Afilhada profissional do sexo parte 2

Click to this video!


Como vai no conto anterior eu e minha afilhada estavamos na minha casa justamente na cama do meu quarto onde eu já estava pronto para colocar meu pau na sua xoxotinha virgem quando minha mulher chegou mas cedo do emprego(que é no hospital aqui de São Luis-MA) e a zorrar foi doida. - Alam o que significa isso na minha casa? Vc e sua afilhada na minha cama fazendo safadeza? eu vou contar para a mãe dela que além de ser minha colega de trabalho é sua cumade seu tarado safado.( nesse momento minha mulher se vira para a gostosa da minha afilhada) - E vc sua putinha não tem vergonha? Vou falar primeiro para o seu pai e vai ser agora mesmo.( direpente minha afilhada que estava sentada na cama só ouvindo tudo se levanta e fala em tom forte e alta pra minha mulher). - Pois var e conte tudo para o meu pai que eu coloco na internet o video da foda louca da senhora com o meu PAI!! (minha mulher ficou parada no tempo e eu fiquei mais surpresso do que quando ela me agarrou com a minha afilhada mas logo procurei respostas) - O que? Que filme? - Padrinho lembra quando eu te disse para vc deixar eu fazer massagem em vc? E que eu ia fazer a mesma coisa que vi uma mulher fazer no meu pai? - Sim (respondi) - A tal mulher é ela padrinho. A sua esposa trepa com meu pai todas as noite que ela e mamãe vão para o hospital, só que ela sai mas cedo que mamãe e vai fuder com o papai lá em casa eles pensam que eu to dormino mas eu olho tudo e é porisso que resolvi perder minha virgindade com o senhor padrinho. Gente o que aconteceu depois de eu ter ouvido tudo foi o seguinte: mandei minha afilhada pra casa e que depois iriamos continuar a tranza. Minha mulher confirmou tudo e pergutou o que eu ia fazer. Minha vontade era de bater nela mas como eu já tinha traido ela varias vezes e com amigas e até mesmo amigos dela( conto em outra oportunidade) ressouvir dar uma trepada com ela e combinei que ia usar-la para dar o troco no meu compade em dose dupla - mulher vc vai me ajudar para que além da filha dele que é minha afilhada eu quero tranzar com minha comade. No outro dia minha mulher vou trabalhar e eu liguei pra minha afilhada que não demorou a entrar na minha casa. - Oi padrinho gostosa! - venha aqui minha menina quero lamber essa xoxotinha antes de arrancar o cabaço. Ela ficou em pé e eu abaixado entre as penas dela lambendo sua xoxota depois coloquei ela na cama de perna aberta e meti meu pau. Mesmo sntindo que tava apertado percebi que não tinha nenhum cabaço ali. Mas não parei e continuei o movimento de vai e vem. Depois coloquei ela de boi e continuei a menter meu pau com força que ela gritava e gemia gostoso ( vai padrinho mete esse caralho com força no meu xiri, vai porra não tenha pena da sua afilhada putinha mete mesmo com vontade) e já tava pronto para gozar quando olhei novamente para o cuzinho dela e tirei o meu pau do xiri e antes que ela percebesse o que eu ia fazer enviei meu pau no cuzinho dela e ela gritou: caralho!porra! Ai que dor gostosa! Vai padrinho gostoso mete esse pau todo dentro do meu cu. E assim fiz e gozei loucamente dentro do cuzinho dela. Alguns minutos depois que agente tomou um banho junto resolvir perguntar a respeito da virgindade. - minha menina vc me disse que era virgem, mas mesmo sentindo tua xoxota apertada percebi que vc não era virgem po que vc mentiu para mi? - Padrinho eu não mentir eu era virgem até ontem. - E quem foi o cara que tirou tua vingidade ontem? - Por favor padrinho vou contar por senhor pois sei que vc não fala pra outras pessoas. - Tudo bem minha menina conta. - Ontem meu pai chegou bebado a noite em casa e estava esperando tua esposa lá em casa com as luzes apagadas e como ela não apareceu ele dormiu no sófa eu tentei acordar ele e derepente ele me beijou na boca e depois tirou minha roupa me chamando pelo nome de sua mulher e antes que eu reagisse ele enfiou o pau no meu xiri. E assim foi até ele gozar depois caiu novamente no sonho deitando no chão e eu me deitei ao seu lado nuazinha e realizada. Mas tarde ainda de madrugada eu sentir sua boca na minha xoxota e pra minha surpressa ele falou meu nome e eu fiz que estava dormino e ele abriu mas minha pernas e meteu novamente seui pau eu não abri os olhos e gemia silencioso para ouvi o que ele dizia. - E o que ele falava? - Minha filha gostosa e safada eu sei que vc tar acordada e tar gostando. ( PUTA QUE PARIU 2 x 0 para o meu compade. Mas ele me paga pois vou comer a esposa dele a minha comade. Aguardem

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


11848 - Afilhada profissional no sexo - Categoria: Incesto - Votos: 2

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico alan kardeck kk

Nome do conto:
Afilhada profissional do sexo parte 2

Codigo do conto:
11987

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
25/03/2011

Quant.de Votos:
1

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


Contos eróticos, papai me levou para praiacontoeroticodfshow completo gogoboy paucontos sexuais minha esposa na baladaliga dá justiça pornôcontos eroticos de um pauzudo com minha esposaconfissoes e relatos swing brasilhistoria erotica minha mulher deu cu para nosso cazeiro parte2cõntos eroticos viado encoxado na conduçoconto erotico um rasgo de audacianegra viciada em porra na gargantacontos eroticos pai gostosocontos de incesto mãe ensinando filha a da bucetinha na infânciaconto erotico desenhi despedidaConto erotico 2016, incesto mae japa mijou de tesaocasadas quadrinhos interracial pornovideos porno amadora fiz minha prima dos labios carnudos mim mamarconto erotico velho menina lavanderiaQuadrinho erotico me apaixonei por um inquilinoultimos contos sadodei pro meu irmao contoquadrinhos eroticos estupradas na marragozando muito no trem contosnovinha sendo estrupada rasgando toda no c****** de rodelasContos eroticos Transa de reconsiliação forçadatia peladaCu arregaçado.com/sadomazoquismo.contos eroticos perdi a aposta e dei o cuConto erotico cornoContos gay pau pequenoconto de não aguentei a pica grande de meu avôGay picas grandes quadrinho50 sentimetro de pica rasgando a buseta da insestecontos de casadas que gosta negaoconto porno virei a vadia humilhada do vizinho cruelcontos eroticos escada prediofilha mostra a buceta pro pai conto ilustradocontos eroticos coroa dando gostoso p 2novinhosConto erotico de gravidacontoeroticodfConto eroutico espora come maridocontos de foda com primos novinhos de pique escondecontos erotico tano pra negaocontos veridico de incesto tirando o cabaco do cunhadinho bem dotadoConto anal Arrombada por pirocoesconto erotico gay arrombadominha esposa soninha e o velho roludo contos eroticosloirinha de sainha curta e assediada e estuprada no onibusconto erotico gabrielamae tirando cabaco de filhocontos eróticos incesto irmã e namoradahistorias em quadrinhos pornograficmeu pai veio mevizitar e dei pra ele contopornô contos erótico minha mulher gosta de chupa meu pau em encanto dar o cuconto erotico gay mecanicoconto erotico confudiu minha amiga comigoconto erotico castigado meu irmaoultimos contos sadoÇonto chupei o grelo da minha tia casadaQuadrinhoseroticosirmasporno em quadrinhos de negao e loirarelatos sexuais feminino casais jogando strip pokerbeatle pornô bunda grande e de bruçosQuadradinho erotico conto 2006 conto erotico estou arrasadaConto erotico gay rasgaran meu cuContos eróticos de norasexo gay pirataconto erotico arib jrlevei no cu pagando um bola gato contos eroticos