empresa para uma outra cidade e nunca mais nos vimos. Quem sabe um dia ela volte e possamos matar a saudade.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario ayeska

ayeska Comentou em 22/04/2011

Hummmm deliciaaaaa....mas não a Lúcia rsrs Vou postar esse? Posso??? Diz que simm? Diz...? Bjs doces carinhosos!!




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


5886 - Banquete de lagostas - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
11157 - A ex do bi e seus pezinhos, suas coxinhas, perninh - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11158 - O tiozinho me pegou de jeito - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11159 - Bunda e boca pro cunhado. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11160 - Cu de mulher de bêbado não tem dono. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11161 - Um Banquete Requintado - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11163 - Solidão nunca mais. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11164 - Zonzinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11166 - A Calipígia' - Categoria: Fetiches - Votos: 3
11170 - Crentinha Virgem - Categoria: Virgens - Votos: 6
11178 - Reencontrando o titio que ja tinha me enrabado. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11185 - A coisa e o último cabaço. - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11192 - Preto na branca por Jasmina - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11206 - Um caso de amor em Miami - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11217 - A Salvação. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11220 - Pro meu corninho por Elaine - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11222 - Desempregado - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11240 - O pai do namorado por Morena - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11253 - Os Pintores por Elaine - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 7
11257 - Minha primeira trepada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11262 - Promovida por Izabelle - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
11273 - Dá pra mim? - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11289 - Profundo - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11291 - Tiro pela Culatra. Escrito por Sílvia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11303 - Tia Nina. Minha primeira vez. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11304 - Enrabada e Feliz - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
11307 - Por trás é melhor - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11308 - Na Bunda da Priminha Inocente - Categoria: Fetiches - Votos: 10
11309 - Namoro Anal Atrás do Sofá - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11319 - Um ex-namorado por Elaine - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11322 - Lembranças... - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11324 - Traindo meu noivo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11348 - Fantasma por Mel - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11351 - Chamou Até Pela Santa - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11360 - Uma vizinha reprimida - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11370 - Alvo Errado - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11379 - Momento de Loucura - Paula - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11385 - Por trás, dói? - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11387 - Jovem Casada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
11395 - Um Cunhado Maduro - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11402 - Rosca sem fim por Teresa Silva - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11404 - Enrabada pelo cunhado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11406 - Dê e seu respeitável bumbunzinho. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11409 - Dominador de fêmea - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11421 - Negócios por Lana - Porto Alegre RS - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11423 - Desvirginado pela vizinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11431 - "Judeiei" - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11439 - Madura seduzindo e sendo seduzida por um garoto - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11446 - A bunda de Carla - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11448 - Dani mulher do meu melhor amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11460 - O Rabinho da Crente. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11461 - Meu tio começou pelo rabinho... por Sara - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11465 - Tara por aquilo preto - escrito por Solange - Categoria: Interrraciais - Votos: 5
11473 - A Pintadinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11489 - Seduzindo um coroa por SexyGirl - Categoria: Coroas - Votos: 4
11491 - A primeira namorada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11504 - Prazer e remorso por Ângela - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11518 - Titia tesuda por Helena - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11523 - Motel Sobre Rodas por Praiana - Categoria: Fetiches - Votos: 3
11540 - Samira - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
11548 - Priminho Selvagem - Dandara - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11553 - Não dou... Não dou... - Categoria: Virgens - Votos: 8
11568 - Paixão "bundal" - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11578 - Minha irmã não deu, eu dei... por Rebecca - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11581 - Corneando o namorado doentinho com um homem mais v - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11582 - Viciei no anal - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11593 - Amizade Antiga - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11594 - Preferência Nacional - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11600 - A Noivinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11603 - Vida de Casada. Escrito por Joana - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11607 - A colegial que levou pau - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11614 - Curso de Férias por Tatiana - Categoria: Virgens - Votos: 5
11618 - Dando o troco e lucrando... Por Apaixonada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11624 - Adorável Ruth - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11632 - A Negra - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11635 - O Ponto C - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11650 - Bom te ver.. "São as águas de março..." - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11661 - A mulher do juiz - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11679 - Férias do Namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11682 - Um anal inesquecível por Dayane - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11702 - Só fez o que quis por Mazinho - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11704 - Livre para voar por Mulher Ardente. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11729 - Só na frenta não por Mary Lindinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11735 - João Jumento - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11760 - Só atrás - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11764 - A magrelinha segurou o tranco - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11771 - Caricatura por Gerson - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11778 - Casamento em crise por Elaine - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11783 - A massagem erótica por Paula - Categoria: Virgens - Votos: 4
11794 - Arrombamento e tanto por Márcia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11808 - Rosquinha, leite e chocolate por Fabi - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11811 - Os olhos vagos de Maria Rita - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11820 - Dívidas de uma vizinha safada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11826 - O Dominador - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 4
11850 - O salvador da pátria por Márcia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11881 - A aposta de Cidinha - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
11893 - A Menina do Banheiro do Colégio - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11926 - Comida na fazenda por Mariana Frejat - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 4
11943 - Familiar - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11956 - Fazendo o que ele quer por Veridiana - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11981 - Iniciando a prima - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12012 - Tapas. beijos e muito mais... - Categoria: Fetiches - Votos: 4
12015 - Arrebitada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12027 - Tesão no rabinho de Alice. - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12032 - Santa por fora, diaba por dentro por Rosana - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12037 - O valor da experiência - Categoria: Coroas - Votos: 4
12060 - Um traseirinho gostoso - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12079 - Papai e mamãe... E cunhada! - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12080 - O pai do namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12092 - Titio por Clarice - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12103 - Telma e seu maravilhoso rabo. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12107 - Escravos do prazer por João - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12118 - Começou no ônibus por Quel Pastor - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12135 - Traí meu marido sem querer querendo... por Rita - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
12139 - Fetichismo em alto estilo - Categoria: Fetiches - Votos: 4
12146 - O lobo rural por Leninha - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12162 - Minhas Férias na Praia por Mariana - Categoria: Fetiches - Votos: 5
12168 - Primeira enrabada por Carol - Categoria: Coroas - Votos: 4
12172 - Mulher do meu amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12174 - Intimado a virar Ricardão - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12175 - O velho que satisfaz por Darlene - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12181 - Anal com Christina por Rogério - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12190 - O negão me rasgou por Flor - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12193 - Enrabada pelo inspetor - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12196 - Garoto mamado - Gil - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12210 - A Empregada Crente - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12212 - Gostosa por Maria M. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12268 - Aventuras de uma balzaquiana - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12288 - Macho negro por Verinha Loura - Categoria: Interrraciais - Votos: 1
12291 - A garotada do prédio por Joyce - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12293 - Viagem de sexo e prazer por Inês - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12304 - Reencontro - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12333 - Chifre a domicílio por Ruiva - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12382 - Literaturas - Categoria: Virgens - Votos: 3
12487 - Um rasgo de audácia - Categoria: Fetiches - Votos: 1
12490 - Uma vizinha. Uma bundinha... - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12498 - Seu eu deixo? Deixo sim... por Bundinha Gostosa - Categoria: Virgens - Votos: 3
12513 - Questão de tempo... Cuspinho! - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12541 - Bundas - O começo do vício - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12551 - Amante Gostosão por Aninha de São Paulo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12605 - Brindadeira de casamento por D., Pirassununga - SP - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12612 - Mudança radical por Norma - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12651 - Férias Maravilhosas por Irene - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
12659 - Verão Proibido - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12680 - Enquanto dormia o maridão - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
12846 - Meu sogrão por Gilda - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
13010 - Grupo de estudos sexuais por Louraça - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
13326 - Noivinha sacana do meu amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
13358 - Sexo anal é muito bom por Rosa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13359 - Cur virgem no puteiro - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
13368 - Ao mestre o rabinho - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
13400 - Faculdades anais por Melissa - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
13564 - A Lolita da Van - Categoria: Virgens - Votos: 5
13574 - Tesão na dança de salão por Cláudia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13971 - Sob o domínio do anal. Quebrando promessa! - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
13996 - Transa no clube por Morena Gostosa - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
13997 - Dei a bundinha e adorei, mas o cara... por Julie - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
13998 - Finalmente... por Marcela - Categoria: Virgens - Votos: 2
14121 - A baixinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 0
14172 - Se minha cozinha falasse - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
15842 - Sustos - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
16580 - Putinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
16778 - O primeiro de uma série. - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
23558 - Adoro garotos por Maria - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
38735 - O cozinheiro cuzinheiro. - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
38736 - A mandona. - Categoria: Fetiches - Votos: 0
43530 - A bundinha mais bonita da minha vida. Por Biel - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
49669 - O "rabinho" - Categoria: Interrraciais - Votos: 3

Ficha do conto

Foto Perfil rela210223
ni.

Nome do conto:
Lúcia, minha amante.

Codigo do conto:
12262

Categoria:
Sadomasoquismo

Data da Publicação:
18/04/2011

Quant.de Votos:
3

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


Quadrinhos incesto mãe real gostosaXXvídeos tirou a calcinha dela de lado e fodeu sua bucetinha apertadinhaconto gay ui caguei no paumulher d moz urinar xvideocomercuegostosoRelatos eroticos: o espancamento de minha mulherMeu marido fudendo com a comadre na minha frente conto eroticoFZIOKaV03vm6GImXosofV3contos nao sei quem pai gravidahorney+motherd+xxxconto erotico gay com pai e irmaocontos eroticos comendo deficiente mental gayestourando as pregas contos eroticosconto. eroticopegando cunhadaporno gay josman meu selvagem e atrevido filhocontocasadasafadapolicial feminina contos eroticosconto erotico de padrinhoporno freira o'malleyporno gay quadrinho mozto ruele pegou minha mamae quadrinoeroticoContos vereadora deu o cu pra mim.conto erotico estupro em trenzinho a tresa prima safada desenho pornoconto titiocomeu meu cuConto erotico pica de 28 na molequinhasminha mulher contou que ficou com a buceta arrombada em floripaconto erotico de mulher que transou com negao do paul grandContos eroticos de novinhaskomik hentai miftoon mama afterCuchano no cu fasendo elas gosarultimos contos sadosenrei no pau de meu filho sem qerer e senti as bola contoscunhada tava lavando lousa e cunhado começar a alisa ela sozinha em casa e diz o marido sexo realHENTAI DE UMA MÃE QUE FOI NO SUPERMERCADO E QUANDO VOLTO VIU O SEU FILHO PELADO E TRNSOU COM ELEconto erotico vigilante noturno heterocontos negro gosando na minha esposacontos gay gostoso do tinder ele:quadrinhos zooskoolcosta cunha@ hotmail.frquadradinho erotico incesto COM HUMORConto erótico pagando aposta do filhovovô chuupando netinhoconto erotico de fudendo bucetuda grundandoas molhadinhana praia xivideocontos eroticos gay forçadogêmeospornocontossafadinha contoA menininha da rua contos eroticosconto erotico incesto tio e sobrinhagibis pornoconto erótico o marido da minha filha mim comeu e minha filha participoucache:melhor amigo conto eróticocontos eroticos meu pai e eu nos amamos em segredo e engravidei delevirei mulher no carnaval contoconto primeira suruba com minha esposaQuadrinho porno estrupadagrelos. gigantes ativoscontos erotico com veterinariaConto eroticos mamar gulosa mamando no pauzao do filho e de mais seis amigos negao dele em gang bangConto erotico minhas irmas llllCONTO EROTICO HOME FUDENDO CADELAxvidio homem come uma mulher com um cinturao com burachudo e acaba levando no cuconto sobrinho mamar na tiacontos eroticos minha sogra e minha empregadacasada recatada no swing contos veridicos...contos eroticos gays com vaqueirosiaty com mae e filha dano o cu pai ve tudo pornoconto o enfermeiro gaycontos com fotos de cornos mansinhocontos eroticos sozinha em casa com o pepino e meu cachorroquadrinhos porno gay virgemme tornei mulher pelada dançando noContos eróticos de inces entre mâe e filho com fotoconto de porno de menina com padrasto