A ex do bi e seus pezinhos, suas coxinhas, perninh

Click to this video!


Na época tinha um cara que trampava comigo, era baixo, mas todo descolado, usava chapéu, calças e camisas sempre bem largas e uns óculos estranhos, interessava-se por pintura, artes plásticas e teatro, era uma figura peculiar e bastante afetada.
Percebemos rápido que o Julinho era gay e ele não só não fazia questão alguma de desmentir, mas até para alguns que trabalhavam na mesma seção dele até assumia o fato.
Mas algo estranho aconteceu, falava-se a boca pequena que Julinho estava namorando a Cláudia, a Cacau, uma baixinha de rosto comum, de 20 aninhos, até gostosinha, pernudinha, tinha uns pezinhos lindos, uns peitos pequenos e firmes e uma bundinha bem razoável.
Passou o tempo e vida que seguiu. Até que um dia Julinho comentava sobre suas aventuras homoeróticas e aí foi a chance pra que eu perguntasse:
­ Bem... A gente sabe que você é gay, mas é completamente gay?
­ Nada, eu já usei aqui na frente - Disse rindo Julinho e completou - Você acha que eu fiquei todo aquele tempo com a Cacau e nada? Transamos bastante e eu funcionava direitinho...
Aí eu argumentei:
­ Então você não é gay, é bissexual...
Ele concordou:
­ Eu nem sabia que funcionava... Uma vez tentando pôr na bundinha dela ela reclamava e dizia que doía e eu só pensava comigo: “Sei que dói...”
Rimos pra caralho disso. Estranhei demais, eu tinha bastante dificuldade pra entender como alguém poderia ser bissexual.
Mas aquele papo despertou outra curiosidade em mim. Passei a enxergar a Cacau com olhos diferentes, ela não era exatamente do tipo que me agradava, era muito baixinha e também muito nova pro meu gosto. Só que agora era ela passar que eu imaginava como seria ter aquela baixinha à disposição, a história do Julinho me deixou curioso demais.
Eu também não tinha exatamente o tipo que a agradasse, não sou e nem pareço gay e não tenho nada de exótico ou fashion, tinha à época 32 anos, 1m76, 72 kg., sou negro, embora não um negro retinto e me vestia de forma absolutamente comum. E por isso não tinha a mínima idéia de como me aproximaria da Cacau.
Bem... Eu não deixaria de tentar. Se não desse certo ela não seria a primeira que me dera tesão e eu não comera, muito pelo contrário até... HEHEHEHEHE!!!
Como disse a menina tinha uns pés bem pequenos e bonitinhos que me agradavam muito, parti daí, uma vez sentei-me na cadeira a seu lado e comecei a elogiar:
­ Cacau, me deixa ver seu pezinho... Ele é absolutamente lindo. - E eu estava sendo sincero, realmente aquele pezinho me agradava muito...
­ Mas eu tenho até joanete...
­ Joanete? Onde? Será que foi a joanete que deixou esses pés tesudinhos assim? – Arrisquei. Aí ela colocou aquela obra de arte em forma de pezinho no meu colo pra que eu visse a joanete, claro eu não consegui ver em nenhum dos dois tesõezinhos de pés...
Foi o que bastou pra despertar de vez o tesão que eu tinha pela menina.
Ficamos nesse clima durante tempos, eu elogiando o pezinho dela, ela mexendo comigo, mas quando eu chegava mais forte ela refugava.
Acabei desistindo.
Outra menina, mais alta, mais velha e muito mais a meu gosto entrou na empresa e começamos com aqueles jogos de sedução, pra passarmos a namorados demorou pouco...
Um dia quando passava próximo da mesa da Cacau, ela me pediu pra sentar ao lado e disse:
­ Pena que você não liga mais pra mim depois que a menina da tesouraria chegou aqui...
Meio sem saber o que dizer, sentei a seu lado e respondi:
­ Não á assim não, ainda continuo tarado pelo seu belo pezinho... - E ri.
Então ela lamentou:
­ Meus pezinhos rejeitados pro você estão cansados. Me faz uma massagem? - E pôs aqueles pés tesudinhos no meu colo.
Fiz a tal massagem, a proximidade dos pés no meu pau tiveram um efeito devastador, o pau endureceu rapidinho e eu, aproveitando que ela estava de saia e não tinha ninguém por perto subi a mão pelas perninhas e coxinhas gostosinhas dela, ela fez-se de desentendida e deixou, antes que aparecesse alguém, retirei a mão, aí ela disse:
­ Pensei que você não ligasse mais pra mim... Gostei da massagem, acho que você não se esqueceu do meu pezinho não! Aliás, vi que o pé da menina da tesouraria não é nada parecido com o meu!
Dei uma risada nervosa e segui... Não consegui disfarçar que aquilo me fez muito bem, deu uma paudurescência gostosa e reacendeu a vontade de comer aquela baixinha...
Só que agora eu tinha uma namorada próxima, Lúcia, “a menina da tesouraria”, e ela era bem gostosa também aliás, me agradava fisicamente mais que a Cacau, só que a coisa com a Lúcia teria que ser com mais calma.
Depois foi um tal da Cacau me telefonar pra dizer besteiras - ligava e dizia chamar-se Jô, de Joanete - e eu vivia massageando aqueles pezinhos, coxinhas, perninhas e bundinha sempre e distraidamente ela também vivia esquecendo a mão no meu pau, parando na minha frente no elevador e passando sempre por mim pelos caminhos mais estreitos...
Eu não sabia bem o que fazer, tinha alguma sorte pois trabalhamos os três em seções diferentes e distantes e eu continuava meu jogo, vivia bolinando a Cacau sempre que tinha chance e vivia meu namoro sólido com Lúcia.
Então o destino jogou a meu favor... Num fim de ano teríamos uma festa de confraternização da empresa e Lúcia não iria, já que ainda não estava completamente enturmada e ainda por cima tinha obrigações a fazer em casa, já que era filha única e tinha que cuidar dos pais já velhinhos...
E nessa festa lá estava a Cacau, Julinho também iria e eu temia que nesse caso minha chance talvez diminuísse bastante, mas...
A festa estava bem animada, regada a muitos comes e bebes, bebes daqueles que eu gosto bastante, muita cerveja bem gelada, fui bem na manha com Cacau, mas não deixei de elogiar seu pezinho.
E numa dessas, cadeiras próximas, Cacau reclama:
­ Tô cansada... - E tira o sapatinho e coloca os pés no meu colo, que eu acaricio e massageio lentamente, fazendo o possível pra não erotizar muito o ato.
Consegui segredar baixinho no ouvido dela se ela tava tentando me matar de tesão, ouvi só um riso gostoso.
Sei que ficamos nessa putaria um tempão...
Saímos do boteco em uma turma grande e bem tarde, foi cada um para o seu canto e lógico que me propus a ir até o ponto de ônibus com a Cacau, nem chegamos lá e embora ela fizesse algum doce, começamos um amasso violento e como estava tarde e o local que estávamos não era dos mais calmos sugeri que fôssemos pra um hotel, ela relutou um pouco mas acabou indo...
Já no hotel fui tomar um banho até pra me recuperar do porre, voltei só de cueca, depois foi a vez dela, ela continuava regulando um tantinho, dizia que eu tinha namorada, que aquilo não era certo, mas certa altura já tava só de calcinha e com os pés e tudo o mais à minha disposição, eu já tinha minha língua naquele pezinho direito...
Tirei toda minha roupa e continuei com minha lambição, ela ainda estava de calcinha quando pegou meu pau e disse:
­ Nossa! Fui eu, foi meu pezinho que fez tudo isso! Que pau durão!
­ Claro que foi, quer ver ficar mais duro ainda? - E tirei a última peça...
Ela fez-se de envergonhada, mas quando deixou tudo à mostra fiquei admirado com a beleza da sua buceta, era gordinha, tinha os pelos bem aparados, sua bundinha era lindinha, engraçadinha e grandinha, até parecia que não cabia toda naquele tamanhinho que ela tinha...
Já era o momento de percorrer outros caminhos, aí até comecei lambendo os pezinhos de novo, lambi os dedinhos, chupei cada um dos dedinhos e ela ria e dizia que dava cócegas, subi, sem esquecer as pernas e coxinhas, devagarinho até a buceta gordinha e lambi o que vi pela frente, separei os lábios e enfiei a língua no grelo, que era bem visível, a menina começou a urrar e me apertar a perna, consegui me virar pra que ficasse na posição justa pra que ela me chupasse também, ela não teve dúvidas, colocou o cacete na boca e engolia o que podia, eu além de babar e sugar o que podia daquele clitóris, tentava acariciar a bunda e as coxas da baixinha, só que a chupada dela tava tão gostosa que eu fiquei com medo de gozar na boca e me preparei pra entrar naquela xota, foi só encaixar a cabeça do pau e empurrar devagarinho, quando o bicho tava dentro, senti tudo molhadinho e aconchegante, aí comecei o entra e saí cadenciado, chegava a por e a fazer movimentos pélvicos circulares, a menina gostou bastante, prestes a gozar diminuí o ritmo e pedi pra que ela ficasse de quatro, aí enfiei de novo na buceta e já enfiava e tirava com bastante rapidez, ela me pediu pra parar um pouco e fez um movimentos com a buceta que parecia que sugava meu pau, foi a primeira vez que senti aquilo, não sei bem se é pompoarismo, mas sei que me deu um tesão desgraçado, aí não teve jeito... Gozei muito dentro dela!
Quando parei a pequena ainda arfava e estava de olhos fechados.
Descansamos e fomos pra hidro, a baixinha insistia em ficar falando sobre a Lúcia e eu queria mais era ficar de namorico na banheira, acariciava os pezinhos e a ouvia falar de boa.
Discutimos um pouco, afinal ela fica com comparações com a Lúcia, eu só disfarçava e resmungava.
Mas conversamos mais algum tempo, era só 2 da manhã e como tínhamos ainda algumas horas de hotel, acabamos cochilando...
Acordei era 7 e meia e Cacau cochilava usando minha bunda como travesseiro, estava meio sem movimento, tinha que ir ao banheiro e mesmo com todo o cuidado do mundo acabei acordando-a. Ela me xingou e disse:
­ Tua bunda é gostosa... Melhor que o travesseiro... - E riu.
Também ri e devolvi.
­ A minha é bunda de pretinho básico, arrebitada e grande, a sua é gostosa de verdade e não só ela, mas você toda é gostosa, dos pezinhos à cabeça...
Fui ao banheiro, tomei outra ducha rápida e na volta à cama, Cacau estava de bruços, com os pezinhos bem visíveis e espalmadinhos, além do mais deu uma arrebitada na bunda, já voltei à cama de pau duro de novo, quando deitei ao seu lado, ela me deu um dos sorrisos mais sacanas que vi na minha vida...
Deitei-me de costas e olhava para o teto e via todos aqueles fetiches que me deixavam com tesão...
E ali mesmo eu passava a mão devagarinho na menina, o ângulo não ajudava muito, mas ela era bem baixinha - 1m47 - eu conseguia passar a mão da nuca até as pernas e só isso já era o suficiente...
Ela também passou a mexer comigo, passar a mão, pegou o pau e falou:
­ Poxa! Só uma olha e passadinha de mão já te deixou assim? E mesmo depois da gente ter fodido tanto? Ou eu to gostosa demais ou você ta a perigo mesmo...
­ Até que não to a perigo não, é que o tesão que eu sinto por você até me assusta, nunca senti tanto tesão por uma mulher. – Disse, já não podendo nem continuar, a pequena já começava a me chupar o pau de novo...
­ E é tara também pela sua bundinha, acho que só sossega quando entrar aí no meinho... Vira de bunda cima... - Exigi..
Ela reagiu:
­ De jeito nenhum. Não dou o cu não, dói...
Perguntei:
­ Dói? Como você sabe?
­ Ué, tentei dar e doeu – Respondeu a baixinha.
­ Ta... Mas vira! – Ordenei
­ Bem... Olha o que você vai fazer, se colocar vai arrumar uma inimiga e uma ex-transa. – Disse e pôs aquele rabinho virado pra cima.
Coloquei um travesseiro pra que ela se apoiasse e recomecei as carícias, agora enfiava o dedo dentro, ela chiava e olhava pra trás assustada, quando pus dois dedos ela reclamou mais ainda...
Então separei aqueles montes e passeei com a cabeça do pau na olhota do seu cuzinho molhado por minha língua, então empurrei devagarinho, quando a cabeça entrou a baixinha protestou que doía, eu só pedi que ela relaxasse e empurrei mais um pouco e mais outro pouco e mais...
­ Doeu um pouco, mas agora até que ta gostoso... Não machucou tanto, agora come bem devagarinho..
­ Espera eu colocar o restinho - Eu disse e comecei a empurrar.
­ Que porra! Pensei que já tinha entrado tudo, é muito cacete, continua pondo bem devagarinho!
­ Tenho o pau bem normal – Retruquei, aliás, é fato! E continuei lentamente até atochar o caralho inteiro no rabinho da pequena...
Todo dentro foi começar a entrar e sair, ela dizia que não doía mais, foi a senha pra acelerar os movimentos, como já tinha gozado bastante eu ainda não tava com vontade, então pedi pra que ela mudasse de posição e sentasse no pinto, aí a baixinha fez um verdadeiro balé, descia até ficar todo enterrado e subia até quase o pau sair, sentava até o fim e dava umas reboladas... Eu tava quase gozando quando pedi que ela ficasse de quatro, coloquei de novo o pau bem no fundo e fiz movimentos bem mais rápidos... Fiquei bastante tempo metendo de 4, aí ela não agüentou o peso e se apoiou de novo nos travesseiros... E recomecei os movimentos, agora mais rápido, quando eu chegava lá no fundo ela dava umas reboladinhas tímidas, numa dessas senti o comichão na cabecinha e fiquei parado bem lá no fundo e comecei a gozar, até me assustei, parecia que não acabaria nunca, dessa vez tinha saído tudo mesmo, toda a porra que tinha no corpo...
Esperei o pinto amolecer e ir saindo aos poucos de dentro do cuzinho da menina.
E ainda deu mais tempo de conversarmos:
­ Você é muito mandão, folgado e desrespeitador, eu tinha pedido pra não me comer o cu e você comeu mesmo assim, eu não devia nem falar mais com você... – Ela disse.
­ Mas foi tão ruim assim? Você até facilitou um pouco... - Argumentei
E ela, brava:
­ Se eu não facilito me machucaria.
­ Mas você já tinha feito anal, não tinha? – Indaguei.
Ela, quase jurando:
­ De jeito nenhum... Sempre pediam, mas nunca dei. Nem acredito como consegui receber esse caralhão imenso teu.
Até me lembrei do que disse o Julinho, mas não disse nada a respeito, mas reclamei:
­ Besteira... Eu tenho um pau absolutamente normal e o seu não foi o primeiro que comi e só machuquei a mim e à parceira uma vez, aliás, na minha primeira vez.
Fizemos o café da manhã e saímos do hotel quase 10 horas, já era sábado...
Foi o início de um belo caso. Claro que não virou uma ex-transam fodemo-nos muito e sempre eu acaba comendo aquele rabinho.
E ainda continuei meu namoro com Lúcia durante muito tempo, Cacau sempre vivia nas comparações, mas nunca pediu que eu ficasse só com ela, aliás, acho que a Cacau tinha mesmo era tara pelo proibido, só sei que ouvi dela que o que mais em mim a agradava era o tesão que eu tinha por ela inteirinha, ela dizia que nunca ninguém fora tão tarado por ela, de minha parte tenho certeza que nunca ninguém despertou tanto tesão em mim e que ninguém jamais terá tanto tesão por ela como eu tive...
Infelizmente com o tempo tudo acabou, mas ficaram marcados na minha memória aquele tempo todo que tivemos nosso caso.
Por fim não posso deixar de agradecer o Julinho, por ter acabado com meu desconhecimento com bissexuais e por ter despertado a curiosidade em mim em relação à Cacau.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


5886 - Banquete de lagostas - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
11158 - O tiozinho me pegou de jeito - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11159 - Bunda e boca pro cunhado. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11160 - Cu de mulher de bêbado não tem dono. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11161 - Um Banquete Requintado - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11163 - Solidão nunca mais. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11164 - Zonzinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11166 - A Calipígia' - Categoria: Fetiches - Votos: 3
11170 - Crentinha Virgem - Categoria: Virgens - Votos: 6
11178 - Reencontrando o titio que ja tinha me enrabado. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11185 - A coisa e o último cabaço. - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11192 - Preto na branca por Jasmina - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11206 - Um caso de amor em Miami - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11217 - A Salvação. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11220 - Pro meu corninho por Elaine - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11222 - Desempregado - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11240 - O pai do namorado por Morena - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11253 - Os Pintores por Elaine - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 7
11257 - Minha primeira trepada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11262 - Promovida por Izabelle - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
11273 - Dá pra mim? - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11289 - Profundo - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11291 - Tiro pela Culatra. Escrito por Sílvia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11303 - Tia Nina. Minha primeira vez. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11304 - Enrabada e Feliz - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
11307 - Por trás é melhor - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11308 - Na Bunda da Priminha Inocente - Categoria: Fetiches - Votos: 10
11309 - Namoro Anal Atrás do Sofá - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11319 - Um ex-namorado por Elaine - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11322 - Lembranças... - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11324 - Traindo meu noivo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11348 - Fantasma por Mel - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11351 - Chamou Até Pela Santa - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11360 - Uma vizinha reprimida - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11370 - Alvo Errado - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11379 - Momento de Loucura - Paula - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11385 - Por trás, dói? - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11387 - Jovem Casada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
11395 - Um Cunhado Maduro - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11402 - Rosca sem fim por Teresa Silva - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11404 - Enrabada pelo cunhado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11406 - Dê e seu respeitável bumbunzinho. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11409 - Dominador de fêmea - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11421 - Negócios por Lana - Porto Alegre RS - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11423 - Desvirginado pela vizinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11431 - "Judeiei" - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11439 - Madura seduzindo e sendo seduzida por um garoto - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11446 - A bunda de Carla - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11448 - Dani mulher do meu melhor amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11460 - O Rabinho da Crente. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11461 - Meu tio começou pelo rabinho... por Sara - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11465 - Tara por aquilo preto - escrito por Solange - Categoria: Interrraciais - Votos: 5
11473 - A Pintadinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11489 - Seduzindo um coroa por SexyGirl - Categoria: Coroas - Votos: 4
11491 - A primeira namorada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11504 - Prazer e remorso por Ângela - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11518 - Titia tesuda por Helena - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11523 - Motel Sobre Rodas por Praiana - Categoria: Fetiches - Votos: 3
11540 - Samira - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
11548 - Priminho Selvagem - Dandara - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11553 - Não dou... Não dou... - Categoria: Virgens - Votos: 8
11568 - Paixão "bundal" - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11578 - Minha irmã não deu, eu dei... por Rebecca - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11581 - Corneando o namorado doentinho com um homem mais v - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11582 - Viciei no anal - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11593 - Amizade Antiga - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11594 - Preferência Nacional - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11600 - A Noivinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11603 - Vida de Casada. Escrito por Joana - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11607 - A colegial que levou pau - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11614 - Curso de Férias por Tatiana - Categoria: Virgens - Votos: 5
11618 - Dando o troco e lucrando... Por Apaixonada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11624 - Adorável Ruth - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11632 - A Negra - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11635 - O Ponto C - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11650 - Bom te ver.. "São as águas de março..." - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11661 - A mulher do juiz - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11679 - Férias do Namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11682 - Um anal inesquecível por Dayane - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11702 - Só fez o que quis por Mazinho - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11704 - Livre para voar por Mulher Ardente. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11729 - Só na frenta não por Mary Lindinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11735 - João Jumento - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11760 - Só atrás - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11764 - A magrelinha segurou o tranco - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11771 - Caricatura por Gerson - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11778 - Casamento em crise por Elaine - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11783 - A massagem erótica por Paula - Categoria: Virgens - Votos: 4
11794 - Arrombamento e tanto por Márcia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11808 - Rosquinha, leite e chocolate por Fabi - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11811 - Os olhos vagos de Maria Rita - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11820 - Dívidas de uma vizinha safada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11826 - O Dominador - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 4
11850 - O salvador da pátria por Márcia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11881 - A aposta de Cidinha - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
11893 - A Menina do Banheiro do Colégio - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11926 - Comida na fazenda por Mariana Frejat - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 4
11943 - Familiar - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11956 - Fazendo o que ele quer por Veridiana - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11981 - Iniciando a prima - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12012 - Tapas. beijos e muito mais... - Categoria: Fetiches - Votos: 4
12015 - Arrebitada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12027 - Tesão no rabinho de Alice. - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12032 - Santa por fora, diaba por dentro por Rosana - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12037 - O valor da experiência - Categoria: Coroas - Votos: 4
12060 - Um traseirinho gostoso - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12079 - Papai e mamãe... E cunhada! - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12080 - O pai do namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12092 - Titio por Clarice - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12103 - Telma e seu maravilhoso rabo. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12107 - Escravos do prazer por João - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12118 - Começou no ônibus por Quel Pastor - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12135 - Traí meu marido sem querer querendo... por Rita - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
12139 - Fetichismo em alto estilo - Categoria: Fetiches - Votos: 4
12146 - O lobo rural por Leninha - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12162 - Minhas Férias na Praia por Mariana - Categoria: Fetiches - Votos: 5
12168 - Primeira enrabada por Carol - Categoria: Coroas - Votos: 4
12172 - Mulher do meu amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12174 - Intimado a virar Ricardão - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12175 - O velho que satisfaz por Darlene - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12181 - Anal com Christina por Rogério - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12190 - O negão me rasgou por Flor - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12193 - Enrabada pelo inspetor - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12196 - Garoto mamado - Gil - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12210 - A Empregada Crente - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12212 - Gostosa por Maria M. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12262 - Lúcia, minha amante. - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 3
12268 - Aventuras de uma balzaquiana - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12288 - Macho negro por Verinha Loura - Categoria: Interrraciais - Votos: 1
12291 - A garotada do prédio por Joyce - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12293 - Viagem de sexo e prazer por Inês - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12304 - Reencontro - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12333 - Chifre a domicílio por Ruiva - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12382 - Literaturas - Categoria: Virgens - Votos: 3
12487 - Um rasgo de audácia - Categoria: Fetiches - Votos: 1
12490 - Uma vizinha. Uma bundinha... - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12498 - Seu eu deixo? Deixo sim... por Bundinha Gostosa - Categoria: Virgens - Votos: 3
12513 - Questão de tempo... Cuspinho! - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12541 - Bundas - O começo do vício - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12551 - Amante Gostosão por Aninha de São Paulo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12605 - Brindadeira de casamento por D., Pirassununga - SP - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12612 - Mudança radical por Norma - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12651 - Férias Maravilhosas por Irene - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
12659 - Verão Proibido - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12680 - Enquanto dormia o maridão - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
12846 - Meu sogrão por Gilda - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
13010 - Grupo de estudos sexuais por Louraça - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
13326 - Noivinha sacana do meu amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
13358 - Sexo anal é muito bom por Rosa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13359 - Cur virgem no puteiro - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
13368 - Ao mestre o rabinho - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
13400 - Faculdades anais por Melissa - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
13564 - A Lolita da Van - Categoria: Virgens - Votos: 5
13574 - Tesão na dança de salão por Cláudia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13971 - Sob o domínio do anal. Quebrando promessa! - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
13996 - Transa no clube por Morena Gostosa - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
13997 - Dei a bundinha e adorei, mas o cara... por Julie - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
13998 - Finalmente... por Marcela - Categoria: Virgens - Votos: 2
14121 - A baixinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 0
14172 - Se minha cozinha falasse - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
15842 - Sustos - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
16580 - Putinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
16778 - O primeiro de uma série. - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
23558 - Adoro garotos por Maria - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
38735 - O cozinheiro cuzinheiro. - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
38736 - A mandona. - Categoria: Fetiches - Votos: 0
43530 - A bundinha mais bonita da minha vida. Por Biel - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
49669 - O "rabinho" - Categoria: Interrraciais - Votos: 3

Ficha do conto

Foto Perfil rela210223
ni.

Nome do conto:
A ex do bi e seus pezinhos, suas coxinhas, perninh

Codigo do conto:
11157

Categoria:
Fetiches

Data da Publicação:
08/01/2011

Quant.de Votos:
4

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


buceta da mae com fotos contosrevista pornoContos Eróticos Seduzindo ovovô na piscinaconto esposa transa com moleque negrinhocrossdresser bundatirando o atraso com a sobrinha de minha mulher contosconto erotico de agronomoPorn totosa do papaiesposa na praia de nudismoconto erotico chupando o garotinhoContos eroticos de avo e netaconto erotico cachorradamundo erotico contosporno fotonovela879056 vidio pornoconto erotico gay macho dominador convida amigos pra fuder seu viadinho putinhopau de jegue arrombando minha vizinha e eu contosconto maconheiro roludodaddy son masturbationContosesfregandopau grande conto eroticocontos buceta da primaConto erotico meu marido frouxoanjo negro contos eroticoseu levei minha filha pro motel pra eu fuder o cu virgem da minha filha conto eroticohentai loirinhaeu e a tia evangelica casada da minha esposa conto eroticoconto trai meu marido bebado na nossa casaconto erótico minha amante menininhaRasgarao meu cu quandi eu era novinha contoconto erotico meu paisinhovídeo erótico gay com Rodriguinho meu patrãoSexo coroa que dona da casa que moro de aluguelconto eu hetero tinha 18 anos o pedreiro me comeuConto erotico pirralho metidowww.contos de incesto deixei titio chupar minha bucetinhaTraiçao incesto tio casado e sua sobrinha virgem conto eroticocontos eroticos fudendo o rabinho da minha avominha sobrinha com a buceta raspadinha contopunheta e lactofilia en beachconto erotico cheiraram minha calcinhaconto erotico gay dei o cu pro açougueiroquadrinho eroticos espiando a tiafotos sexo caseiros cornos de araxa mga primeira vez que ganhei uma siririca contoshttp://mozto.ru/conto/74946/526928/comi-a-coleguinha-gorda-por-apostame-apaixonei-e-dai.htmlhatai minnha mae e muita gostosacontos de foda com primos novinhos de pique escondeconto coroas foram estrupada por meninostraicao quadrinho humor erotico pornoContos erotico velhas dando pra novinhoConto erotico bucetinhaem cotral a mamae de seu amigo dormindo sem calisinha pornconto gay garoto hetero pirocudo comendo garoto c fotomeu padatro e gostozapcontos eroticos a novinha virgem da vilacontos eroticos "recatada"Zoofilia franco e belinhaconto erotico com o anaoconto erótico meu cachorro me comeu com shortinho atoladoirmao nem exita em foder buceta da irma dormindomeu pai viu eu com a buceta tufada e me tocouconto erotico vibrador intestinovídeo de sexo cazeiro com novinha tranzando co padrasto. e ele fala pra rla fica quieta para mae não ouvirContos eroticos de corno lua de melcontos meu pai pintudoconto erótico Figueira chupar minha rola pela primeira vezmeu filho comeu minha bunda quando eu fingia dormir contos eroticocontos veridico marido quis ver sua esposa com outro mega pauzudao dotado e conseguiupornohup irmaos novinho virgemcontos eroticos incesto na cachoeiramenstruada porno absorventecontos de estrupo em família comeram meu cu quando era bem novinho sofri na pica grandeda uma balançadinha e da uma chupadinhafilho transando com pai historias em quadrinhoscarolzinha santos baixinha gostoza trepano